O Führer de Garanhuns e suas teorias conspiratórias

Lula agora se dedica a fomentar o ódio social e racial

Percival Puggina

O que efetivamente mobilizou o nazismo contra os judeus não foram as destrambelhadas especulações biológicas que apenas favoreceram o trabalho sujo dos que executaram as políticas de extermínio. A causa principal foi o mito da “conspiração judaica”, difundindo a ideia do poder econômico do povo judeu e a ele atribuindo a culpa pelos males nacionais.

Ao longo da história, mobilizações nacionalistas sempre procuraram identificar um inimigo interno ou externo, direcionando-lhe as animosidades. No nazismo, a exemplo do comunismo, foi acionado este fermento revolucionário que excita os piores sentimentos: a falácia de que o outro, como indivíduo, raça ou classe seja, objetivamente, causador da pobreza do pobre.

Observe, então, o que vem sendo proclamado sobre a “elite branca de olhos azuis” pelas personagens mais aguerridas do petismo (do topo lulista à base militante). Lula e os seus não cansam de repetir que essa elite não gosta de pobre, é contra sua prosperidade e se enoja com a presença de gente humilde nos aeroportos e nas universidades. Por quê? Ninguém esclarece. O importante é repeti-lo à exaustão. E o PT é perito em papaguear bobagens – tantas vezes quantas sejam necessárias – para assemelhar à verdade algo que não tem o menor fundamento.

PROGRESSO MATERIAL

Além de tornar a nação respeitável ao proporcionar a dignidade de todos os cidadãos, o progresso material das classes mais humildes é desejável por todos os segmentos sociais, inclusive por aqueles contra os quais o PT pretende instigar a malquerença dos pobres. Entre os muitos benefícios humanísticos e ganhos de ordem ética, a ascensão social dos mais carentes significa, para todos, maior segurança e maior dinamismo na vida econômica e social. É para todo mundo. É assim que a civilização avança. No fundo, até o Lula sabe disso.

No entanto, o Führer de Garanhuns e seus propagandistas goebbelianos precisam do ódio como fator de luta (segundo ensinou Che Guevara). E nada melhor do que aprender com Hitler o modo de suscitar ódio contra quem tem mais. Basta proclamar aos pobres que essas pessoas, brancas de olhos azuis, são a causa de sua pobreza, que estes iníquos não toleram conviver com eles e que, por soturnos motivos, querem preservá-los na miséria. Difundir tais teses após as experiências do nazismo deveria ser capitulado como crime. Numa hipótese mais branda, ser tratado como sociopatia.

Tão perigoso quando o que estou descrevendo é não se importar com isso e considerar que se trata apenas de uma estratégia, sem efetivas consequências sociais e políticas. Era exatamente o que pensava a maioria dos alemães até bem perto do final da guerra.

16 thoughts on “O Führer de Garanhuns e suas teorias conspiratórias

  1. Os petistas já passaram do limite. É pena que o povo brasileiro, ao invés de ir à forra na rua, prefere o conforto e a segurança dos sofás, as mesas de bares ou dos restaurantes. Já passou da hora de a gente escorraçar essa cambada. Jogá-la na toca de onde veio.

  2. Este ébrio nunca chegaria nem aos pés de Hitler. Ele está mais para o Macunaíma de Garanhuns o herói sem caráter de Mario de Andrade.

      • Muito bem lembrado, Esmeraldo. Os outros países, e os próprios políticos alemães, não levaram a sério o Hitler quando ele apareceu. E deu no que deu. Porque ele soube jogar com as emoções de um povo, supostamente racional, que estava num período de baixa autoestima e crise econômica (aliás, isto não te lembra nada?).
        Também Mussolini era ridículo…
        As gerações mais novas não têm consciência do que foram realmente o nazismo e o fascismo, ficam rotulando a direita conservadora de fascista sem saberem do que estão falando.
        Seria bom que em vez disso levassem a sério o “führer de Garanhuns”. Ou, para traduzir o termo alemão, “o lider de Garanhuns”. É preciso ter cuidado ao usar a palavra “líder”…

  3. Pois eu digo, um grande ator. Assim que se reeleger se torna Lulinha Paz e Amor. É preciso estudá-lo sem paixões. Por exemplo, vejo Dilma apática e ele atuante, a meu ver uma tática para 2018. Vejam que nos 8 anos de mandato ele se tornou bem comportado, conservador… é só teatro pessoal … e vcs ainda caem no conto do sindicalista ?

    • Se ele se reeleger, não vai encontrar um país arrumadinho, como da outra vez. Não vai poder simplesmente mudar nomes de programas sociais. Vai ter que arrumar a casa e mostrar eficiência. Tá morto!

  4. O lula, sabe que a maioria da população brasileira é alienada,
    imbecil e desinformada, é para essa maioria que o Lula faz o discurso,
    distorce a verdade, é um vendedor de ilusão.

  5. Percival Puggina comete um erro grave em colocar Nazismo e Comunismo no mesmo saco. Uma injustiça e uma injúria contra os comunistas. Não defendo nem o Nazismo nem o Comunismo, mas daí a distorcer a história e mentir para os leitores vai uma grande e injustificável distância. Leiam o artigo abaixo, de Mauro Santayana, que coloca as coisas em seu devido lugar:

    Nos últimos tempos fez fama na internet a imagem de uma suástica no fundo de uma piscina, no quintal de uma casa de Pomerode.

    Seu proprietário foi identificado, posteriormente, como o professor Wandercy Pugliese, que dá aulas em “cursinhos” na região, e já teve vasta coleção de objetos de inspiração nazista apreendidos pela polícia em sua casa, na década de 1990.

    Agora, surge a informação de que um Comandante do Batalhão de Choque da Polícia Militar do Rio de Janeiro, foi exonerado de seu cargo pelo Secretário de Segurança José Beltrame, por trocar mensagens de cunho nazista com outros oficiais e subordinados pelo What’ s Up e defender, jocosamente, o assassinato de manifestantes.

    Resgatando o Sigma, símbolo do Integralismo, existe uma página, no Facebook, do “Partido Nacional-Socialista dos Trabalhadores Brasileiros”, tradução literal do “Nationalsozialistische Deutsche Arbeiterpartei,” o Partido Nazista alemão de Adolf Hitler.

    O mesmo Sigma pode ser encontrado em sites integralistas, como o do Movimento Integralista e Linearista Brasileiro, ou da SENE – Sociedade de Estudos do Nacionalismo Espiritualista, e no peito do Galo Tupã, “mascote” da doutrina, pisando o verme “comunista-liberal” que ameaça o Brasil.

    Filhote do fascismo, e semelhante ao nazismo, a Ação Integralista Brasileira, chefiada por Plínio Salgado, a exemplo das doutrinas que a inspiraram, não se dizia, malandramente, nem como de “direita”, nem de “esquerda”.

    Com “Deus, Pátria, Família”, como slogan, ela chegou a contar com dezenas de milhares de simpatizantes no Brasil, até uma frustrada tentativa de golpe contra Getúlio Vargas, em 10 de maio de 1938, quando foi proibida e colocada na clandestinidade.

    Hoje, os integralistas tentam reviver, a partir da internet, por meio da FIB – Frente Integralista Brasileira, que organiza congressos e palestras, e também de outros grupos, sites e fóruns como os que já citamos antes.

    O nazismo tupiniquim, tão ridículo quanto absurdo, quando defendido e praticado em uma das nações mais miscigenadas e universais do mundo, está presente também nos bandos de skinheads que agridem verbal e fisicamente, judeus, nordestinos, negros e homossexuais, principalmente em São Paulo e na Região Sul do país.

    Em tempos de ressurreição do discurso anticomunista, que insiste em colocar comunismo e nazismo no mesmo saco, embora o primeiro nunca tenha construído câmaras de gás e fornos crematórios, ou perseguido alguém por critérios raciais, e tenha combatido e derrotado implacavelmente o segundo, da memorável Batalha de Stalingrado, até o suicídio de Hitler em seu bunker, para não ser capturado e julgado pelos soviéticos, em 1945, nunca é demais lembrar que o nazismo deve ser combatido sempre que apontar a cabeça para fora do esgoto da História.

    Mesmo quando apenas simbólicos, os ovos da serpente devem ser esmagados ainda no ninho, para que não possam germinar nem eclodir.

  6. O notório 9 DEDOS DE GARANHUNS está se aprofundando cada vez mais num caminho sem volta:

    OU PREVALECERÁ ELE IMPONDO O SEU PROJETO DE ÓDIO OU O QUE É MAIS PROVÁVEL É ESSE MESMO ÓDIO QUE O INSPIRA SE VOLTAR CONTRA ELE E SEU PARTIDO PETRALHA!

    DEUS QUEIRA QUE PREVALEÇA A SEGUNDA HIPÓTESE PORQUE SE O LULA CONSEGUIR IMPOR ESSA AGENDA DE ÓDIO E RESSENTIMENTO TEREMOS UM BANHO DE SANGUE NO PAÍS, IGUAL O QUE JÁ ACONTECE NA POBRE VENEZUELA!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *