Esportivas, estranhas e inexplicaveis

1) Os clubes dão poderes extraordinarios aos tecnicos. Contratam, “descontratam”, escalam, “desescalam”, quando protestam ou reclamam, são demitidos. Caso de Luxemburgo, que parece muito com pretexto.

2) Tudo indica que Luxemburgo deva morar no Rio nos proximos tempos, quer dizer, semanas. Se o acordo com Zico e o Flamengo for para valer, sobram ainda o Fluminense e o Botafogo.

3) Demissão de tecnico não é desonrosa, do ponto de vista moral ou de competencia. Muricy, demitido do São Paulo depois de ser tricampeão (verdadeiro) foi logo sondado pelo Palmeiras. Contratado? Depende.

4) O tenis brasileiro tem um jogador chamado de numero 1, com 30 anos e sem nenhum titulo. Não aproveitamos a Era Guga. Na Argentina, Espanha e Europa do Leste, surgem jogadores-revelações em quantidade.

5) Estamos perto de um fato inedito: dois clubes “grandes” na serie B: Vasco e Botafogo. Também pela primeira vez um “grande” permaneceria na B. Faltam 30 rodadas, mas vão muito mal.

6) Abel Braga, convidado pelo Palmeiras, categorico: “Estou feliz no Qatar, ganho mais do que no Brasil, sem problemas”.

7) O arrogante Renato Gaucho, desempregado há 7 meses, deu entrevista ao JB, deixando claro: poderia ser treinador de quem perdesse no Fla-Flu. Como empataram de maneir mediocre, o que acontece com ele?

8) Explosivo e quente o final da NNB (Novo Basquete do Brasil). Com 1 minuto, dois jogadores expulsos, briga geral, no fim a mesma coisa. Uma vitoria: a utilização da quadra Multiuso, abandonada.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *