Não chore por mim, Argentina, mas o adversário do Santos na final da Taça Libertadores será o Peñarol.

Carlos Newton

O time uruguaio garantiu a vaga por ter vencido o primeiro jogo da semifinal por 1 a 0, em casa. Assim, mesmo derrotado pelo Vélez Sarsfield por 2 a 1, na noite de ontem, no estádio José Amalfitani, na Argentina, o Peñarol segue em frente na Libertadores.

Com isso, o Vélez perdeu a chance de disputar sua segunda final. Na primeira vez, em 1994, o clube argentino foi campeão, numa decisão contra o São Paulo, no Morumbi.

A primeira partida da final já está marcada para 15 de junho, no Estádio Centenário, em Montevidéu. O jogo de volta será em São Paulo no dia 22. O Santos anunciou ter preferência pelo Estádio do Morumbi, mas ainda não oficializou o local do jogo.

Os dois times decidiram a Libertadores de 1962, quando o Santos de Pelé ganhou seu primeiro título e o Peñarol perdeu a chance de conquistar sua terceira taça consecutiva. Agora, o time uruguaio vai disputar sua décima decisão. Foi campeão em cinco oportunidades e vice em outras quatro. Mas a última vez que chegou a final já faz um bocado de tempo. Foi em 1987.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *