O Evangelho de Acio Neves, segundo Santayana

Pedro do Coutto

Na sua coluna no Jornal do Brasil, na qual brilha por sua cultura nos planos da poltica e da literatura, Mauro Santayana, edio de 21 de maio, praticamente falou por Acio Neves e, de forma indireta, como se fosse o prprio, explicou ponto por ponto porque o ex-governador no aceita concorrer s eleies presidenciais deste ano como vice de Jos Serra. s ler o texto com ateno e considerar que Santayana, pleno das tradies mineiras, foi assessor especial do presidente Itamar Franco, com quem mantm laos de antiga amizade. Entre os laos incluem-se os que se estendem a Acio Neves.

O artigo, pode-se dizer, uma espcie de evangelho poltico do neto de Tancredo Neves. Atravs dele responde no s presses e pretenses de setores do PSDB que desejam t-lo na chapa de Serra como fator de fortalecimento da candidatura deste. No mesmo dia em que saiu o artigo de Santayana, por coincidncia, foi publicada reportagem de Eduardo Katah, no Estado de So Paulo, destacando a tentativa de fazer com que Acio aceite a misso, matria na qual incluiu declaraes nesse sentido do deputado Lafaiete de Andrada. Lafaiete de Andrada falava em nome de uma corrente mineira do PSDB.

Mas Santayana colocou na sua coluna o ttulo Ociosa insistncia, considerando-a desnecessria e sem sentido. E ressaltou que, sem idias polticas slidas, as ambies pessoais desabam. Esta frase enigmtica? Nem tanto. Pois afirmou, em seguida, que, se Acio indispensvel, por qu o PSDB rejeitou a realizao de prvias e no o escolheu como candidato a presidente? Alm disso prosseguiu a candidatura de Serra no se beneficiaria se Neves fosse candidato a vice. Sua presena em Minas, isso sim, indispensvel. O articulista voltou-se para as tradies polticas mineiras. Lembrando Afonso Pena, Venceslau Braz, Artur Bernardes, Juscelino Kubitschek e Tancredo Neves, antes de chegarem presidncia foram governadores de Minas.

Deixou claro assim que Acio Neves, elegendo-se senador agora, poder chegar ao Planalto em futuro prximo. A vice, em 2010 est fora de cogitaes. Entre os mineiros que chegaram a presidente, Mauro Santayana poderia incluir tambm Delfim Moreira. Mas esta outra questo.

O fato que a situao em Minas est indefinida. Hlio Costa na frente. Com 45 pontos, segundo o Vox Populi, seguido do ex-prefeito de Belo Horizonte, Fernando Pimentel, vindo longe, em terceiro Antnio Anastasia, vice de Acio e atual governador do Estado. O PT dever concorrer com Pimentel, candidatura prpria, deixando para l uma coligao com Hlio Costa, do PMDB. Acio ter que ficar em Minas para poder lutar mais intensamente por Anastasia. O candidato difcil. A campanha tambm ser. Disputar como vice fica fora de propsito.

O Ir e o Brasil

Um outro assunto. Na edio de sexta-feira, o correspondente de O Estado de So Paulo em Nova York, Gustavo Chacra, revelou que o governo ditatorial do Ir ameaa romper com o Brasil e a Turquia se o Conselho de Segurana da ONU aprovar sanes contra o pas no sentido de lev-lo a desistir do enriquecimento de urnio para finas blicos. Um absurdo, uma deciso injusta. Que podem fazer o presidente Lula e o primeiro-ministro Tayp Erdogan? Nada. Eles foram signatrios de um acordo para reduzir as tenses atuais. Se no tiveram xito na ONU, podem ser culpados de qu? A ameaa de Teer no faz o menor sentido.

This entry was posted in Sem categoria. Bookmark the permalink.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.