E Pedro Nava se fez criança para poder brincar com o Menino Jesus…

Resultado de imagem para pedro nava frases

Pedro Nava, no traço de Ramon Muniz

Paulo Peres
Site Poemas & Canções

O médico, escritor e poeta mineiro Pedro da Silva Nava (1903-1984), no poema “Se Eu Soubesse Brincar”, mostra como a brincadeira das crianças revela o seu infindo potencial imaginário. Segundo os educadores, brincar é uma linguagem natural, e é importante que a criança esteja presente na escola desde a educação infantil para que possa se colocar e se expressar através de atividades lúdicas, considerando-se como lúdicas as brincadeiras, os jogos, a música, a arte, a expressão corporal, ou seja, atividades que mantenham a espontaneidade das crianças.

SE EU SOUBESSE BRINCAR
Pedro Nava

Si eu tivesse seis anos si soubesse brincar
pedia ao Menino Jesus que viesse me dar
seus brinquedos coloridos

E ele dava mesmo dava tudo
dava brinquedos variados de todas as cores
brinquedos sortidos
dava bolas lustrosas pra mim soltar de noite e
mandar todas pro céu com minha reza

Dava bolas dava quitanda dava balas
e havia de ficar melado, todo doce de minha baba.

E dava homenzinhos, arvinhas, bichinhos, casinhas e
em minhas mãos ingênuas eu tirava o mundo novinho,
cheiroso de cola e verniz, das caixas nurembergue
pra recomeçar deslumbrando a brincadeira da vida

O Menino Jesus dava tudo si eu fosse menino
si soubesse brincar pra brincar com ele.

5 thoughts on “E Pedro Nava se fez criança para poder brincar com o Menino Jesus…

  1. 1) Ótima poesia do grande Pedro Nava, que morava aqui pertinho, na Glória e hoje está na outra Glória, lá no Céu.

    2) O dia de hoje é muito apropriado para essa postagem. Em várias cidades da Europa, se comemora o Dia de São Nicolau (270-343), está sepultado na Basílica de Bari , Itália, é o amigo e protetor das crianças.

    3) São Nicolau é o Padroeiro da Rússia, da Noruega e da cidade de Amsterdam.

    4) Infelizmente, o Brasil que é muito consumista, preferiu, nesta época, a badalação do símbolo de um refrigerante.

    5) Ele andava com uma capa verde ou marrom, devido ao frio desta época. Tinha uma barba longa e a barriga da idade. Mas o tal refrigerante vestiu o símbolo de vermelho.

    6) Feliz Dia de São Nicolau para todos (as), pois temos uma criança em nosso interior. Essa criança é a Energia do Menino Jesus, da poesia de Nava.

    • Há controvérsias. Em Amsterdam o Sintaklaaus já não tem mais o seu ajudante conforme a tradição. O Pedro Preto, ou Zwarte Piet, que carregava as sacolas do bom velhinho, foi abolido em 2014 na capital da Holanda, por representar um estereótipo negativo. Não tá fácil pra ninguém!

    • Prefiro um refrigerante a qualquer santo. Refrigerante refresca, santo corrompe. Ninguém saiu da pobreza por rezar nem deixou de ter câncer por a igreja frequentar.
      Santos como monges só servem á Igreja, são inúteis fanáticos e não devem ser adorados. Estamos no século XXI (pelo menos o resto do mundo está).
      O Menino Jesus de que o senhor fala tornou-se um adulto que arrebanhava humildes para a sua revolução e prometia retornar o sacrifício feito pelos seguidores multiplicado por 100 – está na Bíblia, o homem era um demagogo.

  2. “”Soubéssemos nós adultos preservar o brilho e o frescor da brincadeira infantil, teríamos uma humanidade plena de amor e fraternidade. Resta-nos, então, aprender com as crianças.” (Monique Deheinzelin).
    Pedro Nava sabia!

  3. Acho que não temos nada a aprender com as crianças, mas temos sim muito a ensinar. A criança é tola, inocente, pura – é praticamente vazia em experiências vivenciais. É através da fase de norture que ela se aperfeiçoa para se tornar um adulto – e nós somos os coaches para treiná-los e prepará-los para a vida. Elas são lindas? Sim, e devemos amá-las intensamente como fazem todos os seres vivos. Até um esquilo se sacrifica pelo seu filhote, assim somo nós – a Teoria da Evolução explica isso.
    Esse verso “O Menino Jesus dava tudo si eu fosse menino, si soubesse brincar pra brincar com ele” nem chega a ser infantil quanto mais poético.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *