Lobista mostra como se compra uma lei ou medida provisória no Congresso

Resultado de imagem para medida provisória charges

Charge do Ivan Cabral (ivancabral.com)

Bernardo Mello Franco
Folha

Além de revelar apelidos e valores repassados a políticos de vários partidos, a delação de Cláudio Melo Filho tem uma função didática. O lobista explica, em detalhes, como se compra uma lei ou medida provisória no Congresso. A aula de corrupção é um capítulo à parte no acordo do ex-diretor da Odebrecht com a Lava Jato. Em 16 páginas, ele conta como a empreiteira subornou parlamentares para aprovar projetos de seu interesse. O relato cita figurões como Renan Calheiros, Romero Jucá, Rodrigo Maia, Eunício Oliveira e Delcídio do Amaral.

O lobista descreve o passo a passo das transações no balcão parlamentar. Em abril de 2013, sua missão era aprovar uma medida provisória que alterava a cobrança de impostos federais sobre a indústria química. O assunto foi negociado com o atual líder do governo no Congresso.

“O senador Romero Jucá, em reunião realizada no seu gabinete, solicitou-me apoio financeiro atrelado à aprovação do texto que interessava à companhia”, conta o lobista.

CENTRALIZADOR – Ele identifica o ex-ministro como “centralizador” e “organizador dos repasses” ao PMDB no Senado. “Jucá sempre deixou claro para mim que, em momentos como o ocorrido aqui de solicitação de vantagem pecuniária, ele também o fazia em nome de Renan Calheiros”, afirma.

Nesta terça (20), os repórteres Julio Wiziack e Camila Mattoso informaram que a empreiteira ganhou ao menos R$ 8,4 bilhões com duas MPs citadas na delação. É difícil imaginar um negócio mais lucrativo, considerando que o “investimento” em propinas foi de R$ 16,9 milhões.

As provas entregues à Procuradoria também mostram como Marcelo Odebrecht se envolvia pessoalmente nas negociações. Num e-mail enviado em agosto de 2013, ele demonstra impaciência ao saber que o senador Eunício estava atrasando a tramitação de uma MP de seu interesse. “Que maluquice! O que ele ganha com isto?”, pergunta. “O de sempre”, responde Melo Filho.

3 thoughts on “Lobista mostra como se compra uma lei ou medida provisória no Congresso

  1. E essas leis compradas, não serão revogadas??????? E os ganhos indevidos das empresas, não serão confiscados???? Quanto aos políticos envolvidos, não serão presos e cassados?????????

  2. Se as empreiteiras ganharam 8,4 bilhões, os canalhas que propiciaram esse ganho fraudulento deveriam reembolsar-nos o total ou pagar com a vida em um xilindró. O que vai acontecer já sabemos de antemão: o STF, mais ineficiente que uma porca, vai botar o processo na gaveta e zombar da nossa cara.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *