“No vou indicar um cara s pelo currculo, tem que ter afinidade”, diz Bolsonaro sobre Kassio Marques

Charge do ton (horadopovo.com.br)

Daniel Weterman
Estado

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, neste sbado, dia 10, que quer um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) afinado com ele. O chefe do Planalto escolheu o desembargador Kassio Nunes Marques para a vaga do decano Celso de Mello na Corte. A indicao ainda precisa de aval do Senado Federal.

O STF responsvel por julgar autoridades com foro privilegiado, incluindo o presidente da Repblica, se houver algum processo. Alm disso, pode cair nas mos do Supremo casos envolvendo aliados de Jair Bolsonaro. Ao justificar a escolha pelo desembargador, o que provocou reao de apoiadores, o presidente declarou que o escolhido precisaria “tomar tubana” com ele.

AFINIDADE – “Eu no vou indicar um cara s pelo currculo, vai chegar l, vai ser o dono de si…”, disse Bolsonaro em uma transmisso ao vivo pelas redes sociais ao lado de uma apoiadora em Guaruj (SP). “Ele tem que ser independente, tudo bem, mas tem que ter essa afinidade comigo. E ele tem atravs da tubana ou da Cola-Cola.”

Conforme o Estado mostrou, Bolsonaro se afastou de extremistas ligados a Olavo de Carvalho e lavajatistas para se aproximar de polticos do Centro e dos ministros do Supremo contrrios operao tocada pelo ex-juiz Srgio Moro, formando a “Repblica da Tubana”. Neste sbado, o presidente declarou que tratou pessoalmente da indicao at Celso de Mello anunciar a aposentadoria. “Ningum sabia de nada porque s eu tratei desse assunto.”

TUBANA – Na transmisso, Bolsonaro afirmou que “tomar tubana” se refere a algum que tem afinidade com ele em assuntos como aborto, famlia, armamento, poltica externa, mercado e indgenas. Assim como havia feito nas redes sociais, Bolsonaro rebateu as crticas de que Kassio Marques teria um perfil oposto ao presidente com base em decises do desembargador no Tribunal Regional Federal (TRF) da 1 Regio.

O indicado ser sabatinado pela Comisso de Constituio e Justia (CCJ) do Senado no dia 21 de outubro. O Senado precisa votar a indicao do presidente da Repblica para oficializar a ida de Kassio Marques ao Supremo. O magistrado, nesse caso, depende de no mnimo 41 votos favorveis entre os 81 senadores.

8 thoughts on ““No vou indicar um cara s pelo currculo, tem que ter afinidade”, diz Bolsonaro sobre Kassio Marques

  1. Para ser indicado, o candidato:

    Com Bolsonaro, tem que tomar Tubana.
    Com Temer, tem que encontrar no poro da garagem.
    Com Dilma, tem que simpatizar com terrorista.
    Com Lula, tem que tomar uma 51 e se filiar ao partido.
    Com FHC, tem que ser tucano e a favor da reeleio.
    Com Collor, tem que ser parente.
    Com Sarney, tem que ser um JdM.

    • Desde sempre, todo poltico depende da complacncia de cada ministro do STF e vice-versa. Aquele juiz que os parlamentares aprovarem sem restries, ser mais um que vai deixar “passar a boiada”, em prol dos senadores.
      Alis, esse um conluio de solidariedade cruzada entre os podres poderes, nos moldes de pacto de assistncia recproca agrafo e inconfesso!

  2. EXECUTIVA NACIONAL SE MANIFESTA CONTRA APROVAO DE KASSIO NUNES PARA O STF E REELEIO PARA AS PRESEDNCIAS DO SENADO E DA CMARA

    Publicado em 8 de outubro de 2020

    Para o partido, desembargador no rene as condies necessrias para o cargo e reeleio no Congresso casusmo que pode colocar democracia em risco

    A Comisso Executiva do Diretrio Nacional do Cidadania divulgou resoluo poltica nesta quinta-feira em que se manifesta contra a aprovao do nome do desembargador Kassio Nunes Marques para o Supremo Tribunal Federal na vaga aberta com a aposentadoria do decano Celso de Mello. A Executiva tambm contrria aprovao da reeleio para a presidncia das duas Casas do Congresso Nacional: Cmara dos Deputados e Senado Federal.

    Leia abaixo:

    Resoluo Poltica

    Reunida na manh desta quinta-feira (8), a Comisso Executiva do Diretrio Nacional do Cidadania fechou Resoluo Poltica a favor da Constituio Federal de 1988 e, consequentemente, contrria a duas articulaes em curso que violam princpios constitucionais: a possibilidade de reeleio para as presidncias da Cmara dos Deputados e do Senado Federal e a indicao do desembargador Kassio Nunes Marques para o Supremo Tribunal Federal (STF).

    A Carta Magna veda expressamente a reconduo dos presidentes das duas Casas do Congresso Nacional para o mesmo cargo na eleio imediamentamente subsquente, razo pela qual tal discusso s seria possvel a partir da aprovao de uma emenda constitucional. Possvel, porm, inconveniente e ofensiva aos princpios democrticos que regem a Repblica.

    A Lei e, principalmente, a Constituio no pode ser alterada em causa prpria. Os homens passam e ficam as instituies, que devem servir aos brasileiros e no a interesses momentneos por mais nobres que possam parecer. Ironia da nossa frgil estabilidade poltica que se vejam tentadas ao casusmo foras que outrora se bateram contra articulaes em favor de um terceiro mandato presidencial por enxergar ali risco de quebra da ordem democrtica.

    Abrir essa porta no Congresso Nacional respaldar a tese equivocada de que h homens mais importantes do que instituies. Tambm ofensiva Constituio seria a nomeao para o Supremo Tribunal Federal de um nome que no cumpra os requisitos mnimos exigidos pela Constituio: ter 35 e menos de 65 anos de idade, notvel saber jurdico e reputao ilibada.

    A cada dia que passa, a biografia de Kassio Nunes Marques diminui. Conforme a imprensa, e ele mesmo reconheceu em parte, no tem o ps-doutorado que disse ter, no tem a ps-graduao que alegou e supostamente plagiou o trabalho de colegas em sua dissertao de mestrado. Mesmo o ttulo de desembargador foi hoje contestado por um ministro do prprio STF.

    Sem entrar no mrito das articulaes que resultaram na indicao do presidente Jair Bolsonaro, a Executiva Nacional do Cidadania considera que o nome no rene as condies necessrias para o cargo.

    O partido alerta, por fim, para o grave risco que o aparelhamento de rgos de Justia e Controle significa para a preservao dos valores constitucionais e das funes que a Carta lhes atribui, sobretudo para a separao de Poderes.

    estranho que a nomeao para o STF seja discutida, como um pacote, como a do Tribunal de Contas da Unio, Corte auxiliar do Legislativo que s ter vaga aberta em 2021, com a aposentadoria do ministro Jos Mcio. J indicado por Bolsonaro, o ministro Jorge Oliveira no tem qualificao para a funo. Seu grande feito ter sido secretrio particular do presidente mesmo quando exercia outros cargos.

    A especulao de que ficaria no Tribunal at vagar nova posio no STF. inaceitvel que o Senado Federal seja transformado em banca de concursos para cadastro de reserva de indicados do presidente. Indicaes para os tribunais superiores e para a Corte auxiliar do Legislativo esto entre as prerrogativas do presidente da Repblica e obedecem a ritos prprios.

    O que tem sido articulado por Bolsonaro nos bastidores passa ao largo de princpios inclusive os constitucionais e, especialmente, os republicanos.

    Roberto Freire
    Presidente Nacional do Cidadania

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.