OAB identifica casos de racismo sem a menor justificativa

Francisco Vieira

A seccional da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio de Janeiro (OAB-RJ) realizou esta semana, na terça-feira, um ato de desagravo em protesto contra episódios de racismo no estado, acontecidos nos últimos meses.

Sempre é bom combater qualquer tipo de discriminação. Mas acontece que o presidente da Comissão de Igualdade Racial do órgão, Marcelo Dias, foi infeliz ao citar o caso da prisão do ator Vinícius Romão como um dos casos explícitos de racismo.

“É um ato de desagravo às vítimas de racismo e violência no estado. Nos últimos dois meses temos visto casos que me deixam estarrecido. O caso do suspeito de assalto amarrado ao poste; o caso do Vinícius Romão, que ficou 16 dias preso; o de Nina Silva, barrada na porta giratória de um banco; e da própria Cláudia [Silva Ferreira], que foi arrastada por uma viatura da [Polícia Militar] PM, são alguns deles”, disse o advogado.

Participou do ato o pai do jovem Hercules Menezes Santos, de 22 anos, que foi preso, acusado de roubar um veículo na região da Pavuna, em 27 de julho do ano passado. Hercules teve prisão preventiva decretada depois de ser reconhecido pela vítima, e está detido há mais de 80 dias.

“O receptador foi preso, e eles procuraram alguém com as características do suspeito no perfil do Facebook dele”, afirmou o advogado Bruno Cândido, também da Comissão de Igualdade Racial da OAB-RJ. “Recentemente, uma quadrilha foi presa por crimes da mesma tipificação na mesma região, e um deles tem semelhança física muito grande com o Hércules”.

AS INCOERÊNCIAS

1- O ator Vinicius é negro, mas a vítima que o apontou como ladrão também era negra! O nobre presidente estaria dizendo, nas entrelinhas, que a vítima é uma negra racista? O ladrão também era negro, pois se fosse branco não teria sido confundido com um negro. E agora? Se alguém fora assaltado por um ladrão negro será considerado racista se não fizer um retrato falado de branco?

2-Está também equivocado o doutor, ao achar que o “suspeito” de assalto foi amarrado ao poste por causa da cor da pele. Foi amarrado por causa do caráter, porque era um bandido e porque ninguém acredita no trabalho do nosso Poder Judiciário. Naquela mesma terça-feira, aqui no Distrito Federal, a população pegou um estuprador em flagrante, o apedrejou até a morte e ninguém quis saber a cor da pele dele. Só quiseram saber que era um estuprador.

3-O jovem Hercules é negro e, assim como no caso do ator, só foi apontado pela vítima  como ladrão porque, conforme disse o advogado da própria OAB, “um deles tem semelhança física muito grande com o Hércules”. Provavelmente essa semelhança abrangia algo mais que a altura e compleição. Será que o presidente quer que, após certa quantidade de negros serem presos, crie-se cotas de prisão para brancos para balancear a “cor nos presídios”?

4- Teria sido em uma manifestação de desprezo com a vida humana ou um caso de racismo que fez os policiais arrastar o corpo da senhora Cláudia como se fosse um saco de cimento? Só se foi racismo de negro contra negro, pois pelo menos um dos policiais é negro e os outros de cor “parda”.

5-Como desconheço o caso da jovem que ficou presa na porta giratória, nem sei se o sensor de detector de metais da porta é automático ou é acionado pelo segurança,  prefiro não emitir opinião,  mas é preciso ter sabedoria para não ver fantasmas onde tem apenas sombras.

Só tenho certeza que cada vez que uma porta giratória travar com alguém, o caso se transformar em episódio de racismo, este país virará uma grande balbúrdia

LUTHER KING

“-Eu tenho um sonho que minhas quatro pequenas crianças vão um dia viver em uma nação onde elas não serão julgadas pela cor da pele, mas pelo conteúdo de seu caráter.”  Martin Luther King Jr.

a) Pelo sonho, Martin L. King não gostaria que os seus filhos viessem a morar no Brasil de hoje, pois aqui seriam classificados pela cor da pele;

b) Os doutores acima, mesmo vivendo em 2014, deveriam aprender e se atualizar com as palavras do líder negro, ditas em 1963.

 

6 thoughts on “OAB identifica casos de racismo sem a menor justificativa

  1. Discordo do autor. Não creio em preconceito de cor. Creio em preconceito econômico. Isto é, não vejo preconceito com os negros, mas sim com os pobres. É só a minha opinião. Não fiquem zangados!

  2. Eu, mestiço (graças a Deus), casado com mestiça (graças a Deus de novo), com dois filhos mestiços (graças a Deus mais uma vez), pelo que tenho lido, o “políticamente correto” já foi longe demais.

    Fico até imaginando como seria a letra do maior sucesso do carnaval de 1950, a música Nega maluca, de Evaldo Ruy e Fernando Lobo, em versão atual…”politicamente correta”:

    “TAVA JOGANDO SINUCA
    UMA AFRODESCENDENTE COM PROBLEMAS PSICOLÓGICOS
    ME APARECEU…”

    Certamente, não faria sucesso. Nem em Brasília, na Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial.

    É por isso que dei razão ao Burica quando enfiou porrada em um “erudito” que o chamou de afrodescendente. Burica sempre afirmou ser brasileiro.

    • Faço minhas as suas palavras e como você, sou brasileiro. Acho que essa turminha que se intitula afro, tem muito ressentimento. Quando esses canalhas classificam um mestiço como eu no rol de afrodescendente, estão ultrajando minha história, pois onde foram colocados meus ancestrais brancos e indígenas? Eu odeio essa cambada falsificadora de história, bando de racistas.

  3. Sr. Francisco Vieira… Sua pontuações ..destacadas em seu texto ..são no minimo dignas de uma “trapalhada” cosmovisão.

    Mas, quando escreveres sobre o Racismo ..por favor ..não compliques a lógica…utilizando somente
    aquilo que tu”acha” condizente para sustentar a sua “cosmovisão atrapalhada” dos fatos Racistas
    “manipulados e escondidos” sutilmente nos fatos..hodiernos.

    Mas..vou “tentar” refrescar sua mente..afinal nada que questionar certos pontos lógicos para
    destravar “mentes cauterizadas” por uma cosmovisão errada ..firmados em PREMISSAS erradas
    para falar..escrever e analisar o que é o RACISMO ENCOBERTO ..atualmente vigente..na sociedade
    Brasileira.

    Vamos aos Questionamentos:

    1) Quando observamos os fatos cotidianos…seja na tv..ou nos noticiários … O que vemos ?
    diversas situações. Então vc já parou para verificar o Racismo ao seu redor..no dia a dia..?
    Na questão citada pelo Sr. Francisco …A Cidadã que foi “baleada ” morava ..digamos no alto-leblon
    ou na Orla de Ipanema ? Morava ela em um Bairro ..COM TODA ESTRUTURA DIGNA de se viver ?
    Morava esta Sra. em um local onde os principios elementares e de civilidade social são Respeitados?

    Resposta: NÃO. Essa Sra. cidadã vivia em uma “comunidade” termo pejorativo para designar
    localidade desprovida de estrutura básica, fato evidente ..no próprio desfecho trágico que lhe
    subtraiu-lhe a sua VIDA…AFINAL é nestas “comunidades” que ASSISTIMOS o “sistema policial”
    já chegando “DISTRIBUINDO ..TIROS..A ESMOS…DANDO PORRADAS EM JOVENS , ADULTOS E VELHOS
    INVADINDO RESIDENCIAS , AGINDO DE UMA FORMA QUE DEIXARIAM OS “VIKINGS” DE “BOCA
    ABERTA”. Tudo sem a menor cerimônia, sem o menor temor de serem punidos ..por que ? Porque são TODOS “vassalos do sistema racista”, afinal 95 % dos moradores destas ditas “comunidades” são NEGRO e NEGROS MESTIÇOS.

    É nestas “comunidades” que vemos o que assistimos com Sra. que foi
    assassinada e depois “jogada” como um lixo ..na caçamba da viatura …e o “resultado” do ato
    TODOS nós já assistimos… (E ainda tem Brasileiros “chorando pelos judeus ” …na “fantástica Fantasia” criada e todos anos lembrada pelo codinome Holocausto), e quem tiver um minimo de critica vai pontuar ..a que ponto chegou o nosso Racismo ( A musica …de Billie Holiday …. STRANGE FRUIT
    ( Fruta Estranha )… ENCAIXA PERFEITAMENTE …com tudo que estão fazendo contra os NEGROS e NEGROS mestiços na sociedade Brasileira…. Transcrevo abaixo uma pequena parte desta maravilhosa e contundente amostra de como se deve utilizar a música para mostrar uma realidade que é o RACISMO. )

    Strange Fruit
    Southern trees bear strange fruit,
    Blood on the leaves and blood at the root,
    Black bodies swinging in the southern breeze,
    Strange fruit hanging from the poplar trees.

    Fruta Estranha
    Árvores do sul produzem uma fruta estranha,
    Sangue nas folhas e sangue nas raízes,
    Corpos negros balançando na brisa do sul,
    Frutas estranhas penduradas nos álamos

    Portanto Sr. Francisco ..pare de escrever bobagens , pontue sua critica em fatos lógicos ..deixe de ser
    menino..e passe a ser adulto no debate sobre o Racismo…seja lógico e procure olhar TUDO que se faz
    com os jovens, adultos e velhos da RAÇA NEGRA e NEGROS mestiços com uma cognição RACIAL.

    2) – Sua “defesa” sobre o ladrão Negro..vitima Negra…e confusão advinda..é de novo uma “armação”
    de sua parte… Mas o Sr. já soube de casos em que NEGROS…quando entram em uma loja “são”
    de pronto vigiados como se fossem ladrões a darem o “bote” ? Ou digamos : Quando um jovem
    NEGRO..dirigindo seu bmw ..é parado em uma “blitz” com arma apontada em sua direção,é
    aos gritos mandado sair do veiculo , e ao sair , observa logo em frente um carro guiado por um
    jovem Branco, sendo “fiscalizado” por um policial ..com ele ( o jovem Branco) AINDA SENTADO
    dentro do seu VEICULO, sem arma apontada para sua cabeça ..e sem gritos…etc..etc..
    ACHAS que estou usando de blás..blás..Sr. Francisco ? Não. Esse fato foi vivenciado por um
    cantor NEGRO Bahiano ( Meu amigo por sinal ) fato ocorrido aqui mesmo na Orla de Salvador.

    3) Sua posição destacada em seu item 4 demonstra sua fragilidade em debater e escrever sobre o
    tema …. Saiba Sr. Francisco que os atos cometidos pelos policiais… irrelevantes serem eles Negros
    ou Negros Mestiços, é o FATO DE QUE ELES SEGUEM UMA CARTILHA já direcionada ..e isso não
    lhes isenta de serem antes de tudo Humanos… Suas condutas coaduna com o que eles foram
    doutrinados ao longo de sua vida de policiais militares, com a propaganda Racista ventilada aos
    quatros cantos pelo “sistema dominante” que os utiliza para “serem autoridades” e estes
    desprovidos de uma base sólida de cidadania e respeito aos direitos básicos de cada cidadão
    agem desta forma, e o que pior, agem desta forma , nos bairros pejorativados de “comunidades”
    mas de forma ALGUMA eles fazem a mesma abordagens nos BAIRROS RICOS E ELEGANTES,
    afinal..é nestes que se alojam os seus patrões. Agem desta forma , pq ..basicamente viveram ao
    longo de suas vidas nestas mesmas “comunidades” é por um estranho principio agem de forma
    violenta contra estas “comunidades” .onde ELES mesmos tem origem …. Como LOUCOS
    IRRACIONAIS, são atores manipulados, com um uniforme e uma ARMA na mão se ACHAM
    acima dos “moradores destas comunidades” uma forma de mostrar a estes sua “AUTORIDADE”.
    Uma prova cabal de sua “falta de auto estima e de sua pobreza cultural ” diante dos seus irmãos
    NEGROS..e NEGROS Mestiços moradores destas “comunidades’.

    E por último seu item 5 , uma pérola de sarcasmo recheado de uma cosmovisão digna de uma
    criança ainda mamando ….

    Meu caro Sr. Francisco, o modelo ora implantado nos EUA ..sobre segregação Racial … e por tudo
    advindo deste modelo, nem precisou ser implantado aqui em nosso Brasil , AFINAL..desde há
    muito (pós libertação Fraudulenta), aos NEGROS foi-lhes designado o seu lugar…nem precisou
    ordená-los a se sentarem nos últimos bancos dos onibus, ou impedir-lhes de estudarem como
    sabemos o que houve na universidades dos EUA ..em especial nos estados Sulistas…

    Aqui nem precisou que isso fosse implantado, pois a premissa fundamental é que TUDO foi negado
    aos NEGROS PÓS LIBERTAÇÃO (moradias, trabalho, ensino, cidadania e etc..etc.. ), com o intuito
    de deixá-los ALIENADOs , sobre tudo, afinal… negando-lhe o principio básico de qualquer sociedade que é a formação cultural através do ensino, e consequentemente sua ascenção social como um individuo da qual faz parte.

    Aos NEGROS Brasilieros foi lhes dado somente o sub desenvolvimento social , impedindo o seu progresso academico, sua profissionalização, sua localidade
    para fixar moradia digna ..(Afinal morros nunca foi lugar para se fazer casas para morar, uma casa
    se conceitua em ter uma base (alicerce ) e como há de se fazer uma base em morro ? ) TUDO
    contribui para a marginalização dos NEGROS ..E isso se traduz na odiosa forma de TRATAMENTO
    desigual a qual assistimos diariamente ..seja na TV ..seja no nosso DIA …DIA …. A questão sobre
    o TRATAMENTO RACIAL dado quando um NEGRO se dirige a porta de uma Instituição Bancária
    se nota de forma espantosa..Eu mesmo já vivenciei essas situações nitidamente depreciativas
    onde cidadãos de pele clara ..cabelos lisos..e bem vestidos..( masculinos e femininos) RECEBEM
    UM TRATAMENTO diferenciado por parte dos seguranças (geralmente NEGROS) , ENQUANTO
    Pessoas NEGRAS e NEGRAS mestiças…SÃO barrados na porta, onde são “OBRIGADOS”
    de forma absurda a “esvaziarem” suas bolsas, levantar a camisa, etc..etc..

    Naõ vou nem pormenorizar a situação da transmissão do conhecimento em favor dos NEGROS
    EM ESPECIAL NO PERIODO FINAL DO IMPÉRIO E POR TODO PERIODO REPUBLICANO.

    Negar que isso aconteça é como negar o principio de que a terra gira em torno do sol.

    Espero ter levantado a “cortina ” Sr. Francisco para que tu possas melhor conduzir este tema em
    suas futuras abordagens, se não mudares sua forma de ver e de analisar o macabro tema que
    é o RACISMO EM NOSSA SOCIEDADE…com certeza continuarás a emitir pareceres só sob uma ótica
    e então sua análise vai comprometer a VERDADE.

    É o que penso…

    Saúde para sua casa .

    YAWHE SEJA LOUVADO..SEMPRE..

    Carlos de Jesus -Salvador -Bahia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *