Janaína anuncia que não será vice de Jair Bolsonaro, por problemas de família

Resultado de imagem para janaina paschoal

Janaina Paschoal resolveu sair fora dessa briga

Deu em O Globo

A advogada Janaína Paschoal afirmou, neste sábado, que comunicou ao candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, que não poderá ser candidata a vice na chapa dele. O presidente do partido, Gustavo Bebiano, também já foi avisado, segundo ela.

Em uma sequência de publicações em sua conta no Twitter, Janaína afirmou que tomou a decisão por “questões familiares”, já que sua família não poderia se mudar para Brasília. Ela disse que tentou “todas as composições possíveis” e pediu desculpas por não poder aceitar a vaga.

Na sexta-feira, em entrevista à GloboNews, Bolsonaro afirmou que Janaína era a principal cotada para a vaga, e que sua segunda opção era o príncipe Luiz Philippe de Orléans e Bragança. Ambos são filiados ao PSL. Até agora, o candidato não fez nenhuma coligação.

— O meu vice vai ser do PSL. Ou a (advogada) Janaína (Paschoal) ou o o príncipe Philippe (de Orleans e Bragança). Estou conversando com a Janaína, ela apresenta alguns problemas familiares. Nessa situação não posso ter preferência. No momento, o plano B é o príncipe.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Entre Janaina Paschoal e o príncipe há uma distância abissal. É um desfalque enorme na campanha de Bolsonaro, não há a menor dúvida. Vamos esperar para ver se o aparece alguém mais classificado, digamos assim. (C.N.)

25 thoughts on “Janaína anuncia que não será vice de Jair Bolsonaro, por problemas de família

  1. Em preparo político o Bragança é muito superior a Janaína, que agrega muito mais que discursos. O discurso o Bolsonaro demostrou essa semana que ele só precisa de uma bancada para debater.

    Acredito que para governo o vice desse porte com visão política o Bragança é muito superior. A nobre advogada é confusa e dúbia nas palavras.

    • É… Ele traz dinheiro também. Dinheiro que não é dele. Mas roubado do povo. A tal “taxa do príncipe”. Mesmo não havendo mais regime Monárquico essa família continua com uma benesse. E ainda querem o Palácio Guanabara. Uma imoralidade! Quando veio a República esqueceram de acabar com a família real.

  2. Exato!

    O cavalo de tróia da esquerda arrumou uma desculpa para sair de fininho, depois que parte do eleitorado de Bolsonaro (vejam o que sobre ela escreveu Olavo de Carvalho) reagiu negativamente ao seu nome.

    E lá foi a “nova estrela da direita” (como a descreveu Ricardo “Barriga” Noblat)….

    kkkkkkkkkkkkkkkkk xD

    • Sr. Marques, fora ter trabalhado em dois Desgovernos dos Franceses Socialistas do PSDBando de Corruptos.
      exerceu cargo comissionado no Desgoverno da Rainha da Corrupção, e no desgoverno da Tucanezuela, Geraldinho da Merenda e do Metrô e também do Roubanel…
      a

  3. Janaína Paschoal parece mais uma, dentre outras quintas-colunas, encomendadas para engrossarem a lista de convidados por Bolsonaro, a integrarem a sua campanha, apenas para na hora H dizerem-lhe não! E desse modo vão transformando o capitão em uma figura recusada, amém! Lógico que o propósito dessas máscaras coladas a cuspo pode ser o de causar estragos, na conceituação do Jair, perante a opinião pública.

  4. Aqui na Bahia a coisa é diferente.
    Quatro partidos sem deputados de mandato anunciaram nesta sexta-feira (3) que vão integrar uma chapa proporcional para a eleição deste ano. PHS, PSL, PPS e PRTB vão se unir com o objetivo de eleger 4 deputados federais e 4 estaduais.

    “Os presidentes firmaram em um diálogo a junção que visa beneficiar a todos envolvidos de maneira igualitária, uma questão de matemática. Fica decidido nas proporcionais a aliança entre esses quatro partidos e para as majoritárias caminharão cada um com duas indicações”, relata nota enviada pelo PSL.

    PHS, PSL e PPS continuam apoiando Zé Ronaldo na chapa majoritária, mas sem coligar formalmente com o candidato ao governo pelo DEM. A legislação eleitoral impede que uma legenda coligue na majoritária com um candidato ao governo, e na proporcional com outro partido que também tem candidato ao governo. O PRTB tem João Henrique como pré-candidato ao governo.

  5. 1) Empate Transcendental.

    2) Primeiro foi o vidente Carlinhos de Curitiba, informando que o próximo presidente será o Álvaro Dias.

    3) Agora me falaram de outra vidente, no programa Amaury Junior da TV declarando que o eleito será Bolsonaro.

    4) Vamos arranjar outro(a) vidente para o desempate.

  6. O Primeiro, como já falaram aqui, tem um bom preparo e bastante experiência, inclusive na área econômica. As coisas não acontecem ao acaso, e na minha singela opinião, será uma pessoa de equilíbrio e ponderada, o fiel da balança, como dizem. De todos os vices escolhidos até agora, é o melhor. E pela idade, tem muito interesse num país melhor no futuro. Linhagem também conta.

  7. Por favor dom Philippe não aceite este convite de grego que o ex-capitão está lhe oferecendo. Se fosse mesmo bom ele teria escolhido um republicano para aceitar o cargo. Aceite o cargo de chanceler mas não o de vice

  8. O Brasil, definitivamente, é o País da Piada Pronta.
    Será o primeiro caso na História em que um “Príncipe chega ao Poder em uma República.

    O “Príncipe” vai jurar a República?
    Ou vai proor um 2º plebicito?

    Robespierre, Danton e os Bolcheviques saniam o que estavam fazendo.
    Viva o Bradil!
    Salve a República!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *