No Dia do Meste, a homenagem de Cora Coralina em forma de poema

Resultado de imagem para cora coralina frasesPaulo Peres
Site Poemas & Canções

Cora Coralina, pseudônimo de Ana Lins dos Guimarães Peixoto Bretas (1880-1985), nasceu em Goiás Velho. Mulher simples, doceira de profissão, tendo vivido longe dos grandes centros urbanos, alheia a modismos literários, produziu uma obra poética rica, conforme o belo poema “Elevar”, que publicamos hoje para homenagear o Dia do Mestre.

ELEVAR 
Cora Coralina

Professor, “sois o sal da terra e a luz do mundo”.
Sem vós tudo seria baço e a terra escura.
Professor, faze de tua cadeira,
a cátedra de um mestre.
Se souberes elevar teu magistério,
ele te elevará à magnificência.
Tu és um jovem, sê, com o tempo e competência,
um excelente mestre.

Meu jovem Professor, quem mais ensina e quem mais aprende?
O professor ou o aluno?
De quem maior responsabilidade na classe,
do professor ou do aluno?
Professor, sê um mestre. Há uma diferença sutil
entre este e aquele.
Este leciona e vai prestes a outros afazeres.
Aquele mestreia e ajuda seus discípulos.
O professor tem uma tabela a que se apega.
O mestre excede a qualquer tabela e é sempre um mestre.

Feliz é o professor que aprende ensinando.
A criatura humana pode ter qualidades e faculdades.
Podemos aperfeiçoar as duas.
A mais importante faculdade de quem ensina
é a sua ascendência sobre a classe
Ascendência é uma irradiação magnética, dominadora
que se impõe sem palavras ou gestos,
sem criar atritos, ordem e aproveitamento.

É uma força sensível que emana da personalidade
e a faz querida e respeitada, aceita.
Pode ser consciente, pode ser desenvolvida na escola,
no lar, no trabalho e na sociedade.
Um poder condutor sobre o auditório, filhos, dependentes, alunos.
É tranquila e atuante. É um alto comando obscuro
e sempre presente. É a marca dos líderes.

A estrada da vida é uma reta marcada de encruzilhadas.
Caminhos certos e errados, encontros e desencontros
do começo ao fim.
Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.
O melhor professor nem sempre é o de mais saber,
é sim aquele que, modesto, tem a faculdade de transferir
e manter o respeito e a disciplina da classe.

7 thoughts on “No Dia do Meste, a homenagem de Cora Coralina em forma de poema

  1. Sei que temos muitos professores neste blog. Cada artigo, cada comentário é um ensinamento. Parabéns a todos os professores desta incriivel TI

    “Ser professor é muito mais do que exercer uma profissão, é uma vocação, uma missão, um dos mais importantes ofícios dos quais depende o futuro de uma nação! ”
    Abraço cada um pelo seu dia! Congratulações e minhas homenagens a todos vocês que todos os dias nos ensinam

  2. Quem não se apaixonou por uma professor(a) na vida?

    Professora
    Silvio Caldas

    Eu a vejo todo dia
    Quando o sol mal principia
    A cidade a iluminar

    Eu venho da boemia
    E ela vai, quanta ironia
    Para a escola trabalhar

    Louco de amor no seu rastro
    Vaga-lume atrás de um astro
    Atrás dela eu tomo o trem

    E no trem das professoras
    Em que outras vão, sedutoras
    Eu não vejo mais ninguém

    Essa operária divina
    Que lá no subúrbio ensina
    As criancinhas a ler

    Naturalmente condena
    Na sua vida serena
    O meu modo de viver

    Condena porque não sabe
    Que toda culpa lhe cabe
    De eu viver ao Deus dará

    Menino querendo ser
    Para com ela aprender
    Novamente o be-a-bá

  3. https://youtu.be/r8wSJjvwuq8

    Normalista – David Nasser / Herivelton Martins
    Nelson Gonçalves — intérprete

    Vestida de azul e branco
    Trazendo um sorriso franco
    No rostinho encantador
    Minha linda normalista
    Rapidamente conquista
    Meu coração sem amor

    Eu que trazia fechado
    Dentro do peito guardado
    Meu coração sofredor
    Estou bastante inclinado
    A entregá-lo ao cuidado
    Daquele brotinho em flor

    Mas, a normalista linda
    Não pode casar ainda
    Só depois que se formar
    Eu estou apaixonado
    O pai da moça é zangado
    E o remédio é esperar

    Não podiam entrar na Escola Normal do Rio de Janeiro as moças casadas.

  4. 1) Licença… essa notícia é em homenagem aos gaúchos que escrevem e comentam na T.I.

    2) Em 15 de outubro de 1878 nascia em São Gabriel, RS, o escritor Alcides Maia, um dos melhores autores do regionalismo gaúcho.

    3) Feliz Dia dos Professores para todos (as). Todos temos algo a ensinar, todos temos algo a aprender. Carmem Lins está certa.

  5. Um ponto de discórdia: o ponto de partida na vida é extremamente importante para o sucesso da caminhada. Há caminhos de pedras, áridos e difíceis; há outros até com scooters elétricos para facilitar a chegada ao destino. Pontos de partida há que nos levam á Faculdade de Piedade, outros a Stanford, Princeton, Harvard…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *