Mantega quer trocar IOF, pensa (?) em “medidas aditivas”

O fracasso do Ministro da Fazenda só pode existir ou coexistir com uma palavra: RETUMBANTE. Ou, INACREDITÁVEL. Tenho procurado ajudar o doutor (doutor mesmo) Mantega, pelo menos com análises sinceras e isentas. Mas ele prefere o descaminho dos jornalões, da Internet, dos blogs que já nasceram amestrados, não pode acertar.

No mesmo momento em que o Ministro anunciava o aumento, Ha! Ha! Ha! de 2 por cento no IOF para SALVAR o Real, o que os jornalões atribuíam à Bolsa, disse tranquilamente: “Isso não adianta nada. Taxar o movimento, a compra e a venda de ações ou dólar, é BURRICE. Um compra o outro vende, seja o que for, se taxarem isso, o governo não ganha nada”. Mas se taxarem o dólar na entrada e o lucro, na saída, aí o resultado será óbvio e evidente.

No mesmo dia derrubaram as ações e fizeram subir o dólar, por dois motivos. 1- Como estavam satisfeitos, queriam que o Ministro também ficasse. 2- Sabiam que VENDENDO, as ações cairiam, COMPRARIAM a seguir. Foi o que aconteceu logo depois. O Ministro que adora APARECER NA TELEVISÃO para não dizer nada, já deu O RECADO NEGATIVO, pelo menos isso.

Hoje, quinta-feira, a Bovespa já abriu em alta de 1%, logo passava a 1,32% em 66.243 pontos. Ao meio-dia e pouco venderam, o Índice veio para 65 mil 780 pontos, a alta ficou apenas em 0,32%. Nesse momento, o dólar estava na casa de 1,73 em baixa de 0,44%.

Às 14:30, quando posto estas observações, a Bovespa voltou aos 66 mil pontos, saindo pouquinho dos 65 mil e quase 800 pontos. Volume de negócio pequeno.

(Tranquilo, o “mercado” espera as medidas que o ministro prometeu. Como esse “mercado”, depois da crise, ficou privativo das potências financeiras, riem do que possa vir. Nessa época de insegurança nas ruas, seus lucros e contas bancárias, estão BLINDADOS pelo SISTEMA).

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *