Nada mudou e o BNDES volta a financiar obras de empreiteiras no exterior

Resultado de imagem para bndes charges

Charge do Humberto, reprodução do Arquivo Google

Deu no G1

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou nesta terça-feira (3) que liberou um empréstimo de US$ 145 milhões para financiar uma obra executada pela construtora Queiroz Galvão, na primeira operação do tipo para uma empresa investigada pela operação Lava Jato desde maio.

Em comunicado, o banco de fomento afirmou que o empréstimo, liberado em 28 de dezembro, será para a construção do Corredor Logístico que liga Puente San Juan I a Goascorán, em Honduras.

SUSPENSÃO TEMPORÁRIA – “Este é o primeiro financiamento da carteira de exportação de bens e serviços de engenharia e construção que volta a receber recursos do banco, após a suspensão temporária de desembolsos, ocorrida em maio de 2016”, disse o banco.

Segundo o BNDES, a liberação levou em conta critérios anunciados em outubro passado, incluindo percentual de avanço físico da obra, participação de outras instituições no financiamento e a assinatura de um termo de ‘compliance’ no qual a Queiroz Galvão e o governo de Honduras se comprometem a cumprir a finalidade da aplicação dos recursos financiados pelo banco.

Em outubro, o banco suspendeu a liberação de dinheiro pra 25 projetos de empresas investigadas na Operação Lava Jato, num valor equivalente a quase US$ 5 bilhões.

###
NOTA DA REDAÇÃO DO BLOGFaltou o BNDES informar o mais importante — a garantia. No Porto de Mariel, o então presidente do banco, Luciano Coutinho, disse no Congresso que a garantia era da Odebrecht. Mentiu. A garantia é do governo de Cuba, que nada significa. Traduzindo: o BNDES precisa trocar de  nome, para Banco Internacional do Desenvolvimento Econômico sem Garantia (BIDESG). (C.N.)

2 thoughts on “Nada mudou e o BNDES volta a financiar obras de empreiteiras no exterior

  1. É difícil entender a economia de um pais. Nós por cá, estamos numa pindaíba de dar gosto, mas no entanto vamos voltar a financiar obras no exterior.
    Via BNDES, o que vai é dinheiro do tesouro, que no fundo é imposto do contribuinte nacional.
    Existe interesse estratégico do pais neste tipo de ação? E se houver, tem de explicar, porque é difícil de entender.

  2. NR perfeita.o “S” é de safadeza, enquanto isso aumenta o desemprego.
    Governo de Mer…é isso aí, com toda Lava Jato, a imoralidade é medalha de ouro, grande culpado dessa Merda toda, é infelizmente: o STF com seus Ministros, ou melhor stf com seus sinistros, cheios de verborragia, a estuprar e vilipendiar a Srª Justiça, com seus passos de cagado, e o Zé e Maria Povinho que se dane ou exploda como dizia o deputado do Chico Anísio.
    Nesse andar da carruagem, Temer, Rodrigo e Renan, podem deitar e rolar, por contarem com a prescrição, o foro e imunidades, dada pelo stf. Os sindicatos e federações do trabalhadores, onde andam? verdadeiros pelegos, que enriquecem com a diária anual, que alcança milhões, extorquida do trabalhador.
    Temer, estou a temer teu desgoverno, que protege os amigos sinistros, tendo como exemplo maior Padilha, o de bens bloqueados pela justiça de Mato Grosso, por crime contra o bem público e trabalho escravo.
    Que Deus nos ajude a ter um Brasil Decente e Justo.
    PS. nossas estradas de lama e esburacadas e falta de pontes ou pinguela, e ai Temer como fica!???

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *