Eduardo Paes volta a falar na demolição da Perimetral

Logo no primeiro ano em que abandonou o PSDB para se eleger prefeito (ou que se elegeu prefeito por ter abandonado o PSDB), anunciou assombrosamente que ia DEMOLIR a Perimetral.

Imediatamente duas críticas veementes: de Pedro do Coutto e deste repórter. A do Pedro, mas consistente, a minha, mais veemente. “O estilo é o homem”, escrevemos “em cima do laço”, não temos a obsessão da enciclopédia, hoje, perdão, a mais perniciosa, do Google.

Agora, voltamos e o prefeito recebe uma carga de voltagem maior, pois repete e insiste no erro. O Pedro do Coutto exige a resposta ou a informação: “O que o prefeito vai fazer com os 120 mil veículos que passam diariamente por essa Perimetral?”. O resto da argumentação, irrespondível, vocês encontram aqui mesmo.

A minha estranheza; anunciou a derrubada da Perimetral, há mais de um ano. Agora, veio a público, anunciar a LICITAÇÃO PARA ESCOLHA das empreiteiras, para 2013. Simplesmente 2013, nenhum detalhe a mais.

O senhor Eduardo Paes é desinteressado e desligado da opinião pública, duas vezes. A primeira, quando não informa mais precisa ou detalhadamente à coletividade. É 2013 e pronto.

A segunda, um esquecimento lamentável: em 2013 não estará mais na prefeitura. Seu mandato termina em 31 de dezembro de 2012. Será excesso de otimismo, certeza da reeleição. Ou sabe que o que aconteceu em 2008, se repetirá em 2012?

PS – Só para lembrar: antes, relator de uma CPI, e secretário geral do PSDB, disse horrores (até coisas impublicáveis) do presidente Lula.

PS2 – Candidato a prefeito, sabia que para ser escolhido, precisava do cabralzinho, cumprindo ordens do presidente Lula.

PS3 – “Aceito” no PMDB de cabralzinho, tinha que se arrojar aos pés de Lula e desdizer o que dissera. Nenhuma hesitação: se arrojou e se desmentiu. Que República.

PS4 – Eduardo Paes é um estouvado, que palavra, não mede tempo nem palavras. Há meses e meses anunciou espetacularmente: “Vou retirar a Avenida Rio Branco do trânsito, vou fechá-la (sempre no pessoal), criarei ali um PARQUE GIGANTESCO”.

PS5 – Imediatamente perguntei amigavelmente a Sua Excelência, (é isso?) o que seria feito das dezenas de milhares de carros que passam diariamente pela Rio Branco e transversais.

PS6 – Por linhas transversas (nada com transversais), ele disse, “o projeto está sendo analisado”. Se estão analisando, por que a comunicação efetiva, elucidativa e definitiva?

PS7 – Se com a Avenida Rio Branco, o engarrafamento é total, o que irá acontecer com o centro da cidade, sem ela? Deve ser um projeto GENIAL. Se entrar em funcionamento e FUNCIONAR, aqui mesmo darei os parabéns a Sua Excelência. (é isso?)

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *