Jefferson defende Mendonça e chama Ciro Nogueira de “príncipe das trevas”

Roberto Jefferson escreveu carta de hospital da Barra, no Rio de Janeiro Foto: Reprodução

Roberto Jefferson escreveu sua carta em hospital no Rio

Jan Niklas
O Globo

Uma carta escrita pelo presidente do PTB, Roberto Jefferson, com ataques ao ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI) e ao senador Renan Calheiros (MDB-AL) foi divulgada por integrantes do partido. O texto, intitulado “reflexões de um preso político”, foi escrito do Hospital Samaritano, no Rio de Janeiro, onde o ex-deputado — preso no inquérito dos atos antidemocráticos — se recupera de um cateterismo.

Na carta o petebista insinua um acordo entre os senadores Ciro Nogueira, chefe da Casa Civil, e Renan Calheiros sobre a nomeação do próximo ministro do Supremo Tribunal Federal.

BARRADO NO BAILE – Indicado há três meses pelo presidente Jair Bolsonaro a uma vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-ministro da Justiça André Mendonça, que também foi ministro-chefe da Advocacia-Geral da União está com sua sabatina sendo barrada pelo senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Comissão de Constituição e Justiça.

Na carta, Roberto Jefferson chama Ciro Nogueira e Renan Calheiros de “anjos decaídos” e “príncipes das trevas”. O relato da CPI da Covid é ainda qualificado como “sinistro” e  critica o “senador de Satanás”.

APOIO A MALAFAIA – Mais adiante, no texto manuscrito, o presidente do PTB faz coro às críticas do pastor Silas Malafaia, que mandou um recado cobrando o governo sobre a demora para a realização da sabatina de Mendonça, ministro “terrivelmente evangélico” escolhido por Bolsonaro. Além de atacar Alcolumbre, responsável por marcar a sabatina, Malafaia sugeriu que membros e aliados do governo vêm buscando alternativas a Mendonça.

Na carta, Jefferson repete as insinuações do pastor sobre os supostos encontros para tratar do tema: “Será que trataram da nomeação para ministro do STF de André Mendonça? Ou será que discutiram um acordo, ministro e sinistro relator da CPI da Covid?”, escreveu o presidente do PTB.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGJefferson se parece com Bolsonaro na mania de fazer piada. Se fossem americanos, seriam os reis da chamada “stand up comedy”. (C.N.)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *