Odebrecht ameaça colocar em cena cópias de segurança, uma delas está na Suíça

Resultado de imagem para lista de fachin charges

Charge do Sponholz (sponholz.arq.br)

Pedro do Coutto

Ex-executivos da Odebrecht, mas inevitavelmente sintonizados com o patriarca da empresa, revelaram nos vídeos que contêm suas delações que a construtora possui o que chamaram de cópias de segurança contendo comprovantes dos depósitos que fizeram e dos repasses entregues a vivo diretamente aos personagens do destino das propinas. As cópias foram criptografadas, uma delas depositada na Suiça.

Será esta iniciativa mais uma etapa do processo que envolve as delações homologadas pela Justiça. Será uma etapa decisiva, pois até agora os acusados desmentem as acusações e, portanto, os acusadores com uma afirmação genérica de que não receberam recursos ilegais e não possuem contas no exterior. Não negam os encontros e, na maioria dos casos a procedência dos recursos. Limitam-se a dizer que o dinheiro recebido encontrava-se dentro da lei e nas prestações de contas que prestaram à Justiça Eleitoral do país.

COMPROVAÇÃO – A negativa é um lance difícil, porque os doadores dos recursos, no caso da Odebrecht, claramente tomaram providências para assegurar sua comprovação. Tarefa fácil no caso dos depósitos bancários registrados, além de registrados também os respectivos saques e transferências. Esta fase do processo tem tudo para se revestir de confrontos de grande apelo informativo. Para não dizer de apelo sensacional.

Na época moderna ninguém conseguirá escapar da tecnologia, das facilidades e riscos que ela própria proporciona. As redes sociais de comunicação arquivam sem dúvida todas as comunicações que passaram por elas. Tanto assim que um dos ex-executivos da Odebrecht revelou ter advertido um dos personagens abastecidos que não usasse a comunicação na qual pedia comprovação de depósito, pelo celular.

DOAÇÃO ILEGAL – Esta advertência revela ao Mesmo tempo o caráter ilegal da doação e também a cautela que o ex-executivo tinha de manter o sigilo, inclusive referente à empresa. Será um capítulo longo este que tem como cenário as cópias criptografadas capazes de desarmar muitos argumentos de negativa por parte dos que receberam recursos. Como são tantos, a confrontação deverá se alongar no tempo.

Com base nas prisões efetuadas e nos valores revelados seja difícil negar os fatos concretos. O ex-presidente Lula, por exemplo, como está publicado no O Globo de sexta-feira, afirmou que se alguém recebeu dinheiro em seu nome, esse alguém deve ser preso.

Nessa história do propinoduto tem que se levar em conta os intermediários. Eles podem desviar para si uma pequena parte do que receberam, digamos uma parcela de 5% do que transferiram. Mas esta é outra questão.

5 thoughts on “Odebrecht ameaça colocar em cena cópias de segurança, uma delas está na Suíça

  1. São esses que farão a “deforma” da previdência ?

    Esses que nos assaltam todos os dias ?

    Esses que tem aposentadorias gordas sem quase nenhuma contrapartida para o País ? Muito pelo contrário…

    Todos devem encher as ruas dia 28 de abril !

    Parem agora ou. Ao parem nunca mais !

    Greve Geral 28 de Abril !!!

  2. O MP deve exigir tais cópias, caso contrário não terá delação premiada, já que quer colocar o país a limpo, não adianta nada dizer quem roubou, tem que ter provas e se as tem, é preciso provar, todos que receberam dinheiro de propina, é como diz o procurador, qualquer servidor que recebe R$1,00 é corrupto e quem dá é corruptor, os dois praticam crime.

  3. O grande e experiente Jornalista Sr. PEDRO DO COUTTO nos diz que a ODEBRECHT SA ameaça provar com documentos, tudo o que foi relatado nas Delações Premiadas. Ninguém duvida que o façam.
    Só que envolvendo a maioria dos Chefes Políticos dos principais Partidos Políticos, e +- 1/3 do Congresso Nacional, etc, e aí tudo misturado, Doações Legais, Ilegais, Comissões, Caixa 1, 2 e 3, etc,etc, a JUSTIÇA, especialmente o Supremo Tribunal Federal, deve montar uma Operação Especial rápida para separar o joio do trigo e punir os Culpados rapidamente, sob pena de termos enorme instabilidade Política geradora da mais Recessão Econômica/Desemprego, já em meio de uma grande Recessão.

    De tudo esse “Freio de Arrumação” da Lava Jato,etc, deveria resultar uma profunda REFORMA POLÍTICA que barateie o Custo elevadíssimo da Política Nacional/Eleições, e que especialmente a VONTADE DO POVO se expresse na Política Nacional.
    Hoje a vontade Política do Povo está em completa contradição com a Política desenvolvida por seus Representantes.
    Cria-se assim uma grande INSTABILIDADE.

  4. Enquanto houve reeleição e político profissional, teremos esta democracia que está aí, se locupletram com doações de campanha via caixa 2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *