Em meio à calamidade, os bilionários se omitem e sugerem reduzir salários dos servidores

CartuMinas: PAULO BARBOSA charge

Charge do Paulo Barbosa (Cartu Minas)

Charles Alcântara

O Globo, em editorial, pregou que os servidores públicos deem sua cota de sacrifício neste momento com a redução dos seus vencimentos. Não lembra que o Brasil possui 206 bilionários que, juntos, acumulam uma fortuna de mais de R$ 1,2 trilhão. Esses 206 bilionários pagam proporcionalmente menos impostos que a classe média e os pobres.

Se o país criasse um imposto de apenas 3% por ano sobre a fortuna de R$ 1,2 trilhão, seria possível arrecadar R$ 36 bilhões anuais, valor superior ao orçamento de 1 ano de todo o programa Bolsa-Família.

RIQUEZA CONCENTRADA – A soma de toda a riqueza das famílias brasileiras é de cerca de R$ 16 trilhões de reais, estando a quase metade de toda essa riqueza – ou seja, R$ 8 trilhões – nas mãos de apenas 1 % das famílias.

Se o país taxasse o patrimônio trilionário dessas famílias em apenas 1%, seria possível arrecadar R$ 80 bilhões, o que equivale ao valor de toda a receita estimada em 2020 para o Estado de Minas Gerais, o segundo mais populoso do Brasil, com mais de 20 milhões de habitantes.

Façam as contas: R$ 36 bilhões cobrados sobre a renda dos 206 bilionários, com mais R$ 80 bilhões cobrados sobre o patrimônio do 1% das famílias mais ricas, somados já significam R$ 116 bilhões. Esses R$ 116 bilhões a mais nos cofres públicos sequer representam sacrifício para esse punhado de bilionários, mas equivalem a praticamente todo o orçamento federal da saúde.

Se chamados a contribuir um pouquinho mais com o país, mesmo assim garanto que nenhum desses bilionários deixaria de frequentar os melhores restaurantes do mundo, satisfazer todos os seus desejos mais extravagantes ou deslocar-se nos seus jatinhos executivos de última geração.

Os donos do jornal O Globo fazem parte dos 206 bilionários e também das famílias brasileiras que detém, juntas, um patrimônio de R$ 8 trilhões.

Em editorial publicado no jornal de sua propriedade, edição desta sexta-feira (20), a bilionária família Marinho defendeu a redução dos salários dos servidores públicos como forma de colaborar com a crise gerada pela pandemia da Covid-19.

A família Marinho não se dispõe a abrir mão de uma parcela insignificante da sua fortuna para ajudar o país, mas se acha no direito de propor que os servidores públicos sejam confiscados em seus salários.

A contribuição em termos monetários que O Globo se dispôs a oferecer ao país num momento tão dramático foi um editorial indigno, desonesto e covarde.

Cada um dá o que tem, não é mesmo?

(Artigo de Charles Alcântara, presidente da Fenafisco, enviado por José Carlos Werneck)

15 thoughts on “Em meio à calamidade, os bilionários se omitem e sugerem reduzir salários dos servidores

  1. ATENÇÃO,
    VEJAM E TOMEM PROVIDENCIAS.
    PEC 37/2019 – Câmara dos Deputados articulam contra a Presidência da República
    Alex Diferolli | 28 de Mar de 2019 13h52
    (Deputado Henrique Fontana)
    Copia e Cola (ctrl+C & crtl+V)
    Os deputados petistas Henrique Fontana (PT-RS) e Paulo Teixeira (PT-SP) protocolaram nesta quarta-feira (27) proposta de emenda à Constituição (PEC 37/2019) determinando a convocação de eleições diretas sempre que o mandato de Presidente, Governador ou Prefeitos forem interrompidos em definitivo por qualquer razão.
    O texto da PEC é cópia assimétrica de outras duas PECs que foram arquivadas no dia 31 de Janeiro deste ano. A tentativa de desestruturar a relação do Presidente Jair Bolsonaro com o Vice-presidente Mourão está explícita em entrevista ao jornal “Rádio Câmara” no último dia 25.

    https://www.portalcis.com.br/links/editions/colunas/alexdiferolli/camara-dos-deputados-articulam-contra-a-presidencia-da-republica.html#frame1
    NESTE ENDEREÇO TEM AUDIO DO DEPUTADO EXPLICANDO O GOLPE.

    • Eles podem tentar, mas o Congresso Nacional não tem nenhum respaldo da população. É mais fácil o Congresso ser invadido pela população do que este golpe prosperar. Eles não conseguem medir forças com a FFAA e o povo.

  2. proposta de emenda à constituição n.º 37, de 2019 – Câmara …www.camara.leg.br › proposicoesWeb › prop_mostrarintegra › 2019
    PDF
    27 de mar. de 2019 – CONFERE COM O ORIGINAL AUTENTICADO. PEC 37/2019. As Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal, nos termos do art.

  3. Estão mal acostumados!
    3%? 1%?
    Pelo amor… isso é percentual de pinga.
    Tem que meter a mão em 10%!!
    Se reclamarem, a porta da rua é a serventia da casa.
    Podem ir pra Suíça ou um país parecido, o leão de lá vai tomar 50%!!

    Simples assim.
    Atenciosamente.

  4. O governo brasileiro é o causador da brutal diferença de renda.
    De onde vem a fortuna dos marinhos, dos eikes,dos odebrech?
    Concessão do governo,propagandas das estatais, financiamentos do bndes, construções super faturadas.

  5. Senhores deixamos di falar dos Ladrões di ontem e os di hoje..

    Vamos ao que interessa,povo está com o Vírus da fome,e os desgovernos por interesses eleitoreiros fazem cara di passagem.

    Nenhuma medida concreta foram tomadas,tanto na saúde, trabalho, educação,econômico.
    Em vigor só o toque di recolher,e a prisão domiciliar.

    Se os famintos,das FAVELAS descerem por asfalto, será um verdadeiro caos di proporções inimagináveis.

  6. O governo vai tirar mesmo é dos trabalhadores. Tirar na fonte é mais fácil .Tentar tirar dos milionários, dos salários e mordomias dos políticos, da cúpula do judiciário e de quem tem várias pensões e aposentadorias, vai haver reações, vão contratar bons advogados, irão entrar com ações na justiça e até transitar em julgado, a pandemia deve ter sido vencida.
    Isso aqui é Brasil.

  7. Cobrar imposto “dos ricos”, é o primeiro passo para o comunismo (escravizar o povo).

    Comentário de 2014 (quando o PT começou a aumentar impostos).

    Fique tranquilo; o lula vai criar o “fome zero” roubando dinheiro “da Zelile”. Hoje um estrato bancário custa R$ 1,00, e o banco só paga 10% (R$0,10) de impostos e lucrando R$ 0,90. O próximo esquerdista comunista, vai cobrar 50% de imposto desses bancos. Tudo bem que o banco vai aumentar o valor do estrato para R$ 2,00 (mantendo seu lucro); Pau no “fiuck” de quem paga imposto (o rico nunca NUNCA paga).

    • Como eu vivo do meu trabalho e suor. E não tenho tempo de ler tantos especialistas.
      Gostaria de ouvir o maior (o que mais) comentarista desse blog (É LOGICO QUE TEM MUITOS OUTROS QUE SÃO CENSURADOS, E QUE EU NÃO POSSO LER SUAS OPINIÕES); sobre o impostos dos ricos.

      E já aviso ao Francisco Bendell. A Parir de amanha, vou te cobrar (contrapor) sobre suas criticas contra o Bolsonaro.

  8. Acho que deveria tomar tudo (todo o dinheiro) de uma vez só; pois, se você ROUBAR só um pouquinho, no próximo ano, eles vão ter levado sua fortuna para o mesmo país que o lula levou.

    PS: Pense como uma pessoa normal.
    Quando você é roubado em uma rua (local); quanto tempo você fica sem voltar aquela rua.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *