O quadro político é desesperador, o presidente entrou em fase terminal e o governo respira por aparelhos

Charge do Beto (Humor Político)

Vicente Limongi Netto

Negacionistas e bolsonaristas, membros da confraria das rachadinhas, lamentam informar que, em razão dos números do  Datafolha, o presidente Bolsonaro encontra-se entubado na unidade intensiva do gabinete dos horrores e o governo está respirando por aparelhos.

O quadro político do paciente é desesperador. Os médicos tentaram de tudo: doses fortes de cloroquina, coquetéis com leite condensado e balas e pirulitos com chicletes.  Familiares do chefe da nação e generais adoradores das boquinhas palacianas agora voltam suas preces e últimas esperanças nos milionários  remédios dos  insaciáveis cientistas de goelas profundas do Centrão. Que costumam salvar a pele do paciente, mas deixando-o sem coordenação motora o resto do mandato.

A FORÇA DA SOLIDARIEDADE – O amor vence a aflição, enfrenta a desesperança. O afago é parceiro do apreço e da boa energia. A fé abraça corações. O texto de Ana Dubeux engrandece os bons espíritos (Correio Braziliense – 11/7), valorizando a luta permanente das mulheres. Estimula o poder feminino. Deplora o rancor e a covardia machista. A jornalista deseja que as mulheres não se abatam diante dos rancores e canalhices de ordinários travestidos de homens imaculados. Diz Ana:

“Não se demore: neste domingo ligue para uma amiga, ouça sua voz, levante seu ânimo, ofereça seu colo. Tenho certeza de que receberá de volta amor, atenção e gratidão por toda a vida. E isso não tem preço”.

VENCEDOR E VENCIDO – Alvissareiro saber que um vencedor como Marco Aurélio Mello aposentou a toga, sem abdicar, porém, da palavra esclarecida, firme e contundente, em defesa da democracia e das liberdades individuais (O Globo- 11/7). Vai continuar praticando o saudável esporte do diálogo, da palavra vigilante e, sobretudo, apoiando o contraditório. Marco Aurélio Mello jamais foi homem de se omitir diante das injustiças.

Por fim, um papel melancólico do Brasil, mais um, na Copa América. Nosso elenco é limitado. Não evolui. O técnico é um vencido, ruim e presunçoso. Creio, reitero, que o hexa está cada dia mais longe para a seleção brasileira. A seleção já começa melancólica na apresentação do belo hino nacional. Ninguém canta. Fingem que cantam. Enquanto seleções adversárias cantam o hino da pátria emocionados e abraçados. Triste constatação.

11 thoughts on “O quadro político é desesperador, o presidente entrou em fase terminal e o governo respira por aparelhos

  1. 1) Bom artigo, comecei bem a terça-feira, que é sempre dedicada ao meu amigão… o Santo Antonio !

    2) Em tempos idos, toda terça, eu almoçava no Mosteiro de Santo Antonio, Largo da Carioca, RJ.

    3) Senhoras e aposentados leigos da associação mantenedora preparavam o abençoado momento.

  2. Engraçado, os jornalistas, tão interessados em rachadinhas, estão num silêncio sepulcral sobre as peripécias do senador Randolfe Rachadona Rodrigues.

    Aquele senador Alessandro, comunista metido a imaculado, falou numa “CPI das rachadinhas” e, no segundo seguinte, “esqueceu” o assunto.

    • Alessandro Vieira defende abertura de “CPI da rachadinha” no Senado

      O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) teria participado ativamente de esquema de peculato durante mandatos como deputado federal

      Siga o iG no Google News
      Por iG Último Segundo | 05/07/2021 15:40 –

      Atualizada às 05/07/2021 15:47
      Senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE)

      O Antagonista

      Senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE)

      O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) disse nesta segunda-feira (5) à coluna da jornalista Juliana Dal Piva , do UOL , que vai propor a abertura de uma CPI da rachadinha no Senado.

      A demanda surge após uma reportagem da UOL que mostra gravações de Andrea Siqueira Valle, ex-cunhada de Jair Bolsonaro (sem partido), apontando o envolvimento de Jair Bolsonaro (sem partido) em esquema de devolução de salários de assessores na época em que era deputado federal.

      “Os fatos são gravíssimos e exigem apuração. O Senado tem legitimidade e estatura para fazer essa investigação, mesmo em um momento tão difícil da nossa história”, disse o senador.

      Relator da CPI da Covid, Renan Calheiros (MDB-AL) também defendeu investigar o caso. O senador disse que vai solicitar a convocação de Andrea Siqueira Valle, ex-cunhada de Jair, para que ela preste um depoimento à CPI da Covid.

      Em uma das gravações obtidas pelo UOL, Andrea Siqueira diz que seu irmão foi demitido por Bolsonaro por se recusar a devolver a quantidade solicitada de seu salário como assessor.

      “O André deu muito problema porque ele nunca devolveu o dinheiro certo que tinha que ser devolvido, entendeu? Tinha que devolver R$ 6.000, ele devolvia R$ 2.000, R$ 3.000. Foi um tempão assim até que o Jair pegou e falou: ‘Chega. Pode tirar ele porque ele nunca me devolve o dinheiro certo.'”

      Leia também

      “Bolsonaro blefa ao dizer que tem apoio das Forças Armadas”, diz ex-ministro
      Lula tem 41,3% das intenções para 2022 contra 26,6% de Bolsonaro, diz pesquisa
      Omar Aziz diz acreditar nas acusações de Luis Miranda contra Bolsonaro

      O coronel da reserva Guilherme Hudson, ex-colega de Jair Bolsonaro na Aman (Academia Militar das Agulhas Negras), também teria participação no esquema, segundo os áudios da reportagem.
      O militar é tio de Ana Cristina Valle, segunda esposa de Jair Bolsonaro, e de Andrea – que repassa as informações em gravação. “O tio Hudson também já tirou o corpo fora, porque quem pegava a bolada era ele. Quem me levava e buscava no banco era ele”.

      Alessandro Vieira

      https://ultimosegundo.ig.com.br/politica/2021-07-05/alessandro-vieira-cpi-da-rachadinha-bolsonaro.html

    • Só para lembrar que as rachadinhas não são apenas um “recurso” da Famiglia Bolsossauro para ficar milionário com dinheiro público
      Até os Comunopatas também adoram Mamar nas Tetas Públicas,.

      Até tu, PSOL?
      Denúncias de desvio de dinheiro e fraudes cometidas pela presidente do PSOL no Rio igualam o partido às demais legendas flagradas em atos ilícitos

      https://istoe.com.br/323068_ATE+TU+PSOL+/

    • Bem, vamos comentar sobre o teor do artigo do articulista Vicente Limongi Neto, que nada escreveu sobre CPI nem sobre o vice Mourão.
      Sentirei saudades do ministro Marco Aurélio Mello. Suas decisões, mesmo vencido, as vezes o único voto contrário, eram juridicamente brilhantes. Teve embates firmes com os ministros Fux, Gilmar, Barroso e Levandosvsk. Aquela voz, independente, contra a unanimidade dos votos, não veremos mais. Aposentaram um guerreiro, nesse limite estúpido de 75 anos. Na Corte Suprema dos EUA, não há limite de idade. Os americanos não discriminam seus idosos, nós sim.
      Em relação a Tite, vou de ombro a ombro com Limongi. O técnico está perdido em meio as nulidades, que ele soberanamente escolheu. Jogadores sem alma e fibra de campeões, que fazem mímica no canto do Hino Nacional. Craque mesmo só o Neymar, mesmo assim, quer passar por todo mundo, resolver sozinho, lógico que não dá. O futebol é um jogo coletivo.
      Outra coisa, porque convocar jogadores, que quase nem conhecemos, como o Lodi, enquanto temos excelentes laterais jogando no Brasil? Falta um bom meio de campo e um finalizador de primeira.
      Assim, vamos voltar para casa, antes do tempo

  3. ” O presidente Bolsonaro encontra-se entubado na unidade intensiva do gabinete dos horrores e o governo está respirando por aparelhos”. Só espero, para este único paciente, que este possa passar pelo que os manauaras passaram, isto é, que lhe falte o oxigênio, tal qual ele deixou de prover em Manaus, deixando os amazonenses morrerem por não conseguirem respirar, e morreram asfixiados.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *