Mensaleiro Valdemar Costa Neto também pede prisão domiciliar

Mais um mensaleiro, Costa Neto, vai deixar a Papuda

Mariângela Gallucci
O Estado de S. Paulo

O ex-deputado federal Valdemar Costa Neto pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o autorize a passar a cumprir em casa a pena por participação no esquema do mensalão. Preso desde dezembro do ano passado, o ex-congressista foi condenado pelo STF a 7 anos e 10 meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Atualmente, Costa Neto está no regime semiaberto. Nesse sistema, ele dorme no Centro de Progressão Penitenciária (CPP), mas pode sair durante o dia para trabalhar como gerente de um restaurante industrial em Brasília.
O ex-parlamentar não é o primeiro condenado no processo do mensalão a pedir a transferência do regime semiaberto para o aberto que, na capital federal, é cumprido em casa. O ex-presidente do PT José Genoino, o ex-tesoureiro do partido Delúbio Soares, o ex-tesoureiro do PL Jacinto Lamas e o ex-deputado Bispo Rodrigues já conseguiram o benefício.
No início da semana passada, o ex-ministro da Casa Civil, José Dirceu, também pediu autorização do STF para cumprir em casa o restante da pena à qual foi condenado, de 7 anos e 11 meses de prisão. A expectativa é de que o pedido será aceito no máximo até o início de novembro.
Pela legislação penal brasileira, um preso tem o direito de progredir para um regime mais ameno após ter cumprido um sexto da pena. No entanto, esse tempo pode ser encurtado se o preso trabalhar e estudar. No caso de Dirceu, o ex-ministro fez vários cursos na área jurídica e trabalha num escritório de advocacia em Brasília.
Patrão do ex-ministro, o advogado José Gerardo Grossi afirmou no início desta semana que o subordinado não deverá continuar no escritório após ser autorizado a progredir para o regime aberto. “Ele me disse claramente que vai para a empresa dele (depois de mudar do regime semiaberto para o aberto)“, revelou Grossi.
Antes de ir para casa, os condenados têm de passar por uma audiência na Vara de Execuções Penais e Medidas Alternativas (Vepema) do Distrito Federal. No encontro, são explicadas as regras do regime aberto. Entre elas, a fixação de horários para saída e retorno à casa.

3 thoughts on “Mensaleiro Valdemar Costa Neto também pede prisão domiciliar

  1. Roberto Jefferson, FHC, Roberto Freire, Agripino Maia quase venceram a eleição, mas não venceram. Quem venceu foi a Dilma , do PT. Eles Tentaram destruir o PT, o Roberto Freire chegou a dizer : Vamos acabar com a raça do Lula. No entanto , o Lula, o PT, venceram as eleições de forma democrática. Agripino e Roberto Freire, apesar de nordestinos, não são nada no nordeste, não representam o povo nordestino e o Aécio perdeu fragorosamente no seu reduto eleitoral. Aécio perdeu três vezes: Para governador de Minas, o PT venceu no primeiro turno; Para presidente, o PT venceu no primeiro, e no segundo turnos.
    A vitória de Dilma foi fantástica. Dilma suportou estoicamente a oposição mais destrutiva que o Brasil já viu. Dilma e Lula não se suicidaram. Humilharam a Dilma, desqualificaram o Lula, criaram todo tipo de incerteza econômica, esconderam os avanços, detonaram com a Petrobras. Perderam por 3 milhões de votos porque o universo conspirou a favor do partido dos trabalhadores.

  2. Esse cara ainda é o cacique político de Mogi das Cruzes, SP, e redondezas. Muito figurão nacional negociou e ainda negocia com ele. É um autêntico craque em trambiques públicos. É desses que se adapta a qualquer regime político e econômico para faturar. Sua flexibilidade tática dispensa princípios. Seu histórico de trambicagem na moita remonta aos tempos da ditadura militar. Tem muita grana e 7 vidas. Já escapou até de desastre aéreo, quando seu jatinho caiu na rua em 2003. COM ELE DENTRO. Esse restaurante industrial de Brasília pode muito bem ser dele em nome de um laranja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *