Líder do PT, Humberto Costa teria recebido R$ 1 mihão

Líder diz que só recebeu 150 mil, em doação legal

Deu no Estadão
O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa afirmou em depoimento à Justiça que o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), recebeu R$ 1 milhão do esquema de fraudes envolvendo a estatal, informa a edição deste domingo (23) de “O Estado de S. Paulo”, que está nas bancas.

Segundo o jornal, a citação foi feita em depoimento sigiloso que integra a delação premiada assinada pelo ex-diretor, por meio da qual ele espera ter sua pena reduzida.

O jornal afirma que, segundo Paulo Roberto, o dinheiro a Costa foi solicitado pelo empresário Mário Barbosa Beltrão, presidente da Associação das Empresas do Estado de Pernambuco (Assimpra).

Paulo Roberto teria dito que o dinheiro saiu da cota de 1% do PP. Segundo o jornal, o ex-diretor não soube informar como ocorreu o repasse do dinheiro, mas declarou que o empresário lhe confirmou o pagamento.

LIDER NEGA

Procurado pela reportagem, o líder do PT classificou de “totalmente fantasiosa” a acusação de que teria recebido R$ 1 milhão do esquema.

Ele disse que não tem qualquer relação com algum integrante do PP que pudesse intermediar alguma arrecadação para ele. “Essa [acusação] é totalmente fantasiosa. Como o PP mandou passar uma cota? Não tenho relação com ninguém do PP. A matéria não diz se é uma doação oficial, quem levou, de onde saiu”.

Costa afirmou que deve divulgar uma nota à imprensa neste domingo rebatendo pontos da reportagem. O senador disse que recebeu, na campanha de 2010, R$ 150 mil em doações feitas pelo empresário Mário Barbosa Beltrão, de quem é amigo desde a adolescência.

Mário Beltrão, segundo o “Estado”, chamou as acusações de “leviandades” e negou ter pedido dinheiro à campanha para o ex-diretor da Petrobras.

Alguns nomes de uma lista de parlamentares que teriam sido beneficiados do esquema de corrupção na Petrobras veio à tona. Entre eles, estaria a ex-ministra Gleisi Hoffmann (PT-PR) e o ex-senador Sérgio Guerra (PSDB-PE), já morto. Gleisi negou as acusações.

A reportagem tentou falar com Mário Beltrão mas, até as 19h30, não obteve retorno.

22 thoughts on “Líder do PT, Humberto Costa teria recebido R$ 1 mihão

  1. Ô tendenciosidade, sô ! Disso ninguém comenta ?

    DEPUTADOS

    Sérgio Zveiter (PSD-RJ) – R$ 400 mil da UTC
    Jutahy Magalhães (PSDB-BA) – R$ 300 mil da UTC
    Domingos Neto (Pros-CE) – R$ 300 mil da Galvão Engenharia
    José Rocha (PR-BA) – R$ 200 mil da UTC
    Luiz Sérgio (PT-RJ) – R$ 200 mil da UTC

    PARTIDOS

    PT – 11 deputados (R$ 1,1 milhão)
    PSDB – 10 deputados (R$ 813 mil)
    PSD – 4 deputados (R$ 520 mil)
    PP – 7 deputados (R$ 310 mil)
    PMDB – 5 deputados (R$ 230 mil)
    PSB – 4 deputados (R$ 140 mil)

    Levantamento feito pelo EM com base em dados do Tribunal Superior Eleitoral. Não foi possível consultar as doações das empresas Mendes Júnior, Iesa e Camargo Corrêa.

    • Sr. Carlos Vicente,

      Relembrando:

      Palavras do Lula antes de ser eleito:

      “Acho que empresário corrupto tem que ter medo do PT, pessoas que degradam o meio ambiente têm que ter medo do PT, pessoas que praticam corrupção têm que ter medo do PT, aqueles que querem manter relações com o Estado entrando pela porta dos fundos têm que ter medo do PT…”
      (Candidato Lula, Caros Amigos, 2001)

      “No meu palanque, corrupto não sobe, no meu governo, corrupto não entra”
      Candidato Lula em 2002

      Mas como mente esta turma do PT.

      Lista dos escândalos do governo Lula/Dilma
      1. Caso Pinheiro Landim
      2. Caso Celso Daniel
      3. Caso Toninho do PT
      4. Escândalo dos Grampos Contra Políticos da Bahia
      5. Escândalo do Proprinoduto (também conhecido como Caso Rodrigo Silveirinha )
      6. CPI do Banestado
      7. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MST
      8. Escândalo da Suposta Ligação do PT com a FARC
      9. Privatização das Estatais no Primeiro An o do Governo Lula
      10. Escânda lo dos Gastos Públicos dos Ministros
      11. Irregularidades do Fome Zero
      12. Escândalo do DNIT (envolvendo os ministros Anderson Adauto e Sérgio Pimentel)
      13. Escândalo do Ministério do Trabalho
      14. Licitação Para a Compra de Gêneros Básicos
      15. Caso Agnelo Queiroz (O ministro recebeu diárias do COB para os Jogos Panamericanos)
      16. Escândalo do Ministério dos Esportes (Uso da estrutura do ministério para organizar a festa de aniversário do ministro Agnelo Queizoz)
      17. Operação Anaconda
      18. Escândalo dos Gafanhotos (ou Máfia dos Gafanhotos)
      19. Caso José Eduardo Dutra
      20. Escândalo dos Frangos (em Roraima)
      21. Várias Aberturas de Licitações da Presidência da República Para a Compra de Artigos de Luxo
      22. Escândalo da Norospar (Associação Beneficente de Saúde do Noroeste do Paraná)
      23. Expulsão dos Políticos do PT
      24. Escân dalo dos Bingos (Primeira grave crise política do governo Lula) (ou Caso Waldomiro Diniz)
      25. Lei de Responsabilidade Fiscal (Recuos do governo federal da LRF)
      26. Escândalo da ONG Ágora
      27. Escândalo dos Corpos (Licitação do Governo Federal para a compra de 750 copos de cristal para vinho, champagne, licor e whisky)
      28. Caso Henrique Meirelles
      29. Caso Luiz Augusto Candiota (Diretor de Política Monetária do BC, é acusado de movimentar as contas no exterior e demitid o por não explicar a movimentação)
      30. Caso Cássio Caseb
      31. Caso Kroll
      32. Conselho Federal de Jornalismo
      33. Escândalo dos Vampiros
      34. Escândalo das Fotos de Herzog
      35. Uso dos Ministros dos Assessores em Campanha Eleitoral de 2004
      36. Escândalo do PTB (Oferecimento do PT para ter apoio do PTB em troca de cargos, material de campanha e R$ 150 mil reais a cada deputado)
      37. Caso Antônio Celso Cipriani 38. Irregularidades na Bolsa-Escola
      39. Caso Flamarion Portela
      40. Irregularidades na Bolsa-Família
      41. Escândalo de Cartões de Crédito Corporativos da Presidência
      42. Irregularidades do Programa Restaurante Popular (Projeto de restaurantes populares beneficia prefeituras administradas pelo PT)
      43. Abuso de Medidas Provisórias no Governo Lula entre 2003 e 2004 (mais de 300)
      44. Escândalo dos Correios (Segunda grave crise política do governo Lula. Também conhecido co mo Caso Maurício Marinho)
      45. Escândalo do IRB
      46. Escândalo da Novadata
      47. Escândalo da Usina de Itaipu
      48. Escândalo das Furnas
      49. Escândalo do Mensalão (Terceira grave crise política do governo. Também conhecido como Mensalão)
      50. Escândalo do Leão & Leão (República de Ribeirão Preto ou Máfia do Lixo ou Caso Leão & Leão)
      51. Escândalo da Secom
      52. Esquema de Corrupção no Diret ório Nacional do PT
      53. Escândalo do Brasil Telecom (também conhecido como Escândalo do Portugal Telecom ou Escândalo da Itália Telecom)
      54. Escândalo da CPEM
      55. Escândalo da SEBRAE (ou Caso Paulo Okamotto)
      56. Caso Marka/FonteCindam
      57. Escândalo dos Dólares na Cueca
      58. Escândalo do Banco Santos
      59. Escândalo Daniel Dantas – Grupo Opportunity (ou Caso Daniel Dantas)
      60. Escândalo da Interbrazil
      61. Caso Toninho da Barcelona
      62. Escândalo da Gameco rp-Telemar (ou Caso Lulinha)
      63. Caso dos Dólares de Cuba
      64. Doação de Roupas da Lu Alckmin
      65. Doação de Terninhos de Marísa da Silva
      66. Escândalo da Nossa Caixa
      67. Escândalo da Quebra do Sigilo Bancário do Caseiro Francenildo (Quarta grave crise política do governo Lula. Também conhecido como Caso Francenildo Santos Costa)
      68. Escândalo das Cartilhas do PT
      69. Escândalo do Banco BMG (Empr éstimos para aposentados)
      70. Escând alo do Proer
      71. Escândalo dos Fundos de Pensão
      72. Escândalo dos Grampos na Abin
      73. Escândalo do Foro de São Paulo
      74. Esquema do Plano Safra Legal (Máfia dos Cupins)
      75. Escândalo do Mensalinho
      76. Escândalo das Vendas de Madeira da Amazônia (ou Escândalo Ministério do Meio Ambiente).
      77. 69 CPIs Abafadas pelo Geraldo Alckmin ( em São Paulo )
      78. Escândalo de Corrupção dos Ministros no Governo Lula
      79. Crise da Vari g
      80. Escândalo das Sanguessugas (Quinta grave crise política do governo Lula. Inicialmente conhecida como Operação Sanguessuga e Escândalo das Ambulâncias)
      81. Escândalo dos Gastos de Combustíveis dos Deputados
      82. CPI da Imigração Ilegal
      83. CPI do Tráfico de Armas
      84. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o PCC
      85. Escândalo da Suposta Ligação do PT com o MLST
      86. Operação Conf raria
      87. Operação Dominó
      88. O peração Saúva
      89. Escândalo do Vazamento de Informações da Operação Mão-de-Obra
      90. Escândalo dos Funcionários Federais Empregados que não Trabalhavam
      91. Mensalinho nas Prefeituras do Estado de São Paulo
      92. Escândalo dos Grampos no TSE
      93. Escândalo do Dossiê (Sexta grave crise política do governo Lula)
      94. ONG Unitrabalho
      95. Escândalo da Renascer em Cristo
      96. CPI das ONGs
      97. Operação Testamento
      98. CPI do Apagão Aéreo ( Câmara dos Deputados)
      99. Operação Hurricane (também conhecida Operação Furacão )
      100. Operação Navalha
      101. Operação Xeque-Mate
      102. Escândalo da Venda da Varig

      Lista só vai até Novembro de 2010
      http://eduardohomemdecarvalho.blogspot.com.br/2010/11/lista-dos-escandalos-do-governo.html

    • Os petistas acham que urna é carta branca para ladrões ! O engraçado é que ele foi o partido mais atuante no Impeachment do Collor, capitaneado pelos reeducandos José Dirceu e Genoíno ! Nessa época a Veja foi um monumento à democracia, pois serviu para que o Zé Dirceu vazasse, de forma ilegal, o sigilo fiscal do PC Farias. A Folha então foi uma maravilha, pois até publicou o livro Todos os Homens do Sr. Presidente, com o prefácio do papudeiro José Dirceu, onde ele tecia fartos elogios à liberdade de imprensa e a independência dos poderes. Mas a falta de caráter petista é assim, agora que o partido virou o maior fornecedor de matéria prima ao jornalismo policial, estão desde 2007 querendo dar esse Golpe de estado, chamado de ” Constituinte Exclusiva”, para acabarem com a liberdade de imprensa, com a autonomia do judiciário e do Ministério público, ou seja querem roubar em sigilo.

  2. esse assunto já é antigo. Isso foi o que pegaram de ‘leve’. Se alguém do 3.º escalão vai devolver R$ 258 milhões, quanto não teria levado o chefe do 1.º ?
    08/09/2014

    OPERAÇÃO LAVA JATO: NA LISTA, MUITOS FALSOS MORALISTAS QUE DEFENDERAM MARCONI NA CPMI DO CACHOEIRA
    Postado por Luiz Carlos Bordoni às 8:20 PM
    Lista de alguns deputados e senadores financiados

    JANDIRA FEGHALI PC do B RJ DEPUTADO FEDERAL R$260.000,00/
    ARLINDO CHINAGLIA PT SP DEPUTADO FEDERAL R$400.000,00/
    BENEDITA DA SILVA PT RJ DEPUTADO FEDERAL R$3.000,00/
    BIFFI PT MS DEPUTADO FEDERAL R$160.000,00/
    CANDIDO VACCAREZZA PT SP DEPUTADO FEDERAL R$675.000,00/
    CARLOS ZARATTINI PT SP DEPUTADO FEDERAL R$480.000,00/
    DEVANIR RIBEIRO PT SP DEPUTADO FEDERAL R$150.000,00/
    EDSON SANTOS PT RJ DEPUTADO FEDERAL R$60.000,00/
    GABRIEL GUIMARAES PT MG DEPUTADO FEDERAL R$100.000,00/
    IRINY LOPES PT ES DEPUTADO FEDERAL R$15.000,00/
    JILMAR TATOO PT SP DEPUTADO FEDERAL R$50.000,00/
    JOAO PAULO LIMA PT PE DEPUTADO FEDERAL R$65.000,00/
    JORGE BITTAR PT RJ DEPUTADO FEDERAL R$75.000,00/
    LUCI CHOINACKI PT SC DEPUTADO FEDERAL R$30.000,00/
    LUIZ ALBERTO PT BA DEPUTADO FEDERAL R$150.000,00/
    LUIZ SERGIO PT RJ DEPUTADO FEDERAL R$200.000,00/
    MARCO MAIA PT RS DEPUTADO FEDERAL R$80.000,00/
    NEWTON LIMA PT SP DEPUTADO FEDERAL R$100.000,00/
    ODAIR CUNHA PT MG DEPUTADO FEDERAL R$320.000,00/
    PAULO TEIXEIRA PT SP DEPUTADO FEDERAL R$123.000,00/
    PEDRO EUGENIO PT PE DEPUTADO FEDERAL R$125.000,00/
    RUI COSTA PT BA DEPUTADO FEDERAL R$2.000,00/
    VICENTE CANDIDO PT SP DEPUTADO FEDERAL R$130.000,00/
    VICENTINHO PT SP DEPUTADO FEDERAL R$116.000,00/
    ZE GERALDO PT PA DEPUTADO FEDERAL R$50.000,00/
    ZECA DIRCEU PT PR DEPUTADO FEDERAL R$150.000,00/
    INACIO ARRUDA PC do B CE SENADOR R$100.000,00/
    VANESSA GRAZZIOTIN PC do B AM SENADOR R$500.000,00/
    ANGELA PORTELA PT RR SENADOR R$1.000.000,00/
    GLEISI HOFFMANN PT PR SENADOR R$2.420.000,00/
    HUMBERTO COSTA PT PE SENADOR R$1.530.000,00/
    LINDBERGH FARIAS PT RJ SENADOR R$2.300.000,00/
    PAULO PAIM PT RS SENADOR R$2.000,00/
    WALTER PINHEIRO PT BA SENADOR R$200.000,00/
    WELLINGTON DIAS PT PI SENADOR R$250.000,00/

  3. Em breve surgirá uma misteriosa cadeia (ops) de hoteis… Aí ficará claro um certo pedido de emprego. Os ladrões, mesmo condenados, não querem largar o osso de forma alguma. O Genoíno, o Zé Dirceu, o João Paulo Cunha e o Delúbio, apesar de não residirem em Brasília, mudaram a residencia para lá a fim de ficarem perto do que eles acham que é um patrimônio pessoal.

  4. tem um jeito: mandar o juiz-deus joão carlos de souza correa canonizar esse

    impoluto, imaculado, virgíneo, casto, pudibundo, notório, decoroso, recatado, honrado, ilibado, ingênuo, virtuoso …

  5. Em nova divulgada na manhã deste domingo 23, o senador Humberto Costa (PT-PE) nega ter recebido R$ 1 milhão em esquema de corrupção na Petrobras, conforme denúncia do jornal O Estado de S. Paulo; reportagem atribui acusação ao delator Paulo Roberto Costa; “Tenho uma vida pública pautada pela honradez e seriedade, não respondendo a qualquer ação criminal, civil ou administrativa”, defende-se o parlamentar; petista afirma que denúncia de que recebeu o dinheiro como doação para sua campanha é “inverossímil” e coloca à disposição dos órgãos de investigação seus sigilos bancário, fiscal e telefônico.

    Será mais um que a PF vai pedir desculpas?

      • é mesmo… mas,

        quando é que o BARBA-DELATOR-DEDODURO, o fujão, e o seu sacrista, o anacronizado, vão processar o Delegado Tuma Júnior? Queremos ver o Júnior, sem delação premiada, nas barras dos tribunais.

        falta perguntar pela Rosemary dos ardentes, a Rosemary do bebarrão: cadê-la?

  6. E pensar que chutaram a bunda do Collor por causa de uma Elba,né Guilherme Almeida e Virgílio Tamberlini? Ô raça!!!
    Também continuo (frustado), por não ver,na cadeia o Tuma Junior, processado pelo “maçaneta de bordel” Gilbertinho espertinho.

  7. Que tem corrupção governamental no Brasil, estou careca de saber há décadas. Aliás, cansei de ver duro se transformar em ricaço da noite para o dia em pleno exercício de cargo público. Impunemente e ainda por cima condecorado. Disse hoje num comentário sobre o YOUSSEF até onde muitos deles se refastelam há décadas. Mas, aqui no blog também tem muito TERIA RECEBIDO, SUPOSTAMENTE para despertar inveja, atiçar linchamento e proporcionar orgasmo de comentarista recalcado.

  8. Sei não…

    É o tipo da lavagem de roupa-suja que não leva a lugar nenhum…
    Está parecendo que o Estadão está ensaiando uma prática perigosa. que é “jogar a bola nas costas” do MPF e da PF do Paraná, que coordenam a operação Lava-Jato.

    Por tudo que já foi dito, ficou estabelecido que noticiário envolvendo nomes dos que detém o foro privilegiado ( os políticos, de modo geral), ficam abrigados pela delação premiada…; se jogadas para o público, o autor dos depoimentos, esses alcaguetes, perdem essa condição perante o poder judiciário.

    Fica então uma pergunta. A quem interessa tal tipo de divulgação? O Estadão está sabendo que o gozo da prerrogativa da delação premiada já é do conhecimento da sociedade.

  9. não sei por que esta tempestade em copo d’água; é muito simples, sem dúvida.

    Paulinho DE LULA – DE LULA, vejam bem, não é um Paulim qualquer – em delação premiada, onde NÃO PODE mentir, fez a acusação; é muito simples, sem dúvida.
    Apure-se COM RIGOR a verdade; se o probo não recebeu a mufunfa, TODO O RIGOR em cima do Paulinho, não importa que seja o Paulinho DE LULA. Se o imaculado peti$ta recebeu o boró, PAPUDA NELE!

    é muito simples, sem dúvida!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *