Fachin autoriza transferência de Geddel da Papuda para Salvador

Geddel Vieira pediu para ficar mais próximo dos filhos e da mãe

Paulo Roberto Netto
Estadão

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato na Corte, autorizou a transferência do ex-ministro Geddel Vieira Lima (Secretaria de Governo/Michel Temer) para o Centro de Observação Penal de Salvador. A decisão atende pedido da defesa, que requisitou a mudança para que o emedebista fique mais próximo da família.

A petição protocolada pelo advogado Gamil Flöppe destaca que Geddel tem dois filhos menores de idade e mãe idosa e portadora de doenças graves. O ex-ministro está detido preventivamente desde 8 de setembro de 2017 por ordem da 10ª Vara Federal do Distrito Federal.

COM HACKERS – Geddel está preso no Complexo Penitenciário da Papuda, dividindo espaço até com os hackers que invadiram o celular do ministro Sérgio Moro. Inicialmente, Fachin negou a transferência por precisar de tempo para verificar se ainda restavam ações penais em aberto contra Geddel na justiça federal de Brasília e cobrar informações do governo da Bahia sobre a possibilidade de receber o ex-ministro no sistema penitenciário baiano.

A Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização respondeu que ‘disponibiliza vagas no Centro de Observação Penal – COP, Unidade que dispõe das condições de segurança exigidas para o recebimento de presos que respondam a ação penal naquela Corte Suprema’.

BUNKER – Geddel foi preso preventivamente na ação penal que investigou o bunker com R$ 51 milhões apreendidos em Salvador. Em outubro, a Segunda Turma do Supremo condenou o ex-ministro a 14 anos de prisão por crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Com o julgamento encerrado, Fachin avaliou que não há mais ordens de prisão emanadas de autoridades com jurisdição no Distrito Federal contra Geddel. O ministro destacou que o emedebista mostrou ‘bom comportamento’ por efetuar trabalho voluntário desde abril e ser estudante de cursos profissionalizantes, ‘além de remir pena também pela leitura’. A Procuradoria-Geral da República também se manifestou a favor da transferência.

CUSTÓDIA – “Ante o exposto, defiro o pedido de transferência formulado por Geddel Quadros Vieira Lima, autorizando-o a cumprir sua custódia no Centro de Observação Penal – COP, localizado na cidade de Salvador/BA”, decreta Fachin.

2 thoughts on “Fachin autoriza transferência de Geddel da Papuda para Salvador

  1. Todas as religioes escondem a sua forma de enganar e perseguir. Nao existe pureza nas grandes religioes. Seja judaismo, cristianismo, islamismo e outros “ismos”.

    • Judeus negros, também conhecidos como israelitas hebreus Wanbee, desmistificados.

      Os murais da Dura Europos foram descobertos sob escombros por mais de 1700 anos, até que uma descoberta casual por acidente na década de 1920 os comprou à luz. Essas incríveis obras de arte criadas pelos antigos israelitas, muitas com cenas bíblicas que vieram dessas importantes ruínas e é a mais antiga sinagoga e igreja já encontrada.

      https://www.youtube.com/watch?v=Gzl3bey-awI

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *