Joaquim Roriz, um monumento à corrupção

Excelente a charge de William na capa da “Brasília em Dia”. Roriz montado num cavalo que está pronto para derrubá-lo. E improvisando uma vuvuzuela, só que adaptada para um grande fazendeiro. (como ele e o presidente da Gol, dois “desaparecidos” da honestidade).

Derrubado pelo TRE (parabéns), garante, reviverá no TSE ou STF. Pode estar completamente enganado.

Ainda por cima, deu entrevista, garantindo: “Aprendi como o povo pensa”. Aprendeu com talão de cheque? Não parou e produziu mais esta: “Estão me perseguindo, porque não aceito o socialismo”. Ha!Ha!Ha! O medo era do COMUNISMO, agora é do SOCIALISMO?

Ah1 Roriz, lembra quando deixou pela primeira vez o governo de Brasília e afirmou: “Vou viajar para os EUA e não volto nunca mais”. Voltou, foi governador mais vezes, está na hora de visar o passaporte, e comprar passagem só de ida.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *