Na TV Globo, Bonner e Renata funcionam como “inquisidores” e não entrevistadores

Resultado de imagem para ciro gomes entrevistado no Jornal Nacional

Ciro Gomes se saiu bem diante de seus “inquisidores” globais

Carlos Newton

Assisti agora há pouco a uma suposta “entrevista” do candidato Ciro Gomes (PDT) aos apresentadores William Bonner e Renata Vasconcelos, no Jornal Nacional. Pensei que seria possível conhecer o pensamento do presidenciável sobre os principais problemas nacionais – dívida pública, desindustrialização, aumento da desigualdade social, desemprego, retomada do desenvolvimento, melhorias na educação e na saúde etc. No entanto, o que assisti não foi uma entrevista, mas uma verdadeira cena de inquisição. O objetivo claro era criar “pegadinhas” para destruir o candidato, nenhuma pergunta era dirigida sobre o programa de governo.

Ciro Gomes ainda tentou manter o humor. Ouvia impassível as impertinentes perguntas de Bonner e Renata, que eram chatíssimas e intermináveis. Notava-se, claramente, que as perguntas já induziam respostas negativas para o candidato do PDT, foi uma aula de antijornalismo, com toda certeza.

ARROGÂNCIA – E ninguém deve concluir que os apresentadores, ao procederem como inquisidores ou interrogadores, estivessem pretendendo prejudicar especificamente Ciro Gomes para fortalecer outro candidato.

Nada disso. Bonner e Renata vão se comportar da mesma forma (deselegante, mal educada e grosseira) com relação aos outros candidatos (Jair Bolsonaro, Geraldo Alckmin e Marina Silva).  E assim agem porque são presunçosos, pedantes, pretensiosos e prepotentes, já que assumem prazerosamente o “figurino global” que a genialidade de Chico Anysio desmoralizou ao criar o personagem Bozó.

Essas cenas explícitas de mau jornalismo, arrogância e falta de ética não são novidades na TV Globo. Pelo contrário, trata-se de uma irritante rotina. Toda eleição é a mesma coisa, com os apresentadores-inquisidores-interrogadores querendo aparecer mais do que os entrevistados.

###
P.S. 1 –
Bonner levou um tempo enorme para montar uma pergunta/resposta e dizer que Carlos Lupi, presidente do PDT, era réu em Brasília. A gente logo pensa que se trata de gravíssimo ato de corrupção, mas na verdade o ex-ministro do Trabalho responde a processo porque teria viajado em um avião fretado por uma entidade sem fins lucrativos (Centro de Estudos e Promoção Social), que teria convênios com o ministério que ele comandava. Traduzindo: Lupi está sendo processado porque aceitou uma carona de avião. Como dizia o inesquecível Bussunda: “Fala sério!”.

P.S. 2 – Esta terça-feira, no Jornal Nacional,  é dia de malhar mais um judas, chamado Jair Bolsonaro. Na estréia das entrevistas, Ciro Gomes se conteve e tentou levar na brincadeira os inquisidores. Vamos ver como Bolsonaro se comporta hoje. Ele é capaz de se levantar e ir embora no meio do programa. Se eu fosse seu marqueteiro, mandava que fizesse isso, porque iria ganhar muito voto. (C.N.) 

54 thoughts on “Na TV Globo, Bonner e Renata funcionam como “inquisidores” e não entrevistadores

  1. Caro Jornalista,

    -Será que conseguirão alguma “ex-namorada abortadeira” do Bolsonaro, da época do ensino primário, e farão com ele o que fizeram com o Lula?
    -Se com o Ciro o nível foi tão baixo e tão agressivo assim (não assisti), imagine o que acontecerá com o Bolsonaro, ostensivamente declarado inimigo da Globo?
    -E olha que não é um DEBATE ou um INTERROGATÓRIO que a emissora está fazendo, mas apenas uma simples “ENTREVISTA”…
    -As perguntas, certamente, serão formuladas (aliás, já foram selecionadas) pelos “agentes secretos” das fofocas globais. Vai ser curioso amanhã!

    • Vai ser um massacre, corre o risco de ter sangue, dele ou dos perguntadores.

      Brincadeiras a parte, são as regras do jogo só assim podemos ver um pouco mais de nuances do candidato, ciro por exemplo em comparação com seu comportamento em palanque e em debates, ficou na retranca, encantoado nas cordas, não foi o extrovertido e expansivo tradicional, recolhido e apreensivo e sutilmente receoso.

  2. Newton:

    Eu havia acabado de pedir pra vc um artigo sobre!

    Estou triste com esse Brasil. A cada dia, um pouco mais triste!

    E com mais nojo dessa Globo.

    Acho que os candidatos deveriam se unir e fazer uma nota de repúdio à Globo.
    Digo-o sinceramente.

  3. Os Marinhos sabem escolher bem a sua laia , o Bonner já era um nojo desde os tempos da ECA/USP.
    Já o Bozzonaro se sair no meio se queima e se não for também.
    O último debate será na Globo na véspera do encerramento do horário político .

    • -Os entrevistadores não se comportam como jornalistas, mas como cabos eleitorais de “algum candidato”. E quando o candidato da vez não for esse “candidato” escolhido pelos patrões, passa a ser massacrado com perguntas fúteis e de caráter pessoal!

      Agora, pelo visto, parece que o candidato da Rede Esgoto não é o Ciro!

      • É o Geraldinho , pior que só na Grande São Paulo ele está dando uns 30 pontos.
        Não foi por mero acaso que hoje no ” Alice no País das Maravilhas ” vulgo o Brasil que Eu Quero apareceu um Quilombola ….

        • -Virgílio, na minha opinião, os debates e entrevistas não fazem a menor diferença na “quantidade” de votos, pois a maior parte do eleitorado só assiste novela. Na hora do Jornal Nacional mudam para o SBT para as novelas mexicanas. A internet e o “zapzap” diminuíram muito o tempo gasto pelas pessoas na frente da TV.

          -Creio que o grosso da audiência seja formada por aqueles eleitores que querem ver “quem se ferra mais” nas entrevistas e que compõem um parcela numericamente insignificante dos eleitores.
          -Quem vai votar no Lula, não mudará de opinião por causa de simples perguntas.

          Abraços.

          • 30 pontos de audiência… Quem está ganhando com esses debates e entrevistas é o Lula ….

          • É isso Francisco! Debate para quem assiste, não muda a opinião de ninguém. E debate é como horário politico para que vê TV – muda de canal

          • Há uma outra linha que acha que eles , junto com a Natura , estão preparando a Marina desde a novela Velho Chico….

    • Sei não Virgílio. Já confessei aqui que sou abstêmio convicto. Contra o voto obrigatório, não posso referendar um modelo que combato. Nessas eleições voto em Ciro. Mas voltando ao assunto, nas eleições passadas fizeram um meme com o pastor everaldo peidando na entrevista da globo. Algumas pessoas me disseram: se ele tivesse mesmo peidado na cara do Willian Bonner, votaria nele, só de sacanagem. Então, pode ser que uma atitude intempestiva de Bolsonaro lhe renda alguns votos. É o seu radicalismo, não sua racionalidade, que tem lhe dado votos.

      • Sei não , o Kamel é sociólogo funciona lista parsoniano , lá atrás a Globo pagou uma nota para o Gabriel Cohn montar o seu sistema de mixagem e subliminaridade de informação.
        No caso do Ciro era previsível que iriam atacar o Ciro pois um dos patrocinadores é a Crefisa o chupa sangue dos desesperados .

  4. Isto já acontece de longo tempo, o programa de governo foi prejudicado pelos inquisidores de plantão da rede globo, isto não é entrevista e sim interrogatório, mas sabemos quem formula as perguntas e com certeza não são eles.

  5. O artigo representa a pura verdade.

    Não apenas no JN acontece de tornar a tal sabatina numa sessão de torturas.

    Na rádio Jovem Pan todos os entrevistadores agem como delegados a interrogar um suspeito.

    Resultado: nada de produtivo é levado ao eleitor que se afasta desse tipo de evento.

    E ainda ocorrem apertos maiores aos candidatos “inimigos” do meio de comunicação.

    Enfim, os candidatos deveriam não mais participar desses teatros de horrores.

    • Os jornalistas estão expressando em parte a indignação contra o sistema apodrecido que não muda nem a pau, Juvenal. Não tem mais moleza para os continuístas do sistema apodrecido não, a paciência acabou.

      • O eleitor, este sim, deve expressar sua indignação nas urnas elegendo os melhores e os jornalistas subsidiando esta decisão com informações isentas e não tendenciosas.

  6. Gostaria de esclarecer um ponto: não são as perguntas que me deixam aborrecido, mas a canalhice de não permitirem que o candidato responda!

    O candidato mal começa a responder, já o interrompem!

    Inaceitável, seja quem for o candidato!

    • Às vezes, os jornalistas nem sabem porque estão batendo, mas os candidatos carreiristas do sistema apodrecido sabem porque estão apanhando. Hoje será a vez do carreirista Bolsonaro participar da “sessão espírita”.

    • Ciro pisou feio na bola, ao dizer que confia cegamente no Lupi, expressa um pacto de sangue sintomático. É bem verdade que política partidária é colocar a mão na merda, mas botar a mão no fogo pelo Lupi é muito arriscado. Poderia ter dito, a mim, por ora, tem sido uma pessoa boa e leal, presidente do partido que me garantiu a legenda, de modo que a menos que me provem o contrário de forma convincente, estou com ele e não abro. Queriam que os jornalistas fizessem o quê, rasgação de seda, confetes, serpentinas e palmas para os malucos dançarem. Fala sério. Tem que pegar pra capar mesmo, quem quer ser presidente tem que estar preparado pra tudo, inclusive para responder perguntas marotas a queima roupa. Feio seria se eles amaciassem, para nos bastidores pedirem uma boquinha no erário, caso o candidato seja eleito. Tem que apertar mesmo, se possível apertar até fazê-los peidar.

  7. Vejam bem Ciro é um demagogo , mentiroso contumás. As perguntas realmente inquisitórias só serviram para desmoralizar o político fake. A toda hora esse Sr. se auto elogia dizendo ser isso ser aquilo etc etc e por último agora vem com uma história de que é um velho professor de direito constitucional e vocês acreditam nisso. Ele é sim um político profissional há mais de 38 anos. Façam uma pesquisa e chamem os doutos advogados no Brasil hoje que foram alunos do professor Ciro. O Brasil não é um país sério. Realmente hoje a barra vai pesar bastante para o Bolsonaro. Mas um dia teremos políticos que procurem falar a verdade. A Dilma apresentou-se como DOUTORA em economia. E a mídia engoliu.

  8. Após entrevista na TV Globo, Ciro pode ter zerado o placar de pesquisas dos suspeitíssimos institutos de indicação pública. Leiam a detalhada crítica sobre a participação de Ciro Gomes no Jornal Nacional, um bombástico gol de placa do presidenciável pedetista com imensa repercussão nas redes sociais. https://portaldisparada.com.br/politica-e-poder/ciro-gomes-jornal-nacional/?utm_source=share_buttons&utm_medium=social&utm_campaign=social_share

    PALANQUE DE CIRO: No Paraná estou com Requião 151 para senador, com Nelton 123 na outra vaga para o Senado e Arruda 15 governador. Ao inviabilizar coligação antes entabulada em favor de seu irmão Osmar Dias ao Governo do Paraná, o senador Alvaro Dias acabou se inviabilizando como potencial candidato paranaense à Presidência da República. Assim, por exemplo, o PDT estadual que havia anunciado liberação de Osmar a favor de Alvaro, para não jogar irmão contra irmão, ao final do prazo das convenções armou amplo palanque até então inimaginável a favor de Ciro Gomes tendo Arruda para o Governo do Estado e dois combativos candidatos ao Senado, Roberto Requião e Nelton Friedrich, todos alinhados com a candidatura presidencial pedetista. http://www.facebook.com/robertorequiao/videos/219253495610293

  9. Se o Ciro que é o Ciro, falador, articulado, fluente, advogado,professor, ficou imprensado e visivelmente acuado ontem, hoje o Bolsonaro vai apanhar igual a cachorro sem dono.

  10. C. N.

    “P.S. 2 – Esta terça-feira, no Jornal Nacional, é dia de malhar mais um judas, chamado Jair Bolsonaro. Na estréia das entrevistas, Ciro Gomes se conteve e tentou levar na brincadeira os inquisidores. Vamos ver como Bolsonaro se comporta hoje. Ele é capaz de se levantar e ir embora no meio do programa. Se eu fosse seu marqueteiro, mandava que fizesse isso, porque iria ganhar muito voto. (C.N.) ”

    Incitação??????

    A espada corta a carne, a pena manipula as mentes.

  11. E dizer que o Faustão é tido como o cara que não deixa o entrevistado responder!

    Ontem, assisti o JN para ouvir e ver a entrevista com Ciro.

    Confesso que me irritei com os dois apresentadores, Bonner e Renata, que não deixaram o candidato responder pergunta alguma!

    Bonner fez uma pergunta que levou quase cinco minutos!!!

    E, o início do programa, foi aquela obsessão para pegar Ciro no contrapé, na contradição, algo que em nada contribuiu para e saber o programa de governo do candidato do PDT.

    Deplorável a entrevista.

  12. O Jornalismo latrina da Rede Bobo está confundindo inquisição como entrevista. Não sou eleitor do Ciro mas as vedetes Globinas querem aparecer mais do que o candidato. Ninguém quer saber a opinião dos apresentadores! Resumam-se a sua insignificância, perguntem e deixem responder. A Globo não é Ministério Público para julgar! Se eu fosse o Ciro os mandava pra PQP!

  13. Newton e Werneck, eu que durmo cedo fiquei acordado para ver a entrevista. O que vocês disseram é o retrato fiel do que aconteceu. Mas me passou pela “cabeça” uma outra coisa. Me pareceu que Bonner estava interrogando o namorado de sua ex-mulher que é do PDT. Em 1966 estive na Auditoria da Marinha sendo interrogado e não passei sobre esse tipo de vexame. As perguntas eram rigorosas , mas tinhamos a possibilidade de nos defendermos explicando qual a nossa posição e o que tinhamos feito. No futuro os jovens ao verem esta entrevista. Vão dizer o mesmo que Newton: Foi um interrogatório; não uma entrevista.

  14. o personagem Bozó serve para todos.

    mau jornalismo, arrogante antiético não só na TV Globo. Pelo contrário espalhou-se por todos os meios, trata-se de uma irritante rotina. a mesma coisa, apresentadores-inquisidores-interrogadores querendo aparecer mais do que os entrevistados, especialistas em distorção, penas alugadas ao desserviço da população.

  15. Gregório, Ciro mesmo sendo político, passou um bom tempo fora da política estudando nos EEUU. É natural que diga quais seus conhecimentos e o que fez para que o povo saiba quem é ele. Quanto a dizer que é velho professor de direito constitucional, ele formou-se em Harvard. Se ele pouco exerceu a profissão de professor é outra coisa. Na dúvida vá em Harvard e informe-se ou pague uma investigação para saber se é verdade oque diz. “Você é daqueles que quando morrer teu corpo vai em uma caixa de fósforos e tua lingua em uma carreta com uma faixa: Aqui jaz um odioso”.

    • Ele não se formou em Harvard coisa nenhuma, ele passou dois meses , em um curso de verão, é outra mentira. E também não é professor de direto coisa nenhuma. É mentira, mas a nossa imprensa como já disse varias vezes esquece o ontem facilmente. Só isso. É um demagogo vagabundo. Um mentiroso, só isso. O Sardinha.

  16. Bem, senhores, apenas repito a postagem já feita:

    -Nos INTERROGATÓRIOS feitos pelas emissoras de televisão, os candidatos precisam ser CÍNICOS como foi o Garotinho no vídeo abaixo, de apenas 60 segundos, feito na Globo, pois a grande maioria delas vive de verbas de publicidade do Estado e tem os pés de barro:

    https://www.youtube.com/watch?v=uBfeq4HwEaU

  17. Ninguém é obrigado a se submeter a tal “interrogatório”, se vão é porque querem fazer uma mediazinha com a Poderosa. Sabedores disto os apresentadores do jornal pisam nos candidatos porque sabem que eles não vão reagir. Então os que não foram já sabem por qual sabatina vão passar.

  18. Pelo menos os inquisidores conseguiram que Ciro falasse a verdade, alterando a fala “vou tirar todos do SPC” para “vou AJUDAR a tirar todos do SPC, somente aqueles que aceitarem”…. o que muda bastante!

  19. Tem mais moleza não, o pega na cadeira do JN vai ser pra capar geral, não vai sobrar pedra sobre pedra. Tolerância zero com os candidatos carreirista do velho continuísmo da mesmice, e seus velhos trololós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *