Em nome de Jesus.com, Cunha faz política e negócios

Bernardo Mello Franco

A denúncia contra o deputado Eduardo Cunha, acusado de corrupção e lavagem de dinheiro, foi manchete de todos os portais brasileiros. Ou melhor, de quase todos. No portal evangélico “Fé em Jesus”, a principal notícia era outra: “Eduardo Cunha fala sobre análise de contas de ex-presidentes”.

O site está registrado em nome da empresa Jesus.com e oferece serviços como o “Jesus Tube”, o “Jesus DJ” e o “Jesus Mail”. A firma pertence ao presidente da Câmara e à sua mulher, a jornalista Cláudia Cruz.

O “Fé em Jesus” é um dos oito endereços da Jesus.com na rede. Como pessoa física, Cunha detém nada menos que 284 domínios. O latifúndio virtual integra um plano imodesto, anunciado pelo deputado, de “criar um mundo evangélico na internet”.

ENDEREÇOS

Os endereços comprados pelo peemedebista deixam claro o seu interesse em lucrar com a fé alheia. Entre os domínios, estão shoppingjesus.com.br, compracrente.net.br, jesuschat.com.br e fenodesconto.net.br.

Cunha também registrou endereços que misturam o nome de Jesus aos de portais famosos, como facebookjesus.com.br, facejesusbook.com.br, e jesusgoogle.com.br. Se os donos das marcas quiserem explorá-las, terão que negociar com ele.

Nesta terça, o Ministério Público revelou que o investimento em sites é apenas a face mais visível das transações do deputado com a fé cristã.

ASSEMBLEIA DE DEUS

De acordo com a denúncia oferecida ao STF, parte da propina do petrolão foi paga em “transferências para Igreja Evangélica, a pedido de Eduardo Cunha”. O lobista Júlio Camargo, que delatou o presidente da Câmara, repassou R$ 250 mil à Assembleia de Deus em Madureira.

O Ministério Público diz que a vinculação do deputado com a igreja é notória porque ele frequenta cultos de um de seus líderes, Abner Ferreira. Se acessarem o “Fé em Jesus”, da Jesus.com, os procuradores encontrarão ligações mais fortes. Abner, o pai e o irmão, também pastores, são colunistas do portal de Cunha.

7 thoughts on “Em nome de Jesus.com, Cunha faz política e negócios

  1. Fé demais não cheira bem.””
    Usa o Livro Sagrado apenas como subterfúgio de suas ladroagens, corrupção e bandalheira com o dinheiro público, meu, seu, nosso, pagos religiosamente atráves de altas cargas de impostos.
    Se fossemos um Páis sério, ja estaria no corredor da MORTE……
    Esperando a vez.
    VIVE LA FRANCE.”!!!!!!!

  2. Por falar em Livro Sagrado..
    Salmo 101:7
    “Quem pratica a fraude
    não habitará no meu santuário;
    o mentiroso não permanecerá
    na minha presença.”

    Este versículo em outras versões da Bíblia.

    O que usa de fraude não habitará em minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos.

    O que usa de engano não ficará dentro da minha casa; o que profere mentiras não estará firme perante os meus olhos

    OBS.. O Corrupto-Politico-Religioso-Talebanjeguis, deve tá lendo outro livro….

  3. Só falta, com este espírito cristão que Cunha vem demonstrando em sua atuação na Câmara e nos pixulecos da subsidiária da Petrobras, a bagatela de U$ % milhões de dólares, agora tornar-se pastor evangélico. Santidade para isso ele está demonstrando a granel e mais provas da santidade dele vão aparecer nas investigações da PGR. Políticos que se elegem à custa de votos evangélicos não é novidade, e todos eles parecem cristãos exemplares como Cunha: Marcelo Crivela, por exemplo, que rezava todo dia na televisão ao lado de uma cruz. O cunhado de Crivela, o Bispo Macedo, foi recompensado por Deus pela sua fé e por isso vive hoje arquibilionário nos Estados Unidos, com sua Santa Igreja Universal do Reino de Deus preparando mundo afora (tem filial até em Angola) preparando os fiéis para irem para o Céu, por um módico dízimo de 10%, dependendo do milagre a ser feito. Milagres ainda terrenos, que precisa de mais preces dos pastores, precisam arregimentar mais e mais prendas em dinheiro de seus felizes fiéis.

    Talvez, seguir o santo modelo do Bispo Macedo seja a melhor opção para o hoje deputado Eduardo Cunha ganhar a subsistência, depois de sua cassação, que parece inevitável.

  4. Se o Eduardo Cunha for condenado e cassado, que seja após colocar
    o impeachment da Presidente Dilma em pauta e para felicidade da Nação seja aprovado seu impedimento. É muito mais importante para o país neste momento o impeachment da Presidente que a cassação do Cunha.
    Quando se têm dois problemas, resolve-se primeiro aquele que oferece risco de vida.

  5. Na legislatura passada era o Marco Feliciano, lembram? o Homofóbico, que presidia a Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal. Na atual legislatura, é a vez de Eduardo Cunha, Presidente da Câmara Federal, como o primeiro o segundo também foi denunciado, como o primeiro o segundo também terá o direito a ampla defesa, independente da sua fé. Os cristão verdadeiros vivem da fé em Jesus Cristo, o verdadeiro salvador. Ficam felizes quando ver um irmã da fé em posto de destaque na sociedade e triste quando estão ou são envolvidos em escândalo de qualquer natureza. A diferença é que os cristãos sabem, que a justiça verdadeira só a Deus, pior se não houver verdadeiro arrependimento, será eterna.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *