Fique de olho no céu, em 27 de setembro

Resultado de imagem para ASTEROIDE RUMO À TERRA

Vem aí o planeta X, mais uma ameaça celeste contra a Terra

Carlos Chagas

O Laboratório Astronômico do Vaticano acaba de confirmar: aproxima-se o planeta X, denominado de Nibiro, que de dois mil em dois mil anos visita o nosso sistema solar. Já pode ser visto atrás do sol pelos principais observatórios da terra. Chegará o mais perto da Terra a 27 de setembro deste ano. Não se encontra em rota de colisão conosco, mas vai passar perto. Sua proximidade causará profundas alterações na estabilidade do planeta, a começar pela alteração nos polos. Vamos virar de cabeça para baixo, com mudanças no campo magnético, no clima, no nível dos mares e das montanhas, além de ampla temporada de terremotos.

A recepção pelo sistema solar  do X, que aliás não é um, mas são oito, sete bem menores, já está causando alterações: os terremotos aumentaram de número e de intensidade; movimentam-se as camadas tectônicas; a seca e as enchentes se sucedem; o calor se multiplica nos trópicos, o frio nos polos.

Essas conclusões não são exclusivas para o Papa Francisco. Corre que Wladimir Putin e Donald Trump conversaram a respeito. Angela Merkel não ficou de fora. Nem aquele Fu-Manchu lá de Pequim.

FAZER O QUÊ? – Pior é que nada há para fazer. Construir bunkers e subterrâneos para acomodar a humanidade não dá. Nem uns poucos privilegiados poderiam beneficiar-se. Estocar água potável e comida seria missão impossível, em especial quando há séculos já fazem falta. Rezar é duvidoso.

A ausência de informações detalhadas sobre o cataclismo iminente faz parte da estratégia das nações. Para que levar o pânico a bilhões de seres humanos, se o resultado poderá ser o caos?  Melhor informar o mínimo possível e aguardar um milagre. Só não dá para imaginar que essas previsões façam parte de uma jogada de marketing ou de um golpe das multinacionais para enriquecer um pouco mais. Resta olhar para o céu, de preferência a partir de 27 de setembro…

16 thoughts on “Fique de olho no céu, em 27 de setembro

  1. Lúcido e esclarecedor este artigo.
    O que muitos imaginam ser apenas boato, lenda, mito ou teoria conspiratória hoje é estudado por físicos, astrônomos e cia.
    Enquanto na terra estamos nos digladiando por poder, política, territórios e dinheiro, o universo definirá o destino do planeta.
    Não é uma ideia religiosa ou mística mas sim real e concreta.
    Afinal, o planeta nunca passou de mais uma esfera no sistema gravitacional cósmico, infinito; e o homem, bem, o homem nunca passou de um minúsculo e insignificante ser comparado a uma gotícula em um imenso oceano.
    E ainda achamos que sabemos alguma coisa! que somos muito inteligentes e que dominamos a natureza através da ciência. E ainda temos tantas certezas entre o céu e a terra!
    Vamos aguardar o futuro com esperança de que possamos aprender e crescer com as dificuldades pelas quais passamos e com as que virão.

  2. Pode citar pelo menos algumas ou uma referência sólida que justifique que isso não é só uma teoria da conspiração? Isso é apontado como hoax em inúmeras fontes por aí.

  3. Olá Aloysio,
    você tem razão, é preciso se calcar em evidências para não espalhar notícias falsas que levem ao pânico.
    Acho interessante que as pessoas tenham coragem de discutir assuntos tabu que ganham repercussão. Assim podemos descobrir se são reais ou não.
    Existe uma infinitude de informações sobre o assunto. Também acho que a maioria é de cunho sensacionalista. O que acho interessante é que alguns cientistas estão pesquisando e não fecham a questão.
    Em uma postura científica devemos duvidar de tudo, portanto, vamos pesquisar tudo.
    O que reafirmo é que o ser humano, a julgar pela história da civilização, sabe muito pouco sobre si e o universo. Apenas isso.
    existe material farto sobre isso e pouco a aproveitar. Acho interessante este abaixo.
    Cada um que tire suas próprias conclusões.

    http://www.terra.com.br/noticias/ciencia/infograficos/planeta-x/

  4. Pingback: Fique de olho no céu, em 27 de setembro! – Debates Culturais

  5. No dia 21.12.2012 também estava previsto o FIM DO MUNDO segundo as previsões Maias.
    E começaria com uma enorme ameba gigante saindo das profundezas da bacia do prata. Os argentinos de Buenos Aires seriam os primeiros a serem comidos e dizimados. Pois eu mesmo estava chegando nesse dia a Buenos Aires num navio de cruzeiro e portanto seria um dos primeiros a ser dizimados pela ameba gigante. CLARAMENTE NADA DISSO ACONTECEU. Essas previsões são ótimas para piadas e programas humoristicos.

  6. É, Chagas, Nibiru vem aí.

    Nibiru, às vezes referido como Planeta X, é um hipotético planeta na borda de nosso sistema solar, que foi proposto pelos astrônomos no California Institute of Technology em janeiro do ano passado.

    Os teóricos da conspiração acreditam que a influência gravitacional do planeta malvado Nibiru perturbou as órbitas de outros planetas centenas de anos atrás.

    Eles afirmam que a próxima passagem “disruptiva” no sistema solar interno pode acontecer a qualquer momento.

    Alguns afirmam que este planeta está enviando partículas de energia plasmática através do nosso sistema solar.

    O fluxo de energia interromperá os fluxos centrais da Terra e desencadeará mudanças catastróficas no clima da Terra.

    Eles afirmam que desde 1996 já estamos sentindo os efeitos “disruptivos” do intruso Planeta X.

    Os teóricos da conspiração muitas vezes culpam as catástrofes naturais e os padrões meteorológicos absurdos do planeta.

    “Nibiru e outras histórias sobre planetas rebeldes são uma brincadeira na internet”, disse a Nasa. – Obviamente, não existe.

  7. Há 20 anos, mais ou menos, quando li os livros de Zecharia Sitchin, ela era dado como maluco. Porém, hoje, suas teorias vão se confirmando. Enfim, é uma leitura recomendada, pois instigante.

  8. Vem cá, eu não entendo muito destas coisas, posso falar besteira, mas se NIbiru é um planeta ele não teria de ter uma orbita fixa? Como ele está se aproximando tão perto da terra? Se ele fosse um planeta com sua orbita seria fixa, a 2000 anos atrás, no momento da aproximação, ele estaria na mesma distancia que hoje. pergunto, a 2000 atrás nosso planeta ficou de perna pro ar? Se ele visita, como diz o texto, nosso sistema solar a cada dois mil anos, acho que ele, na verdade, seria um cometa, não? E, olha, na idade média o Haley era considerado presságio do fim do mundo…ainda vivemos na idade média?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *