Heleno rebate críticas: “Carlos Bolsonaro é traumatizado pelo atentado ao pai

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno, durante audiência pública na Câmara dos Deputados Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Heleno diz que o segundo avião eré da responsabilidade da FAB

Bruno Góes
O Globo

O ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), Augusto Heleno , disse nesta quarta-feira que o vereador Carlos Bolsonaro, filho do presidente da República, é “traumatizado” pelo atentado a faca sofrido pelo seu pai durante a campanha eleitoral. Em audiência realizada para tratar da apreensão de 39 quilos de cocaína com militar da Força Aérea Brasileira (FAB) que dava apoio à comitiva presidencial na Espanha, Heleno rebateu críticas sobre as medidas de segurança adotadas pelo GSI.

— Os comentários do Carlos, eu sei perfeitamente porque tive convívio com ele, ele é extremamente traumatizado pelo atentado que buscou modificar a situação política do Brasil, um atentado a faca que o presidente sofreu — disse o ministro.

FORA DAS REGRAS – Após mencionar a reação de Carlos à prisão do sargento Manoel Silva Rodrigues, que transportava a grande quantidade de drogas, Heleno tratou ainda do comportamento imprudente de Jair Bolsonaro em eventos públicos. Nas redes sociais, Carlos disse que “há meses” gritava “em vão” sobre a segurança do GSI, mas sempre foi “ignorado”.

— O que acontece muitas vezes com uma autoridade como o presidente Bolsonaro e numa campanha a presidente da República? Ele desrespeita as regras traçadas pela sua segurança. Isso é normal. E hoje o presidente faz coisas que são arriscadas — disse Heleno.

Em resposta às declarações do ministro, Carlos Bolsonaro disse através do Twitter que é “tremendamente traumatizado” com aquilo que pode acontecer a um “presidente honesto em uma nação historicamente administrada por bandidos e seus fiéis acessórios”.

TEMPO PRECIOSO – Ao responder perguntas de parlamentares na audiência, Heleno disse que o país está “acostumado a passar vergonha”, mas destacou que esse foi o primeiro incidente do GSI em décadas. Heleno aproveitou para dizer que não se preocupa com Olavo de Carvalho, ideólogo de integrantes do governo.

— O senhor Olavo de Carvalho, se eu encontrar na rua, eu não sei quem é. Então, eu não vou dedicar o meu tempo a Olavo de Carvalho, meu tempo é precioso. Nunca dediquei o meu tempo a Olavo de Carvalho e vou continuar não me dedicando. Ele não me atinge em nada. Eu não vou ficar gastando tempo a cada bobagem que falam — disse.

DROGAS A BORDO – Sobre o caso específico da apreensão de drogas, o ministro afirmou que há uma investigação em sigilo e que, por enquanto, “não há indícios de participação de mais ninguém”. O ministro também afirmou que ainda não se sabe a droga iria ser vendida em Sevilha, onde houve a apreensão, ou se seria desembarcada no Japão, para onde seguiria o avião de apoio à comitiva que esteve no G20.

Heleno acrescentou ainda que suas declarações após o incidente foram deturpadas. Quando disse que tratava-se de um “azar” o ocorrido, ele disse que referia-se ao fato de o caso ocorrer justo na véspera do G20, evento de grande importância para o país.

Sobre outra declaração, a de que não tinha “bola de cristal” para prever o ocorrido, o ministro disse que a colocação foi tirada de contexto. Ele diz que a expressão foi usada porque o avião de apoio não era de responsabilidade do GSI, e sim da Aeronáutica.

SALÁRIO ALTO – Ao ser perguntado pelo deputado David Miranda (PSOL-RJ) sobre o salário de R$ 59 mil que recebeu do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), em 2011, quando auxiliou na preparação das Olimpíadas, Heleno disse que tinha vergonha do valor recebido por generais do Exército.

— Eu tenho vergonha do que eu recebo no Exército. Mostrar para o meu filho que eu sou general do Exército, que ganha líquido R$ 19 mil, eu tenho vergonha.

Também participam da audiência os tenentes-brigadeiro do ar Carlos de Almeida Baptista Junior, representando o Ministério da Defesa, e Carlos Augusto Amaral Oliveira, representando a Aeronáutica.

13 thoughts on “Heleno rebate críticas: “Carlos Bolsonaro é traumatizado pelo atentado ao pai

  1. Enquanto uns tem vergonha de seus altos rendimentos, humilhando o trabalhador, outros não sente um pingo de vergonha mesmo tendo seus atos condenados por seus pares:

    Deu no Conjur: Juízes apontam “11 pecados” de Moro-Dallagnol. Por enquanto…

    http://bit.ly/2XInCQE

    a) troca de impressões privadas sobre atos processuais, com Moro fazendo sugestões oficiosas de diligências;

    b) o ex-juiz reclamando da demora de novas operações [policiais];

    c)insinuando que ações penais contra potenciais “apoiadores políticos” da Lava Jato estavam clamorosamente prescritas e não deveriam prosseguir;

    d) indica a troca de procuradora para a audiência de réu (que seria depois por ele condenado), o que foi atendido e providenciado, porque “não teria adequado preparo para tarefa;

    e) sugere ao Ministério Público (e não à sua própria entidade de classe) “emissão de nota contra o showzinho da defesa”;

    f) indicar ao MPF que deveria incluir nos autos prova contra um réu, antes do julgamento (“ainda dá tempo”);

    g) cobrar o procurador Dallagnol sobre pedido de revogação de preventiva de um preso e dele receber “sugestão de algumas decisões boas para mencionar quando precisar prender alguém”;

    h) indagar sobre “rumores” de delação de Eduardo Cunha e, pede “para ser mantido informado, porque é contra essa iniciativa, como sabe”;

    i) permitir adiantamento informal de peças, pelo MPF, ao exame do exjuiz, “para facilitar preparo da decisão”, em episódio de
    evidente e descabida combinação entre ambos, inclusive com o juiz alertando o MPF para o cumprimento do prazo, via aplicativo Telegram;

    j) omitir informações ao Ministro Teori Zavascki (em ato do qual também teriam tomado parte outro procurador e uma delegada da PF);

    l) sugerir datas para a realização de operações.

    Logo a lista vai aumentar…

  2. Realmente General, esta no emprego errado.
    Bolsonaldio pagou R$1.000.000.000,00 – UM BILHÃO e cacetada para 500 picaretas aprovarem a Previdência…
    R$19 mil e mixaria…

  3. “PERAÍ, PERAÍ, PERAÍ, HELENO, se a FAB escolheu a dedo o Sargento Traficante internacional, me desculpe a franqueza, então o dedo da FAB está podre, sem condições sequer de separar o joio do trigo. ADEMAIS, esses aposentados fardados no governo, infelizmente, além de não contribuírem em nada em termos de possíveis ideias inovadoras que estão em falta no país, não querem saber de outra coisa lá senão manter tudo como dantes no velho quartel de Abrante$, empurrar com a barriga, acumular soldos, salários, vantagens e privilégios, sem limite$, como foi o caso do Heleno no COB, sob a batuta do Nuzman, do Cabral, do Pezão, do “Rei Arthur e cia. todos na cadeia, exceto o Heleno que abiscoitava além dos seus soldos mais R$ 55 mil por mês. E ainda comete a ingraditão de cuspir no prato que comeu a vida inteira, dizendo que tem vergonha do que recebe como General (R$19 mil líquido ´por mês, segundo o próprio), e que o dinheiro que recebia no COB, ganhava honestamente. Será ? Com o Nuzman, o Cabral, o Pezão…, na cadeia, não temos como atestar se o que ele ganhava no COB, sob a batuta dos mesmos, era mesmo honestamente, só investigando a fundo o caso. Ora essa, se acha que é pouco o que ganha como General, o teto máximo do funcionalismo, se acha que tem méritos e moral para ganhar mais, pois então que vá fazer outra coisa na vida, vá se aventurar na iniciativa privada, porque o serviço público não é para enriquecer ninguém, não é deve ser fábrica de marajás. https://josiasdesouza.blogosfera.uol.com.br/2019/07/10/carluxo-volta-a-se-estranhar-com-general-heleno/?fbclid=IwAR0iCfkkBzE58iVXKcdlnqpVrFHbEe4shQho-2im23PB4OAnHuo-ZDSz1YU

  4. “tremendamente traumatizado”
    “tremendamente evangelico”

    “tremendamente PAPO FURADO”

    “não há indícios de participação de mais ninguém”
    O soldado foi a um banheiro e PARIU a droga!

    RA!

    “…não se sabe a droga iria ser vendida…, ou se seria desembarcada, para onde seguiria o avião de apoio…..”


    FESTA DO QUEPE –
    20 e pedrada mais a tripulação? Pra que??? Pra ver o Bozo posar na foto?

    ESSE CIRCO NÃO TEM FIM!
    É MUITA GENTE, MILHÕES, NA LONA,
    E ESSES PALHAÇOS FINGINDO SEREM DONOS DO ESPETÁCULO !

    VAI LÁ OTÁRIO! TRABALHA MAIS DOIS, TRES ANOS PRA RECEBER UMA MIGALHA POR TUDO QUE VOCE CONTRIBUIU!

    QUE O SETOR PUBLICO METEU O SEU DINHEIRO NO, NA PRIVADA….

    Mais o custo do frete!!!!!!

    E o fiadaput’ainda cantou vitória nos microfones !

  5. Enquanto ele fica aí com esse papo furado, mamando à beça, sem fazer jus ao quanto já faturou, o coitado do Carlos Newton, na sua idade, não vê a hora de poder comprar uma arma, para se defender, a si e à sua família, porque decerto o seu entorno residencial tb deve estar assaz temerário, como todos os rincões deste país.

  6. 14 milhões de desempregados e o general reclamando ao filho que só ganha 19k, chorando de barriga cheia!Queria o que, banquete todos os dias, a la STF com seus medalhões e vinhos importados?Saiba que na região Sul do país, atualmente são produzidos vinhos de excelente qualidade!

  7. Galera, antes de qualquer comentário vejam a entrevista toda. Vocês verão que mais uma vez, certas frases foram pinçadas do contexto. Os 19 mil estão relacionados aos 59 mil recebidos do COB.
    O general Heleno é uma das melhores figuras desse governo. É um homem íntegro e honesto. Um verdadeiro patriota.

  8. Luiz, eu sei que o Gen Heleno é um homem íntegro e competente. É justo pagarmos pra ele uma aposentadoria, e no caso de falecimento dele, para a sua esposa. Porém, pagar para as filhas e netas dele, não está certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *