Ministrio da Fazenda mapeou a runa do Fies petista

Resultado de imagem para fies chargesElio Gaspari
Folha/O Globo

Um estudo do Ministrio da Fazenda exps a runa que o comissariado dos ministros Aloizio Mercadante e Fernando Haddad produziu no programa de financiamento para estudantes de curso superior, o Fies. Fizeram a farra das faculdades privadas expandindo a carteira de emprstimos de 600 mil contratos em 2012 para 1,9 milho em 2015. No interesse das empresas, davam-se emprstimos a quem tirava zero na prova de redao do Enem e praticamente dispensava-se o fiador. O saldo das operaes do Fies cresceu 1.000% em quatro anos e ao final de 2016 chegou a R$ 61,9 bilhes.

Naquele ano o Bolsa Famlia custou R$ 28,6 bilhes. Eram programas essencialmente diferentes, mas o governo permitiu que o Fies fosse percebido com um programa de bolsas. Estudantes que tinham acesso a outras formas de financiamento migraram para a bolsa da Viva. A Fazenda calculou que a inadimplncia (51,4%) e os subsdios levaro o Fies a gerar um espeto de R$ 11 bilhes em 2024.

DINHEIRO DA VIVA – A farra inflacionou os preos das mensalidades e engordou grandes empresas do setor. O estudo, assinado por dez tcnicos do Ministrio da Fazenda, chega ao final com uma questo bvia: existindo o ProUni, que beneficia o mesmo pblico, no havia por que expandir o Fies. No havia nem h, a menos que o nome do jogo continue sendo jogar dinheiro da Viva nos cofres dos donos de faculdades. O programa do Fies foi remodelado h poucas semanas. Tomara que d certo.

Servio: O “Diagnstico Fies”, do Ministrio da Fazenda, est na rede.

6 thoughts on “Ministrio da Fazenda mapeou a runa do Fies petista

      • E o Temer vai dar esse dinheiro para os abutres do ensino a distncia. Treinamento de professores atravs de uma metodologia americana que at l foi abandonada.
        Tem muitos donos de ONGs picaretas ligadas a partidos , atrs dessa farta grana…

  1. Confesso que cansei de ouvir, ver e ler matrias sobre desperdcio, roubo e corrupo com recursos pblicos. E fico chateado de ver que, com tudo que denunciado, pouco ou nada acontece com seus autores a no ser receberem novos mandatos e novos cargos para continuarem fazendo o mesmo. A isto dou o nome de conversa de bbado.
    Levantar dados, identificar falcatruas e/ou desmandos e desvios e deixar por isto de uma irresponsabilidade brutal. Quando no sei, nada a dizer. Mas quando sei, comprovo e no fao nada, a situao fica pior do que se no soubesse.
    Quando ser que faremos o que precisa ser feito?
    Alguma dvida do que precisamos fazer?
    Fallavena

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.