“Nunca me viram incitando quebra-quebra”, rebate Lula após Guedes acusá-lo de incentivar confusão

Lula diz que Guedes tem medo das manifestações populares

Gregory Prudenciano
Estadão

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva respondeu ao ministro da Economia, Paulo Guedes, que o acusou de incentivar “confusão” e de chamar “todo mundo para quebrar a rua” em protestos contra o governo Jair Bolsonaro.

“Eu participo da política desde 1975 e vocês nunca me viram incitando quebra-quebra”, se afirmou Lula, para quem “o povo tem direito de se manifestar”. As falas de Lula foram feitas em uma entrevista ao site Brasil247, transmitida no YouTube. Algumas frases ditas pelo ex-presidente também foram publicadas em sua conta no Twitter.

“MEDO EXAGERADO” – O petista também vê nas declarações de Paulo Guedes um medo exagerado de manifestações populares. “Essa gente, se vir o povo na rua fazendo procissão carregando vela, vai dizer que a Igreja Católica está querendo botar fogo no País”, disse Lula. Na segunda-feira, em entrevista coletiva dada em Washington, o ministro da Economia disse que é “uma insanidade” que o ex-presidente Lula peça a presença do povo em manifestações nas ruas.

“Quando o outro lado ganha, com dez meses você já chama todo mundo pra quebrar a rua? Que responsabilidade é essa? Não se assustem então se alguém pedir o AI-5”, afirmou o ministro A fala de Guedes gerou reação entre os Poderes, em especial, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffolli, que se pronunciaram no dia mesmo.

“SEM CREDIBILIDADE” – Pelo Twitter, Lula disse ainda que o governo Bolsonaro faz com que investidores estrangeiros desistam de colocar dinheiro no País. “Existem duas palavras para ter uma economia sólida: credibilidade e previsibilidade. Esse governo não tem nenhuma das duas. Que investidor estrangeiro vai querer investir no Brasil hoje?”

22 thoughts on ““Nunca me viram incitando quebra-quebra”, rebate Lula após Guedes acusá-lo de incentivar confusão

  1. Já no primeiro falatório, após ser solto, recomendou aos do MST que “queimem seus pneus” e otras cositas. Quem se esquece de quando ele avisou que Stédile poria seu exército nas ruas, para defender a fronteiriça, à beira de ser impichada? Isso é bandido de grosso calibre. Perigosíssimo, Não deveria estar nas ruas.

    • O ALTISSIMO SEJA LOUVADO SEMPRE …

      Mas vcs ..deram seus votos , a outros bandidos, que agora estão brigando entre si por causa de fundo partidário… O seu “presidente” eleito com seu voto , é outro que tem patrimonio feito com falcatruas , filhos manipulando verbas , partidários e filhos envolvidos com laranjas …milicianos …etc..etc…
      Com quais dons “morais” vcs que votaram no Tal de mito ..tem para jogar pedras na era PT…?
      “porcos falando de porcos…Tudo igual , o duro é aceitar…”

      YA SEJA LOUVADO SEMPRE ..

      Salmo 103 a todos

  2. Quer dizer, o * é explícito contra o BR:

    “Existem duas palavras para ter uma economia sólida: credibilidade e previsibilidade. Esse governo não tem nenhuma das duas. Que investidor estrangeiro vai querer investir no Brasil hoje?”

  3. 23:59 – Povo brasileiro após a soltura do Lula:

    …… ……. (Silêncio tumular…) ….. …..

    ———————————–

    00:00 – Povo brasileiro depois dos títulos do Flamengo na Libertadores e no Brasileiro: “Aêêêêêê!!!! Uhuuuuuuu!!!!!!!!! Mengooooooo! É campeãããããããooooo!!!!!!!!!!!!!!” (Gritaria e zurros infernais)

  4. Não só ele mais diversos petistas falaram que deveria ser feito aqui o que esta ocorrendo no Chile. Basta lembrar o que disse o senador UmCerto Bosta:

    Bolsonaro “está com os dias contados”. “É questão de tempo. A hora do Brasil vai chegar. Anotem aí”,

  5. Lula é um mitômano, portador de alguma patologia ligada ao seus delírios e permanentemente negar o que disse anteriormente.

    O primeiro discurso do mentiroso contumaz foi exatamente de oposição radical ao atual governo, e incentivando seus seguidores à batalha, à luta.

    Se tais palavras pronunciadas por Lula e seus seguidores não são provocativas, então Lampião exercia a função de relações públicas!

    Repito o que eu já dissera anteriormente:
    A intenção do PT é de virar o país de cabeça para baixo.
    Chegar ao limite de Bolsonaro para que este venha a tomar uma medida radical -então confirmará o que dele a oposição divulga – ou, lá pelas tantas, as FFAA pedem a sua renúncia, substituindo-o Mourão.

    Ambas as circunstâncias poderiam gerar uma insatisfação popular, que beneficiaria o PT e demais partidos em organizar grupos favoráveis às badernas e uso da massa descontente.

    Diante da impossibilidade de as FFAA impedirem que haja uma revolta no Brasil, os sectários e adeptos do lulopetismo teriam uma chance de conquistar o Planalto, mesmo que fosse na marra, mas buscaram de volta o poder.

    Lula e a sua quadrilha, incluindo seus aliados políticos e ideológicos, ainda não perceberam que o povo não quer saber de encrenca, que se encontra na mesma posição de 64, onde se omitiu de acompanhar a luta pelas ditadura do proletariado, e criar uma guerra civil de proporções inimagináveis!

    O brasileiro não tem esse sangue nos olhos, a menos que seja entre torcidas de futebol.

  6. Mentiroso e apoiado por jornalistas mentirosos que vivem acusando os outros de fake news.
    Está gravado, documentado, mas ele nega. Quem também negar isso precisa ser internado junto com lulelé.

  7. “Errar, errar de novo, errar pior parece ter sido a diretriz estratégica do governo Dilma”

    Portanto, a responsabilidade pode ser quase que integralmente atribuída ao déficit de governança, ou seja, à própria inépcia do governo Dilma, conclui Gonçalves.
    O especialista pondera, no entanto, que parte dos problemas internos que afetaram a economia brasileira nos últimos anos foram herdados desde o governo de Fernando Henrique Cardoso (PSDB, 1995-2002) e aprofundados nos dois mandatos de Luiz Inácio Lula da Silva (PT, 2003-2010).
    Entre os fatores listados no estudo estão as “falhas de modelo” econômico, que resultaram em um processo de desindustrialização e no atraso da inovação no País, por exemplo.
    Gonçalves cita também a consolidação e o avanço de falhas de mercado, por meio da dominação financeira, do abuso do poder econômico e da concentração do capital.

    Reinaldo Gonçalves, Professor do Instituto de Economia da UFRJ

    Mais uma prova dentre centenas da incompetência esquerdista!

    https://www.infomoney.com.br/mercados/noticia/6304349/dilma-teve-pior-pib-127-anos-responsavel-por-culpa-diz

  8. O recém saído da cadeia parece não estar acreditando ainda que está livre, fala como se o mundo fosse acabar amanhã. E ele não pudesse mais se candidatar. Depois de mais uma condenação deve estar pensando aonde o pessoal da PF vai trancafiá-lo pois segundo a própria PF gastaram muito com o 51. Agora a conta deve ser paga pelo Ratinho.

  9. Caro Bendl;
    ” Com um tiro eu acabo com a inflação.; é vencer ou vencer”
    Collor
    Deu tudo errado e o sem vergonha, ao invés de pedir demissão, teve que ser demitido por justa causa.

  10. Marins,

    Percebo que a TI limitou os comentários que abordam a administração Collor quando tivemos a infelicidade de tê-lo como presidente.

    Em um texto sem qualquer ofensa, o Mediador o deletou, então apenas digo que concordo com o que escreveste.
    O “caçador de marajás” com um único tiro liquidou com o país, e nos colocou na maior hiperinflação que temos registrada!

    Abração.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *