Haddad diz que TSE só decidirá sobre Lula após iniciada a campanha na TV

Haddad

Haddad tem dormido pouco e está sonhando acordado

Deu em O Tempo
(Estadão Conteúdo)

Candidato a vice e possível substituto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – condenado e preso na Operação Lava Jato – nas eleições 2018, o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) acredita que a Justiça Eleitoral só deve tomar uma decisão sobre o registro da candidatura de Lula depois de iniciada a campanha eleitoral no horário da TV.

“Pela jurisprudência, essa decisão deveria ser tomada lá pelo dia 10 de setembro”, disse Haddad durante sabatina promovida pelo portal Catraca Livre e pela Casa do Baixo Augusta, em São Paulo, nesta segunda-feira (dia 13).

DE OFÍCIO – Haddad não quis, no entanto, comentar o procedimento que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pode adotar para julgar a candidatura do ex-presidente. O ministro Admar Gonzaga, um dos integrantes da Corte eleitoral, reiterou em despacho que a decisão sobre Lula pode ser tomada de ofício, ou seja, sem provocação do Ministério Público ou um adversário, ou após pedido de impugnação.

O PT registrará Lula como candidato e Haddad como vice na próxima quarta-feira, 15, último dia. Para marcar o registro, militantes farão um ato em Brasília. Na véspera, Haddad irá para a capital federal participar de atos públicos e acompanhar a “marcha” promovida por integrantes do Movimento Sem Terra (MST).

DEBATE – Com Lula preso, Haddad afirmou ser possível ele próprio estar no debate entre candidatos à Presidência na sexta-feira, dia 17, a ser realizado pela RedeTV!. Segundo o ex-prefeito, o partido negocia com o canal de televisão e a emissora não discordaria de ter Haddad como representante de Lula no programa.

Ele ainda cobrou que os demais candidatos defendam a presença do PT no debate, lembrando que fez isso quando era candidato à reeleição na capital paulista, em 2016, e defendeu a presença de Luiza Erundina (PSOL) nos programas. “Eu não estou cobrando uma atitude que eu mesmo não tenha tido.”

“PLANTAÇÃO” – Nesta segunda-feira, o candidato a vice classificou como “plantação de gente que não tem importância” o movimento de uma ala do PT que procurou diminuir sua exposição e barrar sua indicação como porta-voz de Lula nos debates. Isso fez com que Lula mandasse um recado que Haddad é a “voz” e as “pernas” do ex-presidente enquanto ele estiver preso.

“Se alguém for representar, se a pessoa for com um discurso reto sobre isso, é melhor para o Lula que alguém o represente”, disse Haddad.

Sobre os comentários que poderia adotar o nome “Fernando Lula Haddad” na urna em outubro, o ex-prefeito disse que nunca pensou sobre isso e que espera nem precisar estar na chapa. A deputada gaúcha Manuela d’Ávila (PCdoB), que assistiu à sabatina na plateia, foi indicada para assumir a vice após a decisão judicial sobre Lula.

IMPOSTO SINDICAL – Haddad defendeu que, caso o imposto sindical continue extinto no País, apenas trabalhadores sindicalizados sejam beneficiados em acordos coletivos. “Ou tem imposto sindical, ganha todo mundo, ou não tem imposto sindical e ganham só os sindicalizados”, afirmou o ex-prefeito da capital paulista. Para ele, dessa forma os trabalhadores seriam motivados a pagar anuidades para entidades sindicais em troca de ser beneficiados pelo trabalho dos sindicatos.

Haddad classificou ainda a reforma feita no governo do presidente Michel Temer como “fiasco”. O programa de governo do PT propõe revogar a medida e apresenta um referendo como instrumento para anular a reforma.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG – Haddad acha que o TSE vai deixar Lula aparecer na TV como candidato, mas há controvérsias. Lula não poderá apresentar um documento obrigatório, a Certidão Negativa de Condenação Federal, e sua candidatura pode ser rejeitada logo de cara, como se dizia antigamente, ou de ofício, como dizem os advogados. (C.N.)

15 thoughts on “Haddad diz que TSE só decidirá sobre Lula após iniciada a campanha na TV

  1. É uma desmoralização total de nossas “Cortes”, como é que um “membro do lulopetralhismo” sabe e informa o momento que o TSE vai decidir sobre a candidatura de Lula, e o que parece já ciente dessa decisão ??? Onde se encontra a Presidente da Corte para desmentir ou sacramentar essa informação que desmoraliza de vez as “eleições inconfiáveis por parte do povo brasileiro que não acreditam nas urnas eletrônicas , apelidadas de infringentes ou plausíveis” ???

  2. A legenda da foto diz que Haddad tem dormido pouco e sonha acordado. Mas não é isso que justifica as atitudes dele. O fato é que ele é limitado intelectualmente, logo…

  3. Acredito que quem for eleito precisa colocar no controle uma pessoa honesta e capaz de tomar atitudes decente e cobrar com rigor todos os devedores da previdência inclusive grandes empresas pra depois avaliar a necessidade de reforma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *