No “Eupoema”, Décio Pignatari conseguiu definir sua personalidade multifacetada

Morte de Décio Pignatari deixa vazio nas artes e na academia ...

Décio Pignatari era a criatividade em pessoa e sabia como usá-la

Paulo Peres
Poemas & Canções

O publicitário, ator, professor, tradutor, ensaísta e poeta paulista Décio Pignatari (1927-2012),um dos maiores agitadores culturais do Brasil contemporâneo, autodefiniu-se intelectual e pessoalmente ao escrever o “Eupoema”.

EUPOEMA
Décio Pignatari

O lugar onde eu nasci nasceu-me
num interstício de marfim,
entre a clareza do início
e a celeuma do fim.

Eu jamais soube ler: meu olhar de errata
a penas deslinda as feias
fauces dos grifos e se refrata:
onde se lê leia-se.

Eu não sou quem escreve,
mas sim o que escrevo:
Algures Alguém,
são ecos do enlevo. 

5 thoughts on “No “Eupoema”, Décio Pignatari conseguiu definir sua personalidade multifacetada

  1. Meu jeito pragmático de ser
    ————————————–

    Ao nascer de um novo dia,
    Sopre fraco ou forte o vento,
    Saúdo a vida com alegria,
    Pois estar vivo é um alento.

    Deixo sempre para trás o passado,
    E nunca antecipo o incerto amanhã;
    Do pouco que tenho, nada me foi dado,
    E não luto por coisas que são fúteis e vãs.

    Não faço preces para pedir benesses,
    Mas faço amigos a toda parte que vou;
    Levo a vida feliz, como se tudo tivesse,
    E, àquele que pede, não meço o que dou.

    E assim vou vivendo, é assim que eu sou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *