Veja mostra que ministro George Hilton é um trambiqueiro vulgar

George Hilton, ministro do Esporte (Foto: Divulgação / PRB)

Hilton aplicou golpe na verba parlamentar

O ministro do Esporte, o pastor evangélico George Hilton (PRB), pagou R$ 84.996 para alugar dois computadores pessoais, por um ano e meio, enquanto exercia mandato de deputado federal por Minas Gerais. De acordo com a edição desta semana da revista “Veja”, que revela a contratação, os mesmos equipamentos, juntos, custam cerca de R$ 15 mil nas lojas.

A reportagem aponta que a empresa contratada para prestar o serviço ao gabinete do deputado foi a Ideas Movies and Solutions, que é especializada na produção de vídeos e prestou serviços na fracassada campanha de Hilton à Prefeitura de Contagem, em 2012.

Ainda de acordo com a revista, a contratação foi justificada como “Manutenção de Escritório de Apoio à Atividade Parlamentar”, enquanto que a contratação de empresa deveria ser apresentada como “Divulgação da Atividade Parlamentar”.

O gabinete do ministro afirmou à revista que os pagamentos são referentes ao aluguel de dois computadores e de seus respectivos softwares, alegando que a verba de gabinete não pode ser usada para comprar equipamentos do tipo.

DÍVIDA EM PRIVACIDADE

Ao assumir o cargo de ministro, Hilton deixou de ser réu em uma ação de cobrança movida pela Caixa Econômica Federal. O processo foi motivado por uma dívida de R$ 30 mil no cartão de crédito do ministro. Hilton reconhece a existência do débito, mas disse, através da assessoria, que o assunto é da “privacidade” dele. Ainda conforme a assessoria, o ministro afirmou que “tomou um susto” com a informação de que a Caixa abriu processo contra ele na Justiça Federal em Minas.

O processo foi aberto em 18 de dezembro, quatro dias antes de ele ser nomeado. Nesta sexta, um dia após receber questionamentos da reportagem, o banco anunciou que desistiu da cobrança. “Já houve desistência da ação por parte da Caixa, em virtude da negociação entre as partes”, informou via assessoria.

21 thoughts on “Veja mostra que ministro George Hilton é um trambiqueiro vulgar

  1. Depois a Dilma Youssef fica com aquela demagogia de perguntar ao Janot, se fulano ou beltrano estão na Lava Jato ! Cara de pau, esse ministério tem ficha corrida! Começa pelo Berzô Bancoop !

  2. TEmos mesmo de ter saudade de Itamar.

    Tentou agir com discernimento e honestidade, mesmo assim tentaram atingi-lo, quem não se lembra.

    NO NOSSO PAÍS, SER CORRETO E HONESTO TORNOU-SE QUASE QUE UMA ANORMALIDADE.

    Então…..

  3. Itamar, era FRANCO, não só no sobrenome.
    Com ele, sempre foi ,o que gosto muito de falar, e repito : dois mais dois são QUATRO. Matematicamente. E pronto.
    A vida é até fácil, nós, é que ás vezes complicamos.
    Exemplo : fizeram o diabo para ”ganhar” eleições,
    segundo o ”sapo barbudo”, o tal de Lula disse .
    Mas , é verdade, temos muita gente boa, honesta e competente.
    E mais, é a maioria.
    MAS, NÃO CHEGAM LÁ.
    Porque ?
    E o Tofolli ?

  4. Na ditadura, Delfim neto , quando foi poderosos ministro, apresentava nota fiscal de uma tonelada de carne e uma fortuna para lavar a piscina, em sua mansão funcional no lago sul. Nas empresas públicas o empregado viaja e apresenta nota de taxi e de hotel muito maiores do que aquela que ele usou. O que é isso ? A cultura do que é público não é de ninguém. O pensamento é este: Se tenho oportunidade , tiro do público porque ninguém faz conta. Essa cultura só pode ser extirpada com muita educação cívica e severa penalidade ao aproveitador.

  5. Não estou justificando nada, meu caro Camilo, estou lembrando. Porque senão os mais novos vão pensar que essas práticas são recentes. E nós sabemos que não são. Na verdade eu abomino essas práticas. Hoje mesmo, na manchete de O Globo, está mais escândalo na PM sobre fraude e desvios de combustíveis. A essência da malandragem é a mesma. A PM para os PM’s é para ser sugada até o osso.

  6. Muito bem Renato.
    Concordo que temos abominar essas praticas desonestas.
    Lógico . Mais do que lógico. Insofismável !
    Mas, o que estamos vendo . . . ???
    Vendo não . Vivenciando, sofrendo e pagando !!!
    O que ???
    Os ”ARTISTAS ” colhendo DESONESTAMENTE , o que não plantaram..

  7. Todo político é igual. Até os que se dizem honestos, porque são omissos quanto as providências para acabar com todo privilégio, mordomia, e vantagens que o cidadão não tem, tudo pago tudo e ainda ter um bom salário. No judiciário , mais mordomia , tem juiz que mesmo ganhando um alto salário ainda recebe auxílio moradia e acha certo. Comentei tempos atrás que a USP estava falida porque a folha de pagamento é maior que a receita e que tinha sido veiculada pela Folha de São Paulo os salários da USP, e que o do FHC era R$ 22 mil. Logo, logo outro comentarista tomou a defesa de FHC , disse o defensor de FHC, que o FHC tinha sido aposentado compulsoriamente pela ditadura, portanto na a ver com a falência da USP. Isso ficou na minha cabeça. Aí eu pensei : A ditadura brasileira tratava seus opositores de maneira diferente. Uns elas empobrecia, perseguia , matava, outros aposentava compulsoriamente com um baita salário. FHC era um opositor e tanto. Mas eu tenho para mim que foi mesmo um benefício com o dinheiro da USP, em troca de apoio velado. Professor, “intelectual”, “pensamento moderno”, contra a opressão, blá,blá,blá.

    • “Comentei tempos atrás que a USP estava falida porque a folha de pagamento é maior que a receita e que tinha sido veiculada pela Folha de São Paulo os salários da USP, e que o do FHC era R$ 22 mil.”

      Este para mim é o maior problema no Brasil: as folhas de pagamento do setor público.
      Enquanto isto não for enfrentado, seriamente, sem politicagem e demagogia, continuaremos pagando muito caro pelo custo do dinheiro, dinheiro usado para pagar despesas desnecessárias e que faz falta para investimentos.

  8. Eta ministério chinfrim, esse ministro só entende do esporte: de caixas com dinheiro dos fieis e da viúva.
    A Caixa, agiria da mesma maneira com “Zé Mané”, ou o mandaria para o SPC e Serasa como devedor!??.
    O curriculum do dito cujo, se coaduna com o governo do PT-Traidor dos trabalhadores, isto é os ” 200 milhões de Zé e Maria Mané babaca. que sobrevivem no pão e circo, no me engana que eu gosto.
    Esperamos que o Lava-jato do JUIZ Sérgo Moro e Equipe, faça a faxina, e que a podre suprema tenha um pouco de dignidade, e cumpra seu DEVER DE FAZER JUSTIÇA, RÁPIDA E JUSTA, SEM OLHAR A QUEM!???, O QUE AI ESTÁ É DECEPCIONANTE À CIDADANIA.
    Mais um pastor do inferno, a pregar em nome do Mestre Jesus, aliás, previsto por E’le: Nos fins de tempo, haver falsos profetas, a falar em meu nome!!.
    Por um Brasil decente e justo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *