O capitalismo e a decadência dos Estados Unidos

Almério Nunes

Helio Fernandes escreveu, certa vez, que todos os “ismos” redundaram em fracassos, menos um: o capitalismo. Este, como frisou o grande Jornalista, depende do jogo do dinheiro, da jogatina aberta e criminosa, do lucro a qualquer custo, e por isto não morrerá jamais.

Em 2008, por causa desta jogatina criminosa, os Estados Unidos produziram mais de 100 milhões de excluídos em todo o mundo, na “famosa” crise do mercado subprime. Para eles – norte-americanos – que jogam bombas atômicas em populações civis, que fazem uso de armas proibidas nos Tratados Internacionais, que invadem países como o Iraque sob uma suspeita que depois se confirmou infundada até mesmo por eles mesmos…, para eles, o que importa é lucrar e lucrar.

Em que época dos Estados Unidos existiu o “capitalismo”? No início do século XX, as maiores indústrias ianques como Schwab (aço) Eastman (foto), Ford (carros), Rockefeller (petróleo) e Good Year (pneus) enriqueceram seus donos com o dinheiro do Estado (portanto do trabalhador)! Onde estava a “livre iniciativa”?

Tenho filmes mostrando Theodore Roosevelt dizendo que o dinheiro para estes “industriais” veio do governo. Isso é capitalismo? O presidente Ronald Reagan disse: “Greed is good” (ganância é bom), mas durante sua gestão a dívida dos Estados Unidos foi renegociada 18 vezes! Dos anos 70 para cá, isso já aconteceu 78 vezes, ou seja, o mundo financia os Estados Unidos, para que eles possam ostentar o tão hediondo “american way of life”.

###
EIKE BATISTA E O BNDES

Outro dia, li nos jornais que o Sr Eike Batista tomou R$ 176 milhões do BNDES para remodelar o hotel Glória. Mas, ele não é riquíssimo? Por que temos que aceitar os novos Rockefeller, Ford, Eastman e Schwab, que não entram com nada e ficam com tudo? Por que o Sr. Eike não meteu a mão no seu próprio bolso? Vale lembrar que o BNDES quer dizer Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, e parte substancial vem do FAT – Fundo de Amparo do Trabalhador. Como é o nome disso, senhoras e senhores?

Lá no hotel remodelado com o dinheiro do povo… o povo só poderá entrar como copeiro, faxineiro, limpador, garçon etc. Houve um presidente norte-americano chamado John Coolidge que dizia: “Nosso negócio é fazer negócio”. Os presidentes deles que discordaram disso, de alguma forma, foram assassinados.

Bem, prossigamos. Eles, capitalistas, criam crises, desempregos, falências, arrebentam com as famílias, invadem países, jogam bombas atômicas em civis, mas ficam ricos, milionários! Palmas para eles, capitalistas! Até hoje conseguem praticar crimes contra a humanidade, financiam abertamente bandidos como Pinochet e Mubarak (a Hillary Clinton dizia: o Hosny é um cara muito bom, frequenta a nossa casa…), para citar apenas estes dois.

Mas as coisas já não estão tão fáceis para os ianques, Nos anos 60, eles detinham 80% do comércio mundial: hoje, menos de 20%. E por que não mencionar aqui o Monstro George W Bush? Um açougueiro, um assassino de massas, que fraudou uma eleição vergonhosamente! Será que dão vivas a Bush? Não duvido.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *