Gleisi Hoffmann é apenas uma das próximas vítimas

Gleisi: “Minhas contas foram aprovadas…”

Carlos Newton

Em depoimento ao Ministério Público Federal, o doleiro Alberto Youssef disse ter dado R$ 1 milhão à campanha que em 2010 elegeu ao Senado Gleisi Hoffmann (PT-PR) , que depois foi  chefe da Casa Civil no governo Dilma Rousseff entre junho de 2011, quando Antonio Palocci deixou o cargo, e fevereiro deste ano.

Acrescentou Youssef que o dinheiro foi entregue em quatro parcelas, em espécie, ao dono do Shopping Total de Curitiba, Michel Gelhorn, muito ligado a Gleisi e ao marido dela, o ministro das Comunicações Paulo Bernardo. E três das parcelas foram entregues no próprio shopping de Gelhorn, que é sócio do apresentador de TV Carlos Massa, o Ratinho, em outro shopping em Curitiba, o ParkShopping Barigui.

O depoimento do doleiro foi prestado aos procuradores que atuam na Operação Lava Jato, no acordo de delação premiada que ele fez.

NÃO É NOVIDADE

Como se sabe, a denúncia de Yossef não representa novidade, porque o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, em sua delação premiada, já havia confessado que a campanha de Gleisi recebera R$ 1 milhão.

Na verdade, Costa penas confirmou que uma anotação que havia num de seus cadernos apreendidos pela Polícia Federal (“P.B., 0.1”) era uma referência cifrada a essa doação.

Ainda de acordo com Costa, P.B era Paulo Bernardo, que em 2010, quando foi feita a anotação pelo ex-diretor da Petrobras, ainda era o ministro do Planejamento do governo Lula. Em 2011, com a posse de Dilma, ele assumiu a pasta das Comunicações.

PRÓXIMAS VÍTIMAS
A senadora Gleisi Hoffmann se defende dizendo que nunca viu o doleiro e suas contas de campanha foram aprovadas pela Justiça Eleitoral.
Ela é apenas uma das vítimas das delações premiadas. Há muitos outros parlamentares e membros do Executivo que fatalmente serão incriminados no processo do escândalo da corrupção da Petrobras, que é da maior gravidade e realmente pode atingir até a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Lula, pois o doleiro já denunciou que os dois tinham conhecimento do esquema montado na estatal.
O processo da Petrobras é tão grave que fará o PT ter saudade dos tempos do mensalão.

One thought on “Gleisi Hoffmann é apenas uma das próximas vítimas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *