Maia diz que tática de Bolsonaro é estimular candidatura de esquerda na eleição da Câmara

TRIBUNA DA INTERNET | Maia incentiva Câmara a “amaciar” as leis de  improbidade, lavagem de dinheiro e caixa dois 2

Charge do Paixão (Gazeta do Povo)

José Carlos Werneck

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou na manhã desta quarta-feira que o Governo estimula o lançamento de uma candidatura de esquerda para sua sucessão para evitar que essas legendas deixem de apoiar o grupo político que se opõe ao nome de Arthur Lira, do PP de Alagoas, líder do Centrão e preferido de Jair Bolsonaro.

“Quando o governo tem expectativa e ela é frustrada, o governo viu a dificuldade de as esquerdas apoiarem Arthur Lira e passou a achar melhor que elas tenham candidato, para dividir os votos e eleger o nome do Centrão”, assinalou.

DOIS NOMES – Na entrevista, Rodrigo Maia não deu prazo exato para que se saiba quem será o indicado de seu grupo na eleição, mas admitiu que a disputa será entre os deputados Aguinaldo Ribeiro (PP) e Baleia Rossi (MDB).

Maia ressaltou que, depois deixar a presidência da Câmara, vai trabalhar pela união do centro em uma candidatura em 2022, falando de nomes que integram esse campo os governadores de São Paulo, João Doria, do PSDB, e de Pernambuco, Paulo Câmara, do PSB, o apresentador Luciano Huck e o ex-ministro Ciro Gomes, do PDT, e surpreendeu a todos ao dizer que o PT poderia estar nesse campo com um nome que fosse de “centro-esquerda”.

DIFICULDADES – Maia admite que o Democratas teria dificuldade de se unir com o PT em 2022. ” Sei que é muito difícil o DEM apoiar o PT e vice versa, mas o PT teve que vir para o centro para ganhar a eleição em 2002″.

Enquanto isso, o presidente Jair Bolsonaro continua oferecendo cargos aos interessados, na tentativa de influenciar nas eleições para a Mesa Diretora, e anuncia que depois disso vai pautar o excludente de ilicitude com o novo presidente da Câmara dos Deputados.

Como se vê, é a “Nova Política” no cenário do “Novo Normal”…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *