O dólar sobe, a Bovespa desce, ou vice-versa como nos ônibus

Helio Fernandes

Conforme tenho revelado com total exclusividade, o que acontece é o que está no título. A exclusividade que estou citando, é baseada em fontes, mas outros jornalistas e jornalões, também têm ou sabem.

Só que não são “adeptos” da informação para a coletividade, e sim da informação para a negociata. Há muitos anos, (e não só no Brasil) políticos são advertidos ou aconselhados: “É preciso tomar cuidado com jornalistas. O grande erro é oferecer DINHEIRO a quem só quer NOTÍCIA, ou dar NOTÍCIA a quem só quer DINHEIRO”. Isso é habitual ou rotineiro na Bolsa. Da Filial ou da Matriz.

No dólar e Bovespa é assim, tudo falsificado, fraudado, envergonhado. O governo COMPRA dólar, favorece negocistas, que MANDAM os dólares daqui para a Matriz, ganham nos dois.

Na semana passada, a Bovespa subiu muito. Na segunda-feira, dia 20, estava em 63 mil pontos. Ontem fechou em quase 70 mil. Que maravilha viver.

Os compradores e lucradores, são sempre os mesmos, não perdem nunca. Ressalte-se, registre-se, ressalve-se: não passa nunca de 70 mil. (Quando explodiu a “crise”, a Bolsa estava em 74 mil, veio para a “casa” dos 30 mil).

O dólar (os jornalões não explicam porque não querem), nos últimos dez pregões, duas semanas (não há jogatina aos sábados e domingos), ficou entre 1,72 e 1,70. Pra cima e pra baixo.

O Banco Central não deixou de COMPRAR um dia que fosse, várias vezes. Meirelles é tão genial, que modificou (sem falar com Lula) a Lei da OFERTA E DA PROCURA. Comprando, a moeda tem que SUBIR, mas cai incessantemente.

***

PS – Por uma razão: os mercados (não de Veneza) vendem para o governo, que manda para o exterior, recebendo juros de 2 por cento.

PS2 – Esses negocistas da moeda, DEVOLVEM os dólares para cá, VENDEM e o governo COMPRA. Isso não para, o que fazer? Enriquecer os globalizantes, como fez FHC.

PS3 – Inacreditáveis os prejuízos para o País. Do dia 3 de setembro (sexta-feira) até o dia 24 (a última sexta-feira do mês, hoje é 30, fim do mês) o Banco Central COMPROU 12 BILHÕES DE DÓLARES. O dólar não subiu uma vez sequer.

PS4 – E o BC continua COMPRANDO, ininterruptamente, como Chavez queria que fosse o seu governo. Nesses 15 dias, (5 pregões por semana), o prejuízo foi colossal. O Banco Central (leia-se: Meirelles) vem correndo atrás do dólar, desde que estava em 3,20. Chegou a 1,70. COMPRAM para ACUMULAR RESERVAS decadentes. Quem desmente? Vá lá, DECRESCENTES.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *