Joesley depe e nega ter recebido orientaes do ento procurador Miller

Resultado de imagem para joesley depoe

Joesley inocentou Miller, que ser ouvido amanh

Bela Megale
Folha

Em depoimento Procuradoria-Geral da Repblica nesta quinta-feira (dia 7), Joesley Batista, scio majoritrio da J&F, controladora da JBS, afirmou que no recebeu orientaes do ex-procurador Marcello Miller para negociar um acordo de delao premiada, nem para gravar o presidente Michel Temer no encontro no Palcio do Jaburu, em 7 de maro.

Joesley deps por mais de duas horas na sede da PGR, em Braslia. Alm dele, foram convocados a prestar depoimento outros dois delatores, Ricardo Saud, diretor e lobista do grupo, e o executivo e advogado empresa Francisco de Assis e Silva. As oitivas comearam s 10h.

NOVA GRAVAO – Os trs foram chamados a prestar esclarecimentos sobre o polmico udio que entregaram Procuradoria em que Joesley e Saud indicam que Marcello Miller teria atuado para ajud-los no processo de delao quando ainda ocupava o cargo de procurador da Repblica.

Por causa dessa gravao, datada de 17 de maro e com quase quatro horas de durao, o procurador-geral, Rodrigo Janot, anunciou abertura de investigao para apurar omisso de informaes e revisar os benefcios concedidos aos trs delatores, incluindo a imunidade penal.

A Procuradoria entende que houve patente descumprimento de dois pontos de uma clusula do acordo de delao premiada que tratam de omisso de m-f, o que justifica rever os benefcios.

REVISO DO ACORDO – Agora, a expectativa que Janot anuncie a sua deciso em relao reviso do acordo de delao, o que pode ocorrer ainda nesta sexta-feira (dia 8). Segundo a Folha apurou, o assunto no foi discutido no depoimento dos delatores nesta quinta-feira.

O procurador-geral dever encaminhar sua posio para o ministro Edson Fachin, relator do caso no Supremo, responsvel por decidir sobre o tema.

COMPLIANCE – Segundo a reportagem apurou, Joesley disse no depoimento, prestado subprocuradora Cludia Marques, que foi apresentado a Miller pela advogada Fernanda Trtima, que atua para a JBS, porque estava procura de algum para a rea de anticorrupo (compliance) da empresa, conforme mostrou reportagem publicada na quarta-feira (dia 6) pela Folha.

Os delatores argumentaram que apenas consultaram Miller em linhas gerais sobre o processo de delao e que acreditavam que ele j havia sado da PGR. O ex-procurador pediu o desligamento do Ministrio Pblico Federal no dia 23 de fevereiro, mas a sada foi oficializada no dia 5 de abril.

No udio suspeito, Joesley e Saud tambm citam nomes de pelo menos trs ministros do STF (Supremo Tribunal Federal): a presidente da corte, Crmen Lcia, Gilmar Mendes e Ricardo Lewandowski.

CONVERSA GENRICA – Em sua defesa, os delatores alegam que fizeram consideraes genricas sobre os magistrados e que no possuem nenhuma informao comprometedora sobre eles. Em nota, j haviam pedido “desculpas” pelas declaraes feitas na gravao.

Conforme antecipou a Folha, Janot pretende rever a imunidade concedida aos delatores. Ele quer acelerar a mudana porque seu mandato no comando da PGR termina no prximo dia 17 – caso contrrio, a deciso ficar nas mos da sua sucessora, Raquel Dodge.

MILLER VAI DEPOR – O ex-procurador Marcello Miller deve depor sobre o assunto nesta sexta-feira (dia 8). Ele deixou a PGR em abril e passou a atuar no escritrio de advocacia Trench Rossi Watanabe, que foi um dos responsveis por atender a JBS na negociao do acordo de lenincia.

Tanto ele quanto os empresrios, porm, negam sua atuao nas tratativas do acordo de delao. Aps surgir a polmica, Miller deixou o emprego. A verso de Joesley a de que buscou o escritrio antes da chegada de Miller e que no tem relao com a contratao do ex-procurador pela banca.

###
NOTA DA REDAO DO BLOGA matria no entra em detalhes, mas deixa claro que Joelsey no fez nenhuma carga contra Miller. Como Joesley est em pssima situao e no pode mentir ou omitir informaes, seu novo depoimento ajuda a defesa do ex-procurador Miller, que anunciado por Gilmar Mendes como “brao-direito de Janot” e na Procuradoria todos sabem que isso no verdade. Miller era apenas um dos procuradores que trabalhavam na equipe de Janot. (C.N.)

8 thoughts on “Joesley depe e nega ter recebido orientaes do ento procurador Miller

  1. palofffffi cabea do lurapio enterrou de vez o pt nanico, fechou todas, lacrou 13, fechou a tampa do caixao, jogou a p de cal agora cade as algemas de lula e dilma que demora vamu la

  2. Simples
    Esperavam que ele tivesse uma mudana de comportamento e tornar-se-ia honesto!
    Mentiu, mente e mentira at que morra.
    A ingenuidade uma droga…

    sanconiaton

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.