Mais escândalos, desta vez envolvendo ex-diretores do Dnit e dos Correios

Luiz Antônio Pagot enfim foi denunciado pelo MP federal

Deu na Agência Brasil

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou à Justiça dois ex-diretores Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e três ex-dirigentes do Correios por improbidade administrativa. De acordo com os procuradores, os investigados são acusados de não cobrarem multas de caminhões que trafegaram com excesso de peso pelas rodovias do país.

De acordo com as investigações, os envolvidos deixaram de enviar aos infratores mais de 350 mil multas, fato que causou prejuízo de R$ 126 milhões aos cofres públicos. Na ação, o Ministério Público responsabiliza o ex-diretor-geral do Dnit Luiz Antônio Pagot, o ex-coordenador de operações rodoviárias do órgão Luiz Cláudio dos Santos Varejão, além do ex-presidente dos Correios Carlos Henrique Almeida Custódio, e os ex-diretores da empresa Alberto Dias e José Luiz Martins Chinchila.

Segundo os procuradores, os investigados atuavam para favorecer as empresas, que eram proprietárias dos caminhões. “Os requeridos, conhecedores dos entraves administrativos, valeram-se da estrutura burocrática da Administração Pública para, assim, deixarem de autuar por três anos as pessoas jurídicas responsáveis por trafegar com excesso de peso em rodovias federais”, afirmaram.

DÍVIDA COM OS CORREIOS

Na defesa apresentada, os Correios e o Dnit afirmaram que as multas não foram cobradas porque o DNIT estava em dívida com órgão e não pagava pelos serviços postais, fato de impossibilitava o envio da cobrança. De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro e envio da notificação de multa deve ser feito em 30 dias para ter validade.

19 thoughts on “Mais escândalos, desta vez envolvendo ex-diretores do Dnit e dos Correios

  1. “as multas não foram cobradas porque o DNIT estava em dívida com órgão e não pagava pelos serviços postais, fato de impossibilitava o envio da cobrança” – Desculpa para enganar trouxas: se o DNIT não pagava e este fato, impossibilitando a cobrança das multas, causou prejuízo, os diretores são igualmente responsáveis por este prejuízo. Além disso, se isso fosse verdade, o DNIT teria passado três anos sem mandar notificação de multas para ninguém, o que não deve ter acontecido.

  2. Mais um tesoureiro petista ???
    Os segredos que Pagot guardava até agora ajudam a explicar por que a CPI do Cachoeira adiou deliberadamente sua convocação. Ele diz que está pronto para falar tudo e desafia: “Duvido que me chamem. Muitos ali têm medo do que posso contar.” Nas entrevistas à ISTOÉ Pagot forneceu detalhes dos encontros com o tesoureiro do PT, José De Filippi. Ele contou que, em meados de 2010, foi chamado ao QG petista, no Lago Sul, onde foi apresentado a Filippi, que lhe pediu ajuda para passar o chapéu entre as empreiteiras. Dias depois, revelou, os dois voltaram a se reunir no DNIT, onde Pagot lhe apresentou uma lista com cerca de 40 empreiteiras médias e grandes que tinham contrato com o órgão. Ao analisar hoje a prestação de contas da campanha, Pagot identifica ao menos 15 empresas que abasteceram a campanha do PT a pedido seu: Carioca Engenharia, Concremat, Construcap, Barbosa Mello, Ferreira Guedes, Triunfo, CR Almeida, Egesa, Fidens, Trier, Via Engenharia, Central do Brasil, Lorentz, Sath Construções e STE Engenharia. Elas doaram cerca de R$ 10 milhões, segundo a prestação de contas apresentada pelo PT ao TSE. Filippi disse à ISTOÉ que realmente foi apresentado a Pagot no comitê da campanha durante o primeiro turno da eleição. “Mas a conversa tratou da proposta de Pagot de a campanha receber três aviões do Blairo Maggi”, disse Filippi, que negou ter recebido boletos de depósitos. “Num segundo encontro, depois da eleição de Dilma, ficou acertado que Pagot buscaria recursos para saldar dívidas da campanha eleitoral”, admite Filippi.

  3. Orgãos governamentais federais, estaduais e municipais são FEUDOS onde BALCÕES DE NEGÓCIOS funcionam para que os desvios de dinheiro público se concretizem. É assim desde 1500.

  4. Vem para a Caixa você também….
    No dia 06 de Julho de 2006 foi publicada no Diário Oficial da União a nomeação do Sr.Carlos Henrique Almeida Custódio para presidente dos Correios. Sua indicação se deve ao então Ministro das Comunicações Hélio Costa. Além dele foram nomeados três diretores da ECT (Operações, Tecnologia e Comercial), todos indicados por Senadores do PMDB após o escândalo de um apadrinhado do PTB que mantinha indicações na Estatal.

    O mineiro CHC havia passado os últimos 17 anos na Caixa Econômica, e ocupava a Diretoria de Crédito do Banco desde Junho de 2004. Assim que tomou posse tratou de enviar uma carta para cada um dos 110 mil funcionários dos Correios, aos quais chamou-os de “novos colegas” e apresentou-se como novo comandante da ECT. Quem tem essa carta guardada em casa, deve lembrar que ele fez questão de enfatizar que “sua gestão será marcada pela ética, responsabilidade, tratamento igualitário e prestação de contas..”.

    A maioria dos funcionários ecetistas, principalmente os da base, lembrando dessa carta hoje, darão muitas risadas. Afinal, CHC foi o pior presidente que o correio brasileiro já teve. Infelizmente quase nada do que prometeu na referida carta fora cumprido. Foi o responsável pela queda na qualidade dos serviços, acordos não cumpridos com sindicalistas e reclamações generalizadas por todo Brasil.

    Já na primeira greve de 2008, justamente por não ter cumprido um acordo assinado com os sindicalistas, o movimento sindical pelo país inteiro já pedia a sua saída. Atualmente várias notícias a respeito de sua exoneração e inoperância administrativa vêm sendo publicada na mídia. Veja algumas delas:

  5. Na realidade os fascistas travestidos de esquerda, comediantes da ideologia, adoram os Bancos…
    Ocupou a diretoria de Crédito da CAIXA, em 2004, exerceu na Caixa Econômica Federal os cargos de Superintendente Nacional de Estratégia de Canais, Superintendente de Negócios Institucional dos Estados do Amazonas e Roraima e Superintendente de Negócios na regional Ipiranga da região metropolitana de São Paulo. Na Caixa Econômica foi defensor das terceirizações e das mudanças legais feitas no banco autorizando parte da entrega dos serviços da estatal para iniciativa privada, através das lotéricas e dos acordos com empresas privadas em geral. Estes contratos são responsáveis por imensa demissão de funcionários da CEF, além da transferência de recursos milionários da estatal para a iniciativa privada.

    Graduado em Administração de Empresas pela PUC/MG, foi membro do Comitê de Política de Crédito da FEBRABAN – Federação Brasileira de Bancos, principal entidade representativa do setor bancário brasileiro, a qual segundo dados da própria Febraban representa 120 dos 159 bancos registrados no Banco Central em setembro do ano passado.

    Carlos Henrique Custódio é um homem dos bancos na direção da ECT e defensor da chamada “modernização” do correio que nada mais é do que a transformação da empresa em fonte de negócios para estes capitalistas da especulação financeira.

  6. Enquanto isso o PT, que deveria ser o Partido dos Trabalhadores, vai metendo a mão no FGTS dos trabalhadores.

    Jornal Extra Online

    “FGTS teve perdas acima de R$ 35 bilhões em 2014 por rendimentos não serem calculados pela inflação”

    Segundo especialista, a tendência é que a perda seja ainda maior em 2015

    Djalma Oliveira

    Os cerca de 40 milhões de trabalhadores que têm conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) estão amargando perdas bilionárias com o uso da Taxa Referencial (TR), em vez do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), para corrigir os saldos. Segundo cálculos do Instituto Fundo Devido ao Trabalhador, no ano passado, pouco mais de R$ 35 bilhões deixaram de ser repassados para o FGTS. De agosto de 1999, quando foi feita a mudança no cálculo da correção, até janeiro deste ano, essa diferença ultrapassou os R$ 229 bilhões.

    (Esta foi mais uma Herança Maldita que FHC deixou para os trabalhadores, Lula + Dilma + PT mantiveram.)

    — A tendência é que a perda seja ainda maior em 2015. A TR de janeiro deste ano (0,0878%) já foi menor do que a do mesmo mês de 2014 (0,1126%). Deveremos fechar 2015 com uma perda na casa dos R$ 40 bilhões — estima o presidente do Instituto Fundo Devido ao Trabalhador, Mario Avelino.

    Além da TR, os saldos das contas do FGTS são reajustados com juros de 3% ao ano. Esse percentual também era usado quando o INPC entrava no cálculo da correção. Como a TR é sempre menor do que o INPC, a atualização passou a ser inferior.

    Ações judiciais à espera de uma decisão

    Ainda de acordo com Mario Avelino, há cerca de 80 mil ações judiciais pedindo a reposição das perdas causadas pelo uso da TR para corrigir o FGTS, mas elas estão paradas aguardando uma decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) sobre o tema. Essa sentença vai servir como base para os casos semelhantes que estão em todas as instâncias do Poder Judiciário:

    — As ações podem estar paradas, mas quem não ingressou ainda pode ingressar. Quanto mais ações, mais rápido será o julgamento do STJ.

    Para essas ações, não há a restrição de recebimento dos valores dos últimos cinco anos. A regra vale apenas para a cobrança, na Justiça, de depósitos do FGTS não efetuados pelo empregador, conforme decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de novembro do ano passado.

    Leia mais: http://extra.globo.com/noticias/economia/fgts-teve-perdas-acima-de-35-bilhoes-em-2014-por-rendimentos-nao-serem-calculados-pela-inflacao-15055482.html#ixzz3OtkcrlLV

    • Há mais de 10 anos estão remunerando o FGTS ‘daszelites’ com 65% da inflação oficial. Ontem o Sindifisco mostrou que se não reajustarem a tabela do IR, chegaremos ao final do ano com uma defasagem de 75%. ” Aszelites ” que recebem R$ 2.400,00 pagam 15%, o mesmo que os pobres bancos !

  7. Enquanto isso os Correios estão uma ‘maravilha’ .No Centro de triagem do Benfica, o bem fica ! Atrasam 20/30 dias. Mas nó pagamos baratinho… Compre uma bomba de aquário num site chinês e paguei U$ 4,75, entregue em casa. Mandei um Sedex para São Paulo e paguei R$ 32,00. ” Prátia Ducadora’ !

  8. Caro Jornalista,

    O Brasil está como uma casa velha, infestada de ratos: qualquer móvel que você mude de lugar sairá um rato correndo debaixo.
    Enumere os ministérios e empresas pública de A a Z. Peça a uma criança para apontar, aleatoriamente, o dedo no nome de uma delas. Ponha a polícia federal para investigar a escolhida. Pronto! Lá estará mais um caso de corrupção!
    -A infestação começou hoje?
    -Não! Sempre os brasileiros foram governados por ratos.
    Se passássemos quatro anos (ou um governo) sem sermos roubados, o desenvolvimento do país ultrapassaria o da China e o nível de vida do povo iria para o padrão europeu.

    Abraços.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *