Líderes de PT e MDB confirmam que Kassab faz jogo duro porque quer ser vice de Lula

Lula vai entrar na negociação para aproximar Kassab e Haddad | Lauro Jardim  - O Globo

Estratégia de Kassab é abalar a terceira via e ser vice de Lula

Deu no Painel
Folha

Lideranças do MDB e do PT dizem que Gilberto Kassab, presidente do PSD, está fazendo jogo duro ao declarar que a sigla levará até o final sua candidatura presidencial porque ele mesmo quer ser o vice de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Em entrevistas, porém, o ex-ministro de Dilma Rousseff (PT) e de Michel Temer (MDB) tem dito que não apoiará o ex-presidente ou qualquer outro concorrente no primeiro turno. Kassab afirma ao Painel que não haverá mudança de rota e que o PSD terá, sim, candidato próprio.

DESPISTE – Em 21 de dezembro, Kassab disse à Folha que já informou a Lula que não o apoiará no 1º turno e reafirmou sua escolha pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (MG).

“Um partido que se apresenta como moderno e de centro não pode neste momento cometer o equívoco de pender para um lado. Somos centro. Essa diretriz é fruto de muita conversa, com uns querendo pender mais para a esquerda, outros mais para a direita”, disse o dirigente na entrevista.

A líderes partidários que têm perguntado sobre o tema, Kassab tem dito, inclusive, que seria desmoralizador para ele e para o partido se ele desse uma guinada depois de negativas tão categóricas a aliados e em entrevistas.

###
ESTA INFORMAÇÃO ERA EXCLUSIVA DA TRIBUNA
Carlos Newton

Agradecemos aos colegas da coluna Painel (Guilherme Seto, Fabio Serapião e Matheus Teixeira), por confirmarem a informação sobre a criativa estratégia de Gilberto Kassab, que desde novembro vem sendo dada pela Tribuna da Internet, sempre com absoluta exclusividade.

No dia 3 de novembro, sob o título “Kassab age como agente infiltrado para destruir a terceira via e beneficiar a polarização”, publicamos artigo sobre as artimanhas do presidente do PSD, que foi o primeiro dirigente partidário a se encontrar com Lula para negociar aliança na eleição, mas depois do encontro passou a dizer que não houve acordo e iria lançar candidato próprio.

Em seguida, Kassab conseguiu cooptar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, que era do DEM e aceitou se filiar ao PSD e se declarar candidato à Presidência, para ganhar visibilidade e depois se candidatar ao governo de Minas Gerais, com chances concretas de vitória.

JOGO DUPLO – Neste artigo de 3 de novembro, publicamos a seguinte reflexão: “No meu fraco modo de pensar, a maior ameaça à terceira via hoje parte de Gilberto Kassab, presidente do PSD, inventor da candidatura do senador Rodrigo Pacheco, que já abandonou o DEM e assinou a nova filiação.

Kassab está cansado de saber que Pacheco não tem condições de vencer a eleição, mas seria forte candidato ao governo de Minas, que virou uma espécie de terra de ninguém.

A meu ver, Gilberto Kassab está fazendo um jogo duplo e seu interesse é tumultuar a terceira via, para garantir a vitória de Lula ou Bolsonaro, qualquer um deles lhe servirá como uma luva”.

VICE DE LULA – Depois, em 15 de dezembro, publicamos o seguinte comentário sobre ardilosas declarações do presidente do PSD à revista Carta Capital, dizendo que “o favorito é Lula, e Bolsonaro está em queda livre”. Nosso texto informava o seguinte:

“Muita conversa fiada de Gilberto Kassab, para esconder o que exatamente está pretendendo. Fundador, presidente e dono do PSD, o sonho de Kassab é ser vice de Lula, que já vai para 77 anos, tem saúde precária e continua bebendo em doses industriais. Kassab lançou Rodrigo Pacheco só para lhe dar visibilidade, porque o presidente do Senado sonha em ser governador de Minas e se compara a Juscelino Kubitschek, vejam a que ponto essa gente chega…

O problema é que Lula não quer Kassab de vice, por causa da ficha suja. Seriam dois fichas sujas numa só chapa, e assim não há quem aguente”.

###
P.S. –
Agora os colegas da Folha trazem essa esclarecedora informação, assinalando: “Lideranças do MDB e do PT dizem que Gilberto Kassab, presidente do PSD, está fazendo jogo duro ao declarar que a sigla levará até o final sua candidatura presidencial porque ele mesmo quer ser o vice de Luiz Inácio Lula da Silva”.  E nós aqui, no QG da Tribuna, podemos adiantar que esse sonho de Kassab não se concretizará. Lula precisa desesperadamente de Geraldo Alckmin para conquistar o centro (a maioria silenciosa do eleitorado) e voltar ao Planalto. O problema é que agora Alckmin se tornou favorito para governador de São Paulo, um cargo muito mais importante do que a Vice-Presidência. (C.N.)

5 thoughts on “Líderes de PT e MDB confirmam que Kassab faz jogo duro porque quer ser vice de Lula

  1. Caro editor CN, Excelente análise sobre Kassab.

    Sobre Alckmin,o picolé de chuchu é águia.
    A meu ver,fez aproximação estratégica com o Lula.
    Vejamos,essa candidatura a vice é pura ficção.

    Com essa jogada, Alckmin anula Dória e anestesia o PT radical.
    Sem dúvida Alckmin se credência como favorito ao governo de São Paulo.

    De outra banda,Lula, desesperadamente tenta fechar o triângulo das Bermudas SP,MG,RJ para dar-lhe sustenção política na faixa A B.

    Quanto ao Haddad ou Andrade, contínua de estepe de Lula.

  2. De outra banda,Lula pode ficar fora do páreo..

    Vejamos: seu estado de saúde não é bom.

    Pode ser preso a q.q momento,o ex.chefe da inteligência bolivariana dedurou os mal feitos de Lula e Chaves..

    PS: Não é desejos e nem rótulos de direitista ou esquerdista radical.
    SÃO FATOS..

    Moro,e Bolsonaro, é outro capítulo…

  3. Lula e o PT já tem experiência com traidores.
    De dentro do partido (Cristovam Buarque, Marta Suplico,,,) e tb de ditos “aliados” (Eduardo Campos, Temer,,,)
    Como diz o ditado: Gato escaldado tem medo até de água fria.

  4. O dono do partido da boquinha sonha alto como todo político, sempre se acreditam serem muito mais do que um dia foram. Mas sonhar não é pecado. O problema agora é que o vice dos sonhos parece ter acordado, entre ser vice-presidente, aquele reserva de luxo e ser governador do maior estado do Brasil, ou seja, o segundo cargo executivo mais importante, fica com ele. Agora a terceira via ganha novo fôlego, o Geraldo não vai embarcar na canoa do Luladrão, vai ficar com o que lhe é mais proveitoso e vantajoso, ser governador é muito mais do que ser vice-presidente, o reserva de luxo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *