Mourão diz que Bolsonaro se expressou mal e reprova critica que ele fez a Dória

Resultado de imagem para MOURAO + LAURO JARDIM

Mourão mostrou-se constrangido com a agressão a Dória

Deu na CNN

Cada vez mais isolado, depois de ser criticado por quase todos os governadores, Jair Bolsonaro foi desautorizado pelo vice-presidente, Hamilton Mourão, que defendeu o isolamento social no combate à pandemia de coronavírus. Depois de ter convocado uma coletiva e não ter aparecido, o vice-presidente disse que a posição oficial do governo é o isolamento social e que Bolsonaro se expressou mal.

A jornalista Daniela Lima, da CNN, informou que Mourão disse que a posição oficial do governo é o isolamento social e que Bolsonaro se expressou mal. Antes da declaração, Mourão havia convocado uma coletiva de imprensa e, depois de 36 profissionais de imprensa reunidos, não apareceu, avisando que daria declarações via conferência.

ISOLAMENTO SOCIAL – “A posição do governo por enquanto é uma só, a posição do governo é o isolamento e o distanciamento social. Está sendo discutido e ontem o presidente buscou colocar, pode ser que tenha se expressado de uma forma que não foi a melhor, mas o que ele buscou colocar é a preocupação que todos nós temos com a segunda onda. Temos a primeira onda, que é a saúde, e a segunda que é a questão econômica”, disse Mourão em reunião sobre coronavírus para a região amazônica.

“Existe uma discussão no mundo entre o isolamento horizontal e o isolamento vertical que são pessoas que pertence ao grupo de risco e as que têm convívio com elas. A minha visão por enquanto é que temos que terminar esse período que estamos em isolamento para que haja calibragem da forma como está avançando a epidemia no país e, a partir daí, se possa gradativamente ir liberando as pessoas dentro de atividades essenciais para que a vida vegetativa do país prossiga”, continuou, segundo reportagem do Globo.

CONSTRANGIMENTO – Ainda em O Globo, o colunista Lauro Jardim noticiou que o o vice-presidente Mourão deixou claro seu descontentamento durante a discussão que o presidente Bolsonaro e o governador paulista João Dória tiveram durante a videoconferência nesta quarta-feira.

“Enquanto Bolsonaro dizia coisas como ‘Vossa Excelência se apropriou do meu nome nas eleições’. Mourão, que estava ao lado do presidente, olhou para baixo, meneou a cabeça com ar de reprovação”.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOG
A coisa está mesmo feia. Até o vice Mourão, que se afastou da imprensa para não irritar Bolsonaro, já não aguenta os arroubos do presidente. É grave a crise. (C.N.)

28 thoughts on “Mourão diz que Bolsonaro se expressou mal e reprova critica que ele fez a Dória

  1. Continua a tentativa de minar a presidência do país. Agora, o Mourão serve ou é um general sem estratégia para o país? Eu acho melhor colocar no lugar do Bolsonaro o Circo Gomes Chorão ou então o Lula Estadista.

  2. Bloguista comunista e golpista faça uma enquete. Quem deve ocupar o lugar do presidente genocida? CIrco Gomes Chorão ou o Lula Estadista. Tem também o Serra Bolinha de Papel e o Aécio Narigão. Vamos só lembrar que depois que o Ladrão foi a Itália, nós vimos o que aconteceu.

    • Nelson, só acredito no Saci, porque já vi várias vezes. Na mula sem cabeça, parei de acreditar. No inferno, são os outros. Ou seja, acredito que o inferno seja de Dante.

      Rasputin era uma figura folclórica, como tantas que encostam em quem está no poder.

      E veja como são as coisas, o inferno astral de Bolsonaro já terminou no dia 21, mas ele continua obsidiado, como dizia Gustavo Bebianno, que ainda não fez contato para revelar se o inferno existe ou o céu é o limite.

      Abs.

      CN

      • Mas…evocar “Bebiano”…Ele , também, não seria um embusteiro? Ou possuía “dons especiais”? Cuidado, CN! Rasputin foi, digamos assim, responsável pela fome e pela miséria, segundo os bolcheviques…Captou uma mera analogia?

        • Cara. De um chato para outro (até um minuto atrás, eu achava que eu era mais chato que você). Deixe de ser tão chato. O Carlos Newton, coloca as opiniões dele. PONTO.
          Deixe de ser chato, e coloque CONTRAPONTO nos comentários, em vez de ficar querendo CENSURAR a posição do editor.

  3. Não votei no JB, mas estão começando a desrespeitá-lo frontalmente. E ele como Presidente da República precisa ser respeitado, pois representa o Estado Brasileiro. Chamá-lo de Bozo em redes sociais, fazer piada, é uma coisa, mas prendê-lo, desrespeitá-lo pessoalmente, nunca.

  4. Até que enfim alguém lembrou que o cargo da Presidência deve ser respeitado, sem hierarquia nada se resolve. Dória Cara de Boneco deveria ser preso imediatamente por desrespeitar a Instituição da Presidência e consequente o país. Para mim, naquele momento, o PR deveria pedir para ele se retirar e tomar as providências imediatas para prender aquele canalha. Este canalha há pouco tempo não aceitou um Coronel da PM escrevendo em uma reunião sua, imagina o criticando na frente de todos. Este Dória não passa de um marginal.

  5. É grave você não responder a minha simples pergunta. Quem está “embarreirando”? O Billy?

    CN, você acredita no inferno? Existe um lugar, de fato, tenebroso onde o mal secular, adormecido, espera o seu retorno? CN, você é discípulo de Grigori Rasputin?

  6. “A coisa está mesmo feia. Até o vice Mourão, que se afastou da imprensa para não irritar Bolsonaro, já não aguenta os arroubos do presidente. É grave a crise. (C.N.)”

    -Caro Jornalista.
    -É grave a crise.
    -Mas a causada pelo Vírus.
    -Perto do vírus, o Bolsonaro e o “anão diplomático” latino são um nada. A menos que a tal “crise” política brasileira seja mais grave do que a morte de milhões, e a crise na saúde mundo afora!

    O Bolsonaro, além dos arroubos característicos dele, não faz, nem fará a menor diferença para as mortes, para o combate ao vírus e para a recessão da economia mundiais, pois as autoridades daqui já estão fazendo as coisas sem o aval dele.

    As pessoas que hoje o agridem, já o faziam no ano passado e BOA PARTE tem processos arquivados no Supremo, sob as nádegas de algum amigo!

    Abraços.

  7. De acordo, preservemos e respeitemos o presidente que, ainda não tendo sido contaminado, leva todos os auxiliares com teste positivo para o vírus para o seu convívio próximo e diário, permitindo que sejam agentes céleres de transmissão aos seus entes queridos.
    Os defensores das atitudes responsáveis do querido presidente já se perguntaram quais pessoas de suas famílias estarão dispostos a abrir mão para a salvação da economia? Ou farão como os generais que traçam as estratégias de combate a quilômetros das linhas de frente?

  8. Alguém perguntou para o Mourão quem ele reprovou com o gesto da cabeça? Será que ele não reprovou o ataque de Dória a Presidência desrespeitando a hierarquia do cargo e partindo para o confronto. Os canalhas adivinharam que ele reprovou o presidente. Devem ter a capacidade de ler pensamentos.

  9. O traira Doria (primo do Maia) descobriu da pior maneira porque o apelido do Bolsonaro era “Cavalão” … tentou lacrar em cima do PR e foi chamado de covarde e traidor, na lata, ao vivo e a cores. Ô patada bem dada, viu CN?

  10. A falta de decoro com o cargo de PR. Só isso, Dória não tem o direito de agredir a Instituição da Presidência. Bolsonaro estava ali para encontrar soluções para crise e o vagabundo tinha que falar aquelas palavras.

  11. Agora se Mourão reprovou o PR com o gesto da cabeça, deveria ser destituído do cargo por falta de decoro. Os anos que passou no Exército não lhe ensinaram disciplina e hierarquia, é um péssimo militar. Espero que não tenha sido este o seu comportamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *