Instruída por Thomaz Bastos, mulher de Cachoeira diz que ele ameaça dar um depoimento bombástico.

Carlos Newton

Por recomendação do advogado Marcio Thomaz Bastos, ex-ministro da Justiça, entrou em cena a bela e doce Andressa Alves Mendonça, de 30 anos, mulher do empresário e bicheiro Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, para dizer que o marido está “revoltado” e declarando-se um “preso político”, por ter sido preso na Operação Monte Carlo, da Polícia Federal.

Em entrevista à Catia Seabra, publicada na Folha, Andressa fez uma ameaça direta a todos os envolvidos nessa rede nacional de tráfico de influências, ao dizer que Cachoeira não descarta prestar um depoimento bombástico à CPI da qual é alvo no Congresso.

“Ele reflete muito. Como toda pessoa que está presa, longe dos seus, pensa uma coisa e, depois, pensa outra. Difícil saber o que vai acontecer. Ele não tomou uma decisão”, afirmou a mulher de Cachoeira, que está preso desde 29 de fevereiro e é acusado de explorar jogos ilegais em Goiás e no Distrito Federal, mas vai responder por muito mais crimes.

###
ASSESSOR LEVOU R$ 100 MIL

Escutas telefônicas indicam que em fevereiro, seis dias antes de ser preso, o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, entregou R$ 100 mil a um assessor do senador Demóstenes Torres (ex-DEM), informa reportagem de Fernando Mello, Leandro Colon e Breno Costa, publicada na Folha.

No grampo, o empresário, acusado de corrupção, orienta a mulher a fazer o pagamento e a contar o dinheiro na frente do assessor. Segundo relatório da PF, “ela diz que vai dar o dinheiro em notas de 50 que está embalado em plástico”.

Demóstenes responde a processo no Conselho de Ética do Senado por quebra de decoro parlamentar e pode perder o mandato. Ele também é alvo de inquérito no STF (Supremo Tribunal Federal) que apura seu envolvimento com Cachoeira.

Mas a defesa do senador disse que o parlamentar desconhece as gravações que envolvem o assessor. Afirmou ainda que, por ser tratar de diálogos “pontuais”, não vai se manifestar sobre seu conteúdo.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *