Marun, um subornador, esquece que  904 mil pessoas estão na fila do SUS

Marun diz que suborno é “reciprocidade”

Pedro do Coutto

O ministro Carlos Marun, evidentemente falando em nome do presidente Michel Temer, revelou a existência de um projeto de suborno e chantagem a deputados e senadores mediante seus votos no Congresso Nacional para a reforma da Previdência, cuja data está marcada para 19 de fevereiro. O suborno inclui financiamentos a serem liberados pelo Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e BNDES. A revelação do ministro da Articulação Política do Governo não poderia conter cinismo maior. O próprio Marun acentuou tratar-se de um caso de reciprocidade. Incrível.

O ministro ressaltou também que o BB, a CEF e o BNDES são órgãos do governo. Não explicou que a concessão de financiamentos e empréstimos cabe às presidências e diretorias dos três bancos. Deixou claro que não se trata de análise para concessão de créditos e sim da seleção dos deputados e senadores à base de seus votos.

TUDO GRAVADO  –  Na noite de terça-feira, o Jornal Nacional da Globo mostrou a gravação contendo as declarações do deputado, hoje investido de ministro, confirmando com naturalidade a proposta de suborno. A Globonews também  colocou no ar a matéria. E o assunto, nesta quarta-feira, foi objeto de reportagem de Letícia Fernandes, O Globo, e de comentário de Miriam Leitão destacando o comportamento negativo de alguém que publicamente assume uma proposta de subornar aqueles que podem depender do Executivo para obter lucros e vantagens. A entrevista de Carlos Marun foi um desastre para o Palácio do Planalto.

Vai causar uma forte reação daqueles que vão votar o projeto do governo. Não pode ser o contrário, a menos que os parlamentares aceitem a sinuosa colocação feita pelo ministro da Articulação Política. A diferença é grande: uma coisa é articular, outra é subornar.

CAOS NA SAÚDE – Mas eu disse que Carlos Marun  não conhece, ou não deseja conhecer, a realidade da saúde pública no país.  O Conselho Federal de Medicina revelou em sua publicação mensal que no país existem 904.000 pessoas aguardando uma cirurgia na fila interminável do SUS. Esse número foi constatado no período janeiro a início de novembro deste ano. A publicação me foi entregue pelo médico Pedro Campello.

Há casos em que a espera alonga-se por 10 anos. Muitos morrem à espera de atendimento, isso em todo o país. Carlos Marun não pode desconhecer o assunto porque ele é objeto de reportagem de Adriana Dias Lopes na revista Veja que está nas bancas.

Portanto, a tentativa de suborno, de outro o atestado irrefutável da omissão e do desrespeito à condição humana.

7 thoughts on “Marun, um subornador, esquece que  904 mil pessoas estão na fila do SUS

  1. Marun é um sanguinário assim como Temer e suas criaturas !

    Raquel Dodge está prevaricando e essa atuação da PGR de Temer é inaceitável !

    Raquel Dodge é a Prevaricadora Geral da República !!!

    Já era pra PGR ter feito a 3ª denúncia contra Temer no caso da MP do porto de Santos faz meses !!!

    Mas Raquel Dodge, a Prevaricadora Geral da República, foi escolhida por Temer justamente pra isso: continuar engavetando essa denúncia !

  2. Esse gaúcho é um patife. Que os responsáveis por ele estar onde está, tenham um mínimo de dignidade e decência e o coloquem em seu devido lugar, BEM LONGE DA POLÍTICA NACIONAL, já que não fizeram seu dever de casa na hora de votar. Este pode traficar drogas, assaltar bancos, mas parlamentar, ministro de qualquer coisa, jamais. O BB tem sido alvo de reclamações contínuas de seus clientes, sequer consegue manter seu autoatendimento funcionando por falta de um mínimo de investimento em manutenção e renovação de maquinário, mas ainda serve de instrumento de chantagem ESCANCARADA para aprovar na marra uma outra estupidez. “Reforma da Previdência é de absoluta importância”, pode ser, mas esta que apresentaram NÃO. Que qualquer um destes que a defende como está que aceite se submeter a polígrafo e responda a algumas perguntinhas, SE NÃO ESTIVER MENTINDO, PORCA E DESCARADAMENTE, não restará mais desculpas para não ser aprovada. Pelo que conheço desta corja, nenhum aceitaria passar a mesma vergonha que impõe a seu povo.

  3. Meus caros, 88 anos, nunca vi tanta podridão nos 3 poderes, verdadeiras quadrilhas hediondas da caneta, a roubar o cofre público, e a Dignidade da Cidadania. Os Direitos estão no “Caos”, mas, somos escorchados por impostos em 06 meses anuais de nossos salários miseráveis, enquanto a canalhada, além dos altos salários e mordomias, ainda roubam bilhões. As FFAA foram subornadas, com a manutenção de seus Direitos, que falta faz o Almirante Barroso, na guerra do Paraguai, a conclamar que cada um cumpra seu Dever para com a Pátria. e vencemos a batalha. Estamos escravos da corja, que com suas obras maléficas, estupram e vilipendiam a Cidadania.
    O Vida Boa, devia se espelhar no Almirante Barroso, em Defesa da Soberania Nacional e Dignidade da Cidadania, mas, está conivente.
    Que Deus nos ajude, a sair pacificamente deste oceano de lama.

  4. As balas perdidas têm mais alvo latente.
    Enfileiremos, desse boçal ao Presidente.
    Não vai ter luto, jogar tudo do alto dum viaduto.
    Só precisa ter certeza se até os urubus irão rejeitar essas carcaças desumanas…

    Mas tá um filme de Mojica esse governo!
    Assombra e é de quinta categoria…
    Tudo dominado

  5. Nada que vem da politica em Brasília é bom. Este idiota, falou num jornal televisivo que os funcionários público ganahm bem e que se aposentam cedo. Será que este monte de …. não se lembra que o Migue Tremoso se aposentou cedo e ganha mais de R$ 30000 mil como já divulgado.

  6. O governo Temer é um poço de lama a céu aberto. É um governo que fede, e está composto pelos mais imundos e descarados pilantras, começando pelo próprio presidente, que só não está na cadeia por causa do lixo jurídico brasileiro conhecido como “foro privilegiado”.

    Marun é só mais um dos imensos suínos dessa equipe de governo!

    Enquanto isso o povão brasileiro segue “deitado em berço esplêndido”, esperando para beber até cair, no Reveillon e no Carnaval…

    Ninguém sai às ruas para protestar! É algo único no mundo todo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *