Ex-governador Serra, senador reeleito, Garibaldi Alves

Helio Fernandes

Desesperado e sabendo muito bem que não conseguirá os indispensáveis votos para vencer no segundo turno, Serra tenta de tudo. Agradece ao POVO BRASILEIRO, “QUE ME TROUXE ATÉ AQUI”, até onde? Já disse que mudará toda a campanha, é a confissão do fracasso, nada a ver com reabilitação.

Está telefonando (e procurando PESSOALMENTE) até adversários ou representantes de outros partidos.

Queria o apoio de Garibaldi Alves, do Rio Grande do Norte, levou um  “fora” delicado, o senador é educado. Resposta: “Desculpe, Serra, sou fiel ao meu partido, o PMDB”. É verdade, mas existe um outro componente: Garibaldi quer ser presidente do Senado. Seu partido é majoritário, da mesma forma que o PT na Câmara.

Quando Renan Calheiros, depois de longa resistência foi obrigado a RENUNCIAR à presidência da “Casa”, Garibaldi foi o substituto. Agora, reeleito, Renan quer voltar ao cargo antigo, sabe que haverá resistência. Se houver mesmo, pode se conciliar com Garibaldi Alves.

E o que GANHARIA, apoiando Serra e se desligando do PMDB?

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *