Livro de “Memórias” mostra que Dirceu chorou, decepcionado com Lula 

Resultado de imagem para livro de memorias de dirceu

Livro começa a ser vendido na próxima semana

Bernardo Mello Franco
O Globo

José Dirceu chorou. O guerrilheiro baixou a guarda no terceiro andar do Planalto, diante do chefe e de velhos companheiros. Era o dia 15 de junho de 2005. Começava ali a derrocada do ministro mais poderoso do governo Lula. Acusado de chefiar o mensalão, Dirceu seria demitido, condenado e preso. Treze anos depois, ele diz ter sido abandonado pelo ex-presidente. A queixa está em “José Dirceu — Memórias” (Geração Editorial), que chega às livrarias na semana que vem.

O petista expõe sua mágoa ao descrever o encontro final com Lula. “Não me pediu para ficar, não me propôs nenhuma outra tarefa, simplesmente me demitiu”, conta. “Foi melancólico e simbólico, como se tudo já tivesse decidido, poucas palavras, monossílabas, uma cena um tanto derrotista e pequena”, dramatiza. “Eu me emocionei e chorei”.

MAIS DESILUSÃO – Não foi sua única desilusão. Em 27 de outubro de 2002, o presidente eleito escolheu José Genoino, e não Dirceu, para discursar na festa da vitória. “Lula não falou comigo e não me comunicou nada”, reclama o memorialista. “Fui simplesmente excluído e comunicado disso por um mero assessor”.

“Meu primeiro impulso foi de me retirar, mas me controlei”, prossegue. Ele diz que a noite marcou sua “primeira grande decepção com Lula”. “Foi duro, mas aceitei”, lamuria-se.

Em outra passagem, Dirceu critica o ex-presidente por ter vetado uma aliança com o PMDB. “Dormi com o acordo fechado e acordei com Lula me desautorizando. (…) Fiquei desapontado e furioso”, desabafa.

ESTOCADAS – O autor distribui estocadas em outros alvos. Diz que Tarso Genro “criou uma pequena crise, exigindo ser ministro”. Acusa Dilma Rousseff de promover uma “caça às bruxas” ao substitui-lo na Casa Civil.

Ele também destila veneno contra ministros do Supremo nomeados pelo PT. Chama Joaquim Barbosa de “autoritário”, Luís Roberto Barroso de “fraude” e Edson Fachin de “engodo”. A maior bronca é com Luiz Fux, que já admitiu ter pedido seu apoio para chegar à Corte. “Erramos e feio nas indicações, ao ponto de sermos enganados por um charlatão togado”, escreve Dirceu.

23 thoughts on “Livro de “Memórias” mostra que Dirceu chorou, decepcionado com Lula 

  1. Estranho como Lula pisa (para poupar os ouvidos dos prezados comentaristas peguei leve no termo usado) em todos que o cercam mas todos continuam a idolatra-lo! Sadomasoquismo, só pode ser!

  2. Essa gente nefasta (corrupta é pouco) atrasou nosso desenvolvimento em 100 anos! CORJA! Por mim mofariam todos no xadrez com trabalhos forcados. Nossa classe política é uma me…. !!

  3. Dirceu não se deu conta de que Lula não precisava de lugar-tenentes ambiciosos, nem de príncipes herdeiros, mas apenas de servos submissos, dóceis e descartáveis. Dirceu pensou que podia fazer o que bem quisesse, dominar o governo e suceder Lula. Mas Lula tratou de se desvencilhar dele, quando surgiu oportunidade para isso, como foi fazendo com os outros ditos grandes nomes do PT, e, assim se garantiu como líder único e indispensável do partido.

  4. Mas tem que ser MUITO idiota para gastar 1 centavo sequer, para ler mentiras e mais mentiras deste canalha. O que mais faz um Petista, alem de MENTIR? Ah, sim, roubar, destruir, apatifar, etc, etc…

  5. Levantamento semanal XP/Ipespe, divulgada nesta sexta-feira 24, mostra que Lula lidera a disputa presidencial, com 32% das intenções de voto.

    O petista está em tendência de alta, tendo passado de 28% na primeira semana de julho para 32% agora.

    Segundo colocado, Jair Bolsonaro (PSL) manteve, como aconteceu nas últimas semanas, o patamar de intenções de voto em 20%

    https://goo.gl/id9wdV

  6. Lula é uma invenção do Golbery do Couto e Silva , uma invenção da ditadura militar . Engana – se quem acredita que o P T foi criado por ele , na época , foi contra a fundação do mesmo , só que foi voto vencido . Lula sempre foi um servil velado das elites , basta vermos , com quem ele se culundriou , quando chegou no poder . Quanto ao José Dirceu , é farinha do mesmo saco.

  7. Perfeito, AnfreBR!

    “A Câmara é a representação do povo. Os deputados não são santos porque o povo também não é santo”

    (Bonifácio Andrada, que está em seu DÉCIMO mandato de deputado federal e conhece bem o baixíssimo nível de seu eleitorado.)

  8. Esse bundão, não consegue deixar de se superar!

    Quando diz que erraram feio nas escolhas para o STF, e que foram enganados, mostra com clareza o que se passa na mente desta escória.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *