Moraes retira o sigilo do inquérito dos atos antidemocráticos, que Aras tentara arquivar

Charge do Nani (nanihumor.com)

Márcio Falcão
TV Globo — Brasília

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), retirou o sigilo do inquérito dos atos antidemocráticos, que corria até então em segredo de Justiça. A decisão foi tomada na última sexta-feira (4) e operacionalizada pelos técnicos do tribunal nesta segunda (7). Moraes manteve o sigilo dos anexos.

O inquérito investiga a organização e o financiamento de manifestações que, no ano passado, foram às ruas para defender causas antidemocráticas e inconstitucionais, como o fechamento do Congresso e do STF, e a adoção de um novo AI-5, o ato mais repressor da ditadura militar.

ARAS PEDIU ARQUIVAMENTO – Blogueiros e parlamentares bolsonaristas são investigados no inquérito. A investigação foi aberta em 2020, a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). Moraes é o relator.

Na sexta-feira (4), a PGR pediu ao STF o arquivamento do inquérito. A manifestação da PGR ocorreu 5 meses depois que o órgão recebeu da Polícia Federal um relatório parcial apontando a necessidade de se aprofundarem as investigações. A PGR não fez as diligência sugeridas pela PF.

A TV Globo teve acesso ao relatório parcial da PF. No despacho em que determina a queda do sigilo, Moraes cita o relatório parcial: “No caso dos autos, embora a necessidade de cumprimento das numerosas diligências determinadas exigisse, a princípio, a imposição de sigilo à totalidade dos autos, é certo que, diante do relatório parcial apresentado pela autoridade policial – e com vista à Procuradoria-Geral da República, desde 4/01/2021 – não há necessidade de manutenção da total restrição de publicidade”, escreveu o ministro.

RELATÓRIO PARCIAL – No relatório parcial entregue à PGR em janeiro que ficou 5 meses sem resposta, a PF afirma que há “justa causa” para aprofundamento das investigações, mesmo diante de “lacunas” na apuração.

O documento é assinado pela delegada da PF Denisse Ribeiro. Algumas dessas lacunas, segundo ela, ocorreram porque a PF não conseguiu obter provas junto à CPI das Fake News.

Em outro trecho, a PF afirma que a investigação permitiu identificar a “existência de um grupo de pessoas que se influenciam mutuamente, tanto pessoalmente como por meio de redes sociais digitais, com o objetivo de auferir apoio político partidário por meio da difusão de ideologia dita conservadora”.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
Aras fica mal no episódio. Passou cinco meses sentado em cima dos autos. Quando levantou o traseiro, pediu arquivamento de um inquérito que ele mesmo abrira… Agora, recebeu o troco. Queria arquivamento e ganhou uma quebra de sigilo. Ponto para o ministro Moraes. (C.N.)

8 thoughts on “Moraes retira o sigilo do inquérito dos atos antidemocráticos, que Aras tentara arquivar

  1. Comentário do Gabeira hoje:

    Um escândalo que vai pedir passagem é esse do inquérito sobre atividades antidemocráticas. Alexandre Moraes suspendeu o sigilo do processo e alguns jornais noticiam que a PF localizou e-mails de contas fantasmas sendo emitidos do Congresso, do Palácio do Planalto e até da casa de Bolsonaro.
    Uma dessas contas era acionada por um grupo de artilharia do Exército. Nós que pensávamos que estavam ali para disparar balas reais contra inimigos externos, descobrimos agora que passam seu tempo disparando e-mails e tuites contra os adversários de Bolsonaro.

    Gastamos uma fortuna com as Forças Armadas. Seria razoável esperar algo em troca.

    Realmente o Moraes não deve investigar.

    Quem teria a coragem sacrilegica de desvendar cono se comportam os funcionários pagos por nós???

    Os deuses não devem ser incomodados

  2. Comentário meu em adendo ao comentário de Gabeira

    Realmente o Moraes não deve investigar.

    Quem teria a coragem sacrilegica de desvendar cono se comportam os funcionários pagos por nós???

    Os deuses não devem ser incomodados

  3. Quem fez arminha em 2018 e hoje paga de isentão cuspindo no prato que comeu devia sair do armário, parar de fazer tipo de bolsonaristas decepcionados. Não convence ninguém.

    • Alex

      Que saudade

      A democracia e o equilíbrio sem dúvida saúdam teu retorno, em grande estilo.

      Lembre apenas aquele velho ditado: 2 erros não fazem um acerto

      Votei em lula e em Bolsonaro

      Imagine minha alegria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *