Era só o que faltava: Jucá quer blindagem total dos presidentes de Câmara e Senado

Resultado de imagem para romero jucá

Romero Jucá já protocolou sua emenda constitucional

Maria Lima
O Globo

O presidente nacional do PMDB e líder do governo no Senado, Romero Jucá (RR), protocolou na noite desta quarta-feira uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que dá aos presidentes da Câmara, do Senado e do Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de não ser investigado por fatos anteriores ao mandato, enquanto no cargo, o que já existe para o presidente da República. Jucá disse que não é possível que um presidente de Poder seja “sacado” do posto pela vontade de um procurador, mas nega que a PEC seja um movimento para atrapalhar as investigações da Operação Lava-Jato. Os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), foram citados por delatores da operação.

— Não há intenção de blindar ninguém. Só estamos dando o mesmo tratamento constitucional do presidente da República aos presidentes dos outros Poderes. Um presidente de Poder não pode, por vontade única de um procurador, ser assacado do cargo. Não entra na minha cabeça que um presidente, a qualquer momento, possa sair da linha sucessória pela vontade individual de alguém. Isso não é democrático — defendeu Jucá.

APOIO DA BASE – A PEC foi protocolada com 28 assinaturas de senadores da base e vai direto para a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), presidida pelo senador Edison Lobão (PMDB-MA).

A PEC altera o Artigo 86 da Constituição, “para assegurar imunidade relativa aos possíveis ocupantes do cargo de presidente da República, assim como para assegurar a harmonia entre os Poderes”.

Autor, junto com a Rede, da Ação de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) que pede que réus sejam proibidos de ocupar a linha sucessória, o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) chamou o projeto de “PEC da indecência”. A ADPF já conta com maioria no STF, mas o julgamento ainda não foi concluído.

BLINDAGEM TOTAL – O texto de Jucá propõe que “o presidente da República, assim como quem puder sucedê-lo ou substituí-lo, nos termos do disposto no artigo 80, não poderá ser responsabilizado por atos estranhos ao exercício de suas funções durante a vigência do respectivo mandato ou enquanto ocupar o correspondente cargo”.

— Não queremos parar a Lava-Jato. Vamos abrir a discussão. Os senadores que tiverem coragem votarão comigo. Os que não quiserem votar, se agacharão e tirarão a representatividade do Congresso Nacional. Se depender de mim, isso não acontecerá — disse Jucá.

REAÇÃO – O senador Otto Alencar (PSD-BA) protocolou documento na Mesa do Senado pedindo a retirada de sua assinatura. Segundo sua assessoria, o senador baiano é contra a medida e assinou sem ler o texto levado por um assessor do presidente do PMDB, no momento em que estava relatando no plenário o projeto que regulamenta a pesquisa clínica. Com a desistência de Alencar, restam 28 assinaturas, uma a mais do que o necessários para a PEC tramitar.

Para se contrapor a proposta de Jucá, o senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES) começou a coletar assinaturas para uma PEC que proíbe que réus assumam o cargo de prefeito, governador, presidente da República e presidentes do Legislativo e Judiciário. Ferraço já conseguiu seis assinaturas.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
O senador Romero Jucá deve estar necessitando daqueles remédios de tarja preta comuns em Brasília. Parece estar “variando”, como se diz no Nordeste. Seu estado inspira cuidados à saúde da democracia. (C.N.)

13 thoughts on “Era só o que faltava: Jucá quer blindagem total dos presidentes de Câmara e Senado

  1. Enquanto o Brasil esta na maior crise economica que foi gerada pelos politicos atuais , nenhum politico atende o pedido do povo para sair dessa crise economica, so pensam em ganhar o dinheiro e passer leis que prejudicam o Brasil e o povo sofrido sem saude, sem salarios e sem trabalho, passam fome e o direito a uma vida digna, sou a favor do corte imediato de todas as mordomias e salarios dos politigos, entre eles,governadores, prefeitos e do proprio presidente . Corte do salario dos juizes , e o fim do foro privilegiado, se for para o bem geral da nação brasileira que nao aguenta mais tanta pouca vergonha., esta na hora do povo se manifestar contra essa corja nefasta que esta no congresso passando leis em beneficio proprio.

  2. Acho engraçado as declarações deles, dizem que é tudo mentira o que os delatores falam, será teria uma imaginação tão fértil para inventar com tantos detalhes as delações, sempre a mesma ladainha, não sabem, é mentira, tudo invenção, aí é que MP, PF, deveriam apurar a fundo e desmentir esta cambada na cara.

  3. Todos os bandidos correndo para se protegerem…
    Jucá (o CAJU da Odebrecht), bem como vários dos seus pares, estão desesperados, pois sabem que, cedo ou tarde, se tornarão réus. Correm para legislar em causa própria…
    Se algum dia o Congresso teve uma pequena representatividade, hoje não resta mais nenhuma. A única prioridade, hoje, é encontrar uma forma de se livrarem da cadeia. O Brasil que se dane!
    O único remédio que pode salvar o Brasil é fechar este Congresso e convocar novas eleições

    • Corretissimo!

      “O único remédio que pode salvar o Brasil é fechar este Congresso e convocar novas eleições”

      Eleições diretas, SEM urnas eletronicas…

  4. Assino em baixo da NR e dos comentários, que Deus nos ajude, a sair desse oceano de lama, de forma pacifica, Temer está para Chefão das quadrilhas, que infelicitam 220 milhões.
    Rui Barbosa: A fome é má conselheira; lembro uma frase, que se encaixa perfeitamente no Jucá:”Quanto mais corrupto for o país, mas leis ele terá” Tácito(cerca de 56.129), orador e historiador romano. Jucá e a corja, exemplos verdadeiros, de vilipendiadores e estupradores, das leis, que tornam a Constituição federal, uma colcha de retalhos, com suas emendas criminosas.
    Pobre Brasil, acorda, estás a beira do abismo.

  5. Alegro-me em ler cada vez mais comentários que concordam comigo, que a solução para o país passa obrigatoriamente pelo fechamento do corrupto e desonesto poder Legislativo!

    Quando comecei a registrar esta ÚNICA alternativa de retomarmos o desenvolvimento, li algumas críticas referentes à quebra da tal democracia.

    Mais ou menos como os que votarão em Lula em 2018, que deixarão de lado que se trata de um ladrão, traidor, enganador, amoral, um indivíduo da pior espécie, mas lhe darão o voto.

    Pois bem, GRANDE BOSTA esta democracia, se é para ficarmos assistindo passiva e irresponsavelmente, os roubos diários praticados pelos “representantes do povo”?!

    De que nos adianta votarmos em ladrões, fingindo um “estado democrático de direito” que, os parlamentares traduziram para “podemos roubar à vontade”?!

    Para o raio que parta esta democracia, a verdade é esta.

    QUERO ORDEM E PROGRESSO!

    Quero trabalhar PARA MIM E PARA O BRASIL, e não sustentar esta corja de criminosos, esta quadrilha, cujo antro é a Casa do Ladrão, QUE DEVE SER DEMOLIDA QUANDO O LEGISLATIVO FOR ABOLIDO!!!

    Deixar o Congresso sem demolir as suas instalações, e teremos a imagem permanente do mal que sempre nos comandou, explorou, roubou, violentou, e nos transformou em escravos durante MEIO ANO!!!

    Lamento pela arquitetura de Lúcio Costa e Niemayer, mas abaixo esses símbolos da ladroagem, da traição, da vergonha, de seres abjetos e deletérios, que arrasaram com o povo e país com suas pilhagens, leis em benefício próprio, comportamentos imorais e antiéticos!

    VOU MAIS ALÉM:

    QUE A PRAÇA DOS TRÊS PODERES VENHA ABAIXO TOTALMENTE, E QUE SE CONSTRUAM NOVAS EDIFICAÇÕES, MAS QUE NÃO SOBRE PEDRA SOBRE PEDRA SOBRE os desmandos e descalabros praticados dentro desses prédios contaminados pela permissividade, canalhice, tráfico de influência, jogo político, interesses e conveniências pessoais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *