Livre pensar é só pensar (Millôr Fernandes)

A América

Depois de, com falas e trejeitos graciosos, convencer a Santa Rainha Isabel (de Castela, y Navarra, y Guadalupe, y Granada), Colombo, cujo nome mais tarde serviria à fabricação das mais diversas marmeladas, partiu. Partir é morrer um pouco, mas Colombo não lia autores franceses e saiu em frente. A única coisa que Colombo sabia muito bem era pôr ovos em pé. Isso ele fez várias vezes durante a viagem , a fim de legar à posteridade destituída de argumentos esse que diz: “Mas isso é o ovo de Colombo!”

Tendo aportado na América, verificou que aí não havia portos. E descobrindo algumas americanas, chamou-as, com sua santa ignorância, de índias.

Mas a pior pequena conseqüência de Colombo ter descoberto a América é, sem dúvida, um italianinho baixo, gordo, falante e trapalhão que nos telefona diariamente protestando admiração.

Não houvesse a América, ele continuaria em Roma.

Vão Gôgo, 1949

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *