Fabrício Queiroz depositou 21 cheques no valor de R$ 72 mil na conta de Michelle Bolsonaro, diz revista “Crusoé”

Valores são maiores dos que os apontados por Bolsonaro

Deu no O Tempo

A quebra do sigilo bancário de Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janerio (ALMG), aponta que o ex-policial militar depositou 21 cheques, no valor total de R$ 72 mil, nas contas da primeira-dama Michelle Bolsonaro. Os valores são maiores dos que os apontados pelo presidente Jair Bolsonaro ao justificar uma transferência que já havia se tornado pública. As informações são da revista “Crusoé”.

De acordo com a publicação, a análise da quebra de sigilo aponta que os repasses começaram ainda em 2011 e se estenderam até 2018. Isso colocaria em xeque a versão de Bolsonaro de que os valores seriam para pagar um empréstimo de R$ 40 mil feito para Queiroz.

MOVIMENTAÇÕES – A quebra do sigilo aponta que, em 2011, Michelle Bolsonaro recebeu três cheques de R$ 3 mil de Fabrício Queiroz. No ano seguinte, foram mais seis cheques de R$ 3 mil. As movimentações foram retomadas em 2016, quando foram registrados nove depósitos que, somados, alcançaram R$ 36 mil. Foram feitos um depósito em abril, dois em maio, um em junho, um em julho, dois em setembro, um em novembro e outro em dezembro.

Chama a atenção também que, no período, Queiroz não registrou a entrada de nenhum cheque ou depósito de Jair Bolsonaro. Nem mesmo os R$ 40 mil que o presidente alega ter emprestado para o amigo de longa data. Isso não significa que o repasse não possa ter se dado em dinheiro vivo.

INCOMPATIBILIDADE – Ex-PM e ex-assessor parlamentar, Queiroz movimentou, entre 2007 e 2018, um total de R$ 6,2 milhões, valor que, para o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) é incompatível de seus rendimentos. Desse dinheiro, apenas R$ 1,6 milhão são identificados como rendimentos efetivos do salário de PM e da Alerj. Outros R$ 2 milhões chegaram à conta do ex-assessor por meio de 483 depósitos fdeitos por assessores de Flávio Bolsonaro. Por fim, R$ 900 mil foram repassados em dinheiro sem a identificação do depositante.

O Palácio do Planalto ainda não se manifestou sobre o caso. Desde o início das apurações, o presidente Jair Bolsonaro tem negado qualquer relação com eventuais irregularidades cometidas no gabinete de Flávio Bolsonaro e enfatizado que os recursos para Michelle eram parte do pagamento de um empréstimo a Fabrício Queiroz.

Já Flávio Bolsonaro afirmou recentemente em entrevista ao jornal “O Globo” que só ficou sabendo em 2018 que o ex-assessor pegava parte do salário dos funcionários para, segundo versão do próprio Queiroz, recontratar pessoas para o trabalho de rua do gabinete. Disse, porém, que não teve participação no episódio e que reprova a atitude. A defesa do ex-assessor também tem negado qualquer irregularidade.

26 thoughts on “Fabrício Queiroz depositou 21 cheques no valor de R$ 72 mil na conta de Michelle Bolsonaro, diz revista “Crusoé”

  1. Diante dessa crise desgraçada, na qual estamos afunilando-nos, ter 21 cheques de R$ 72 mil depositados, na conta da esposa; nenhum marido se interessaria em querer saber da cumplicidade existente entre a companheira sortuda e o depositante!
    Pode derramar o metal, amigo oculto!

  2. Capitã Libras!!
    Libras esterlinas.

    Micheque: “Agora vocês me dão licença que vou pro culto. Vou ensinar pros outros que afanar é coisa do satanás”.

    Hoje o bicho louco, vai ficar mais louco ainda…

    Nada como um dia após o outro, esse inquilino tá se segurando igual bainha de calça de pobre, só por alfinetes.
    Lá vai barão pro centrão!!

    O capetão tem que ser parado já!

    Primeiro passo, Mourão.
    Segundo passo, Moro.
    Esse é o único caminho a ser trilhado pro país.

    Ou então:
    VAMOS NOS ESBORRACHAR COM FORÇA!!

    Cordialmente.

  3. A corrupção cada vez mais prova que é imbatível, sólida, inexpugnável!

    Nossos poderes constituídos elaboraram meios, os mais diversos e exóticos, para se locupletarem assim que empossados, e estenderem suas práticas ilegais a seus familiares, abrangendo substancialmente a fortuna roubada de um povo pobre e miserável, desempregado, analfabeto e analfabeto funcional.
    Em suma, nada mais fácil que tomar o dinheiro de incultos e incautos.

    Não comparando os depósitos feitos à primeira-dama, quase 100 mil reais, somando os primeiros 24 mil com esses 72 de hoje, com relação às quantias bilionárias que o PT nos surrupiou, convenhamos, é troco!

    Mas não é essa a questão, do valor, da importância, da quantia, não.
    A importância desse episódio é a sua continuidade na família do presidente, eleito para justamente alijar os petistas do poder, e impedir que a corrupção seguisse o seu caminho livre e sem qualquer admoestação.

    Não adianta:
    entra e sai governo, e a corrupção segue presente firme e poderosa.

    Nessas alturas, pouco se me dá, se Michelle sabia da origem do dinheiro ou não; se foi utilizada como laranja sem saber; ou se sabia desses depósitos e de onde eram oriundos.
    A questão é a continuidade de ilícitos e de desonestidades de maneira alarmante!

    Não há mais controle sobre a corrupção, a verdade é esta!
    O país está à mercê de negociatas, acordos espúrios, aliados criminosos, quadrilhas travestidas em partidos políticos, indivíduos da pior espécie nos governando!

    Pobre povo e pobre Brasil!

    • Caro Chicão,
      O pior de tudo isso é que vieram vestidos com o manto anticorrupção.
      Escondidos atrás de uma religiosidade que não existe.
      Já eram corruptos de longa data, milicianos desde sempre e nunca trabalharam. Sempre na mamata, sempre na boca da canaleta pra pegar dinheiro que não é deles, dinheiro do povo sofrido e dinheiro dos que pagam impostos.
      Veja, é toda uma família que vive disso e também as famílias satélites que ajudam no roubo, além de ex mulheres, cachorro, gato, periquito e papagaio.
      Todos se refestelam até mais não poder.
      As desculpas que eles apresentam, todos dizem, que são primárias e infantis.
      Não é nada disso… na verdade não tem como defender o indefensável, qualquer uma será mais mirabolante e mais sórdida que a outra daqui pra frente.
      A situação do “incorruptível bolsonaro” está por um triz.

      O que estamos vendo, é realmente o maior estelionato eleitoral da história do país, praticado pelo pior presidente que já sentou naquela cadeira.
      Um louco e mentiroso contumaz!

      Me lembro que você, eu e tantos outros tribunários o defendiamos antes das eleições, e acreditamos piamente que a dupla bolsonaro/MORO, dariam uma resposta cabal e definitiva pro pior problema que enfrentamos: A CORRUPÇÃO.
      Chicão, não há pais no mundo que prospere com esta corrupção. Em todos os níveis, há!
      Caraca! Todos metem a mão sem dó.
      Nem o poderoso EUA, aguentaria com este assalto ininterrupto aos cofres americanos.
      Por aqui, lemos todos os dias nos jornais, a varios eventos de assaltos, cada um pior e mais descarado que o outro.
      Assim, não tem como, tá muito difícil…

      Devolvam o brasil para os índios!!
      E recomecemos tudo de novo.

      Vamos nos esborrachar!!

      Um forte abraço e muita saúde pra aturar toda esta doença.

  4. Já se chega no poder corrupto.O processo de corrupção nos partidos é antiga pois administram governos municioais,estaduais estão no parlamento e chegam ao gov. federal.

  5. Todo mundo que votou em seu Jair sabia de tudo isso… só não esperava que os podres fossem revelados tão cedo…

    votaram em seu Jair por alinhamento ideológico e agora posam de espantados…

    Tanto é verdade que sabem que Moro esta vazando ilegalmente para a Crusoé e ainda assim querem votar em Moro que á uma cópia piorada de seu Jair que usou carga público em busca de poder… pura corrupção…

    • Salve, Alex Cardoso,

      Tudo bem?

      Olha, meu, tu tá sendo esperto!
      Se não tens mais como defender Lula, agora tu atacas Moro?
      Ah é assim, é?

      Moro vai ser eleito, se não o impedirem, claro.

      Teremos muitos debates na TI a respeito.
      Prepara os teus argumentos porque os meus já estão prontos.

      Seja bem-vindo, opositor, e dos bons!

      • Só quem fosse muito tolo para não ter percebido isso antes. Esse negócio de se apropriar de parte das verbas de gabinete, de parte das cotas parlamentares é coisa antiga.
        Isso que veio à tona e não foi agora (parece que o valor anterior era 40 mil) é apenas uma parcela do que foi desviado de dinheiro público para o bolso particular.

        E uma grande parte do legislativo faz isso.

        Espero que agora não venhamos com candidatos novatos que não provaram nada como gestores, sob o argumento simplista de que eles parecem honestos que é a condição mínima que qq candidato deve ter. Mas isso não basta.

  6. Espectro,

    Não vamos mesmo chegar a lugar nenhum desse jeito, com a corrupção dominando completamente o país, seus poderes constituídos, FORÇAS ARMADAS e instituições!

    Não há como reerguer uma nação com esse poderoso inimigo agindo nas nossas entranhas.
    O Brasil é um doente terminal, e queremos amenizar seus sofrimentos com antiácidos,
    iludindo um povo inculto e incauto, que medidas estão sendo levadas a efeito para combater a corrupção.

    Mentira torpe, safada.

    Não há canto desta nação que não existam casos de roubos, justamente nos poderes que JAMAIS deveriam permitir que acontecessem.
    Pois a corrupção ampliou-se de tal modo, que percebemos nossos governantes terem-na deixado de lado, tanto porque dela usufruem condições favoráveis para se locupletar, quanto compra mais aliados que impedirão o impeachment do ladrão.

    O congresso é um antro de venais e balcão de negócios; o judiciário impede a prisão dos ladrões originados dos poderes constituídos; a impunidade está à disposição das autoridades; os casuísmos são usados conforme interesses e conveniências; o povo está abandonado à própria sorte, e o governo federal é um mero serviçal do sistema.

    Conclusão:
    Somos testemunhas da implosão de um país que sempre foi tido e havido como de “futuro”.
    Não se falava para quem seria auspicioso o porvir, evidentemente, mas hoje sabemos quem foram os beneficiados, e que seguirão nesse caminho de riquezas e impunidades.

    Para nós, uma trilha árdua, subindo e descendo paredes de pedras, encostas íngremes, e sem qualquer aparato para alcançarmos nossos objetivos.
    A população brasileira volta à Idade da Pedra, onde sabe que precisa conseguir comida para aquele dia, e proteger a sua caverna de qualquer jeito.

    Além dos inimigos naturais, tem o poderoso dono das terras e das pessoas, o Estado, e se não aliar-se a milicianos ou calar-se diante desses crimes também, a morte é certa!
    Morto por ter cão, morto por não tê-lo.

    O nosso destino é inglório, humilhante, desprezível, pelo fato de, jamais, em tempo algum, soubemos nos valorizar.
    Pelo contrário, sempre fomos alienados, covardes, passivos, permissivos, irresponsáveis conosco e com o país!

    As elites, banqueiros, poderes constituídos, perceberam nossas falhas gritantes, e trataram de ocupar espaços que deveriam ser nossos.
    Resultado:
    Na razão inversamente proporcional que aumentamos os números de pobres, miseráveis, desempregados, doentes, analfabetos … as elites, castas, poder econômico, o sistema, cada vez mais enriquecem!

    Indiscutivelmente, a realidade brasileira supera a ficção.

    Abraço.
    Saúde e paz.
    Te cuida, meu!

  7. Chico e Espetro, minha admiração pela capacidade e disposição para expressar ideias tão coerente e didaticamente.
    Fico feliz porque vocês tenham se
    debruçado sobre meu assunto favorito: A corrupção como causa de todos os males nacionais.
    Causa e consequência de uma estrutura legal elaborada em todos níveis por pseudos representantes do povo, legislando em causa própria e fornecendo suporte para a impunidade.
    Permito-me usar uma analogia fisiológica, a corrupção é semelhante a um câncer que destrói o organismo a través da hiperplasia das células e que se não forem destruídas pela químio ou radioterapia, crescerão até dominá-lo e levá-lo ao óbito. Na corrupção, temos que eliminar as células doentes pela punição, cadeia para cortar-lhes oxigênio, a impunidade as mantêm em crescimento constante, sendo que o paciente já esta debilitado e não aguentará muito mais.

  8. Moreno,

    Na minha época, os protocolos para tratamento de câncer na sua maioria, exigiam o denominado Neoadjuvante.

    Explico:
    Primeiro se diminuía o tumor à base da quimioterapia ou poliquimioterapia;
    exames posteriores, verificariam se o tumor diminuiu;
    caso positivo, viria a cirurgia;
    após a retirada do tumor, a radioterapia, seguida de quimioterapia.

    Uma neoplasia só se descapsula, ou seja, rompe a “embalagem” do tumor, depois de muito tempo no organismo sem tratamento.

    Uma vez que as células malignas estão “soltas”, as metástases são originadas através da corrente sanguínea, sistema linfático e cavidade subaracnoidea.

    Nessas alturas, o câncer disseminado pelo organismo, a cura é praticamente impossível.

    Dito isso, o organismo brasileiro está com metástases espalhadas pelo corpo!
    E não há cirurgia para os órgãos atingidos:
    Os três poderes!

    O fim dessa nação é inexorável.
    Claro, o Brasil tem tempo antes de expirar, mais três, cinco anos, caso nada for feito em benefício do país e do povo.
    Não é mais possível e aceitável, que as condições já carentes da população, ainda a obrigue pagar mais impostos para manter um sistema que nos elimina gradativamente.

    Enquanto o povão precisa se virar com 600,00 mensais, as castas embolsam desse mesmo povo pobre e miserável, 200 mil mensais!
    Afora mordomias, regalias, penduricalhos, privilégios, aposentadorias especiais, IMPUNIDADE, E DEMAIS PROTEÇÕES DIGNAS PARA OS PODEROSOS, os donos do Brasil!

    Portanto, parceiro, basta de promessas, pois da parte de nossos governantes é só o que ouvimos.
    Se Bolsonaro nos havia prometido combate à corrupção, a bem da verdade ele trouxe a sua, particular, doméstica.
    Verificando que governar a nação, os corruptos não permitiriam, o que foi que fez?

    Entregou-os ao povo?
    Acusou-os de traidores?
    Nada.
    ALIOU-SE ao centrão!!!!
    Alegando cínica e hipocritamente, que precisa “governar”,

    Em outras palavras:
    Bolsonaro ratifica, confirma, comprova, que a corrupção MANDA NESSA REPUBLIQUETA!
    E, de tal forma, que sequer os militares podem com ela, pois, se enfrentada, explodirá como bombas atômicas, e não restará pedra sobre pedra!

    Nós, eu, tu, Espectro, Mediador, articulistas, outros colegas nossos, uma boa parte da população, temos consciência da iminência desse desastre, dessa tragédia, que implodiremos ali adiante.

    No entanto, a ânsia por dinheiro, a vontade de roubar o povo e país é tanta, que as autoridades perderam completamente o senso, perderam o rumo, e só sabem nos dar prejuízos e danos de monta.

    E querem cada vez mais dinheiro.
    Cada vez mais surge um imposto safado, solerte, novas taxas, pois o sistema – leia-se castas, elites e poder econômico – não pode sofrer qualquer interrupção de queda nos proventos milionários do grupo, e queda nos lucros extorsivos dos bancos.

    AFINAL DAS CONTAS, Paulo Chicago Guedes Boy é da escola de … Chicago!

    Pensa comigo:
    economia em frangalhos;
    salários baixíssimos;
    consumo inexistente;
    produção menos da metade do que podemos fabricar;
    desemprego;
    miséria cada vez maior;
    pobreza aumentando;
    saúde se deteriorando;
    educação, que sequer combate o analfabetismo mas, em compensação, o congresso e o judiciário são os poderes nacionais que melhor são remunerados no mundo!!!

    O povo morre de fome, desesperado, desesperançado, jogando-se às milícias para ter um sustento, mesmo agindo criminosamente.
    Mas, as elites, castas, poder econômico são imunes às crises, ao caos, pois suas seguranças pecuniárias, físicas, morais e patrimoniais estão garantidas!

    Tá feia a coisa, muito feia!

    Outro abraço.

  9. Caros , Chicão e Moreno,
    Agradeço por me inserirem nos seus escritos, não tenho gabarito pra acompanhar seus lúcidos comentários.

    Vendo tudo isto que está acontecendo, me lembrei duma frase memorável de Victor Hugo, proferida no parlamento francês algum tempinho atrás (rs)

    “Se vocês não quiserem progresso… terão revolução”.

    Pois é…

    Vamos nos esborrachar…

    Um duplo abraço.
    JL

    • Sr Alex, seu comentário despertou minha curiosidade e tenho, sinceramente, procurado uma macela política, social, econômica, legal, judiciária ou moral, neste país, que não seja causa ou efeito de corrupção pecuniária ou de costumes, sendo assim e constatando que o senhor, a exemplo de muitos outros, tenta relativizar a nocividade da praga para o funcionamento de uma sociedade medianamente equitativa, gostaria que me esclarece-se a respeito desses males independentes da “praga”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *