Michel Temer na Presidência da República

Helio Fernandes

É uma das heresias e infidelidades do sistema político-eleitoral do Brasil. Mas se elegia deputado, geralmente ficava como suplente (O que aconteceu no mandato que acaba dia 31 deste janeiro).

Pois nesse mesmo 31, como Dona Dilma vai à Argentina, ele assume a Presidência, vai direto para a sala dela no Planalto. Deviam fazem como os militares fizeram em 1965 com o vice José Maria Alckmin.

O “presidente” Castelo Branco precisou ir para o exterior por 3 dias, não tiveram dúvidas: o vice teve que atravessar a fronteira, foi dormir no Paraguai. Temer merece.

 ***

“30 ANOS NO PODER”

Quem está completando esse tempo, é o “presidente” Mubarak, do Egito. Fidel Castro e o irmão Raul passaram dos 50, e não estão satisfeitos. Sei que muita gente gostaria de explicar, contra ou a favor, a razão e a importância de ficarem tanto tempo dominando milhões de pessoas.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *