Movimento contra Renan faz hoje uma faxina na rampa do Congresso, em busca de um político ficha limpa

A rampa do Congresso Nacional terá uma faxina reforçada nesta quarta-feira, dia 30. Manifestantes que organizam na Internet o abaixo-assinado contra a recondução de Renan Calheiros à presidência do Senado vão fazer a lavagem simbólica da rampa, com vassouras verdes e amarelas e bastante sabão. O protesto constará de uma instalação com vassouras, baldes e produtos de limpeza, ao nascer do sol. A lavagem da rampa acontecerá às 15 horas.

O abaixo-assinado na Internet, lançado no fim da semana passada, tem quase 20 mil assinaturas. É um pedido aos senadores para que elejam um presidente ficha limpa, lembrando que “graves denúncias pesam sobre a vida política de Renan e é inaceitável que ele retome um dos mais altos postos da República antes que tudo seja esclarecido”.

O link da petição é o seguinte:

http://www.avaaz.org/po/petition/Um_presidente_fichalimpa_para_o_Senado_Nao_a_volta_de_Renan_Calheiros/?eoJGUab

A petição e a manifestação desta quarta em Brasília são iniciativas da organização Rio de Paz, de combate à violência, e do Movimento 31 de Julho Contra a Corrupção e a Impunidade, e tem o apoio de organizações de diversos estados:

Rio de Paz; Movimento 31 de Julho; Instituto de Fiscalização e Controle (IFC); Nas Ruas; Voz do Cidadão; Congresso em Foco; Queremos Ética na Política; Revoltados On Line; Renovadores UDF; OCC Alerta Brasil; Ong Moral; Associação Diamantina Viva; Juventude Consciente; Erga Omnes; Comitê Ficha Limpa DF; Instituto Soma Brasil; Instituto Atuação; Amarribo; e Associação Contas Abertas.

Segue a integra da petição:

“A articulação para a volta de Renan Calheiros à presidência do Senado é um tapa na cara da sociedade brasileira e mais um passo das lideranças políticas que hoje controlam o Congresso Nacional para a desmoralização do Parlamento”.

“Graves denúncias pesam sobre a vida política de Renan e é inaceitável que ele retome um dos mais altos postos da República antes que tudo seja esclarecido. O Senado não pode continuar sendo dirigido por representantes de oligarquias políticas atrasadas e cruéis, que se apropriam em benefício próprio da riqueza do país e do fruto do trabalho do povo”.

“A sociedade não tolera mais a corrupção e o descaso com a saúde, a educação, a segurança, o transporte e demais serviços públicos, que martirizam a vida das pessoas mais pobres. São muito elevadas as responsabilidades do Senado e muito amplos os poderes do seu presidente. Fazemos um apelo aos Senhores Senadores para que escolham um presidente ficha-limpa, comprometido com o desenvolvimento social e que seja capaz de dirigir o Senado com independência e dignidade”.

Outras informações: Antonio Carlos Costa: antonioriodepaz@gmail.com

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *