Opção pelo 5G chinês comprometerá negociações na área de defesa, avisa Trump

Resultado de imagem para TRUMPO G5 CHARGES

Com o 5G. Trump joga sua cartada decisiva

Eliane Cantanhêde
Estadão

O Brasil está sofrendo pressões dos dois lados de uma guerra pós-contemporânea que tende a ter grande impacto na humanidade e tem nome curto, na verdade, uma sigla: 5G. Por trás desse avanço revolucionário há uma disputa entre Estados Unidos e China pela dominação do mundo no futuro.

Parece exagero? Pode ser, mas os estrategistas dos países desenvolvidos se debruçam sobre o tema e o governo brasileiro, providencialmente cauteloso, criou um grupo de trabalho para analisar a questão sob os vários aspectos que ela abrange: financeiro, tecnológico, econômico e político, considerando a segurança de dados públicos, privados e individuais. Não é pouco. E não é fácil.

PRESSÃO BILATERAL – Tanto os chineses pressionam o Brasil a favor do 5-G da Huawei, alegando preços menores e capacidade maior, quanto os americanos trabalham em sentido contrário, alertando para a “ameaça” que pode representar para a soberania nacional uma empresa estatal da China na área de dados.

Em resumo, há temor de que a China, hoje segunda maior potência, possa usar o 5G para não só coletar, mas manipular dados de defesa, comunicações, energia elétrica, estradas, controle aéreo e florestas. Além de reunir o maior banco de dados de indivíduos do mundo.

O governo chinês, que não é exatamente uma democracia, teria o controle de algo preciosíssimo nas disputas entre potências: informação. E, pior: poderia ter o controle remoto do funcionamento de todo o País. Com um botão, desligar uma hidrelétrica.

LUTA POR HEGEMONIA – Evidentemente, nenhum dos dois lados é santo e os Estados Unidos não estão preocupados em preservar dados e bases estratégicas brasileiros, mas sim sua própria hegemonia. Aliás, faz pouco tempo, uns cinco anos, que se descobriu que a NSA, agência de espionagem americana, grampeava a presidente Dilma Rousseff, 29 membros do governo e estatais, como a Petrobrás.

Já que o presidente Jair Bolsonaro vai aos EUA em março, é bom lembrar que a diplomacia, a economia e a agricultura brasileiras têm recolocado no eixo as relações com a China, que haviam sido ameaçadas pelo presidente, mas a prioridade das prioridades é a parceria com os EUA, ou melhor, com o governo Donald Trump.

Essa parceria vai bem, com pelo menos dez pontos prioritários. Trump lota aviões de brasileiros ilegais (que aumentaram entre 700% e 1000% em 2019) para despejá-los de volta, mas Bolsonaro lava as mãos e até estimula, considerando que esse é um problema menor. Quem arrisca que se vire. O importante é o interesse nacional.

EIXO DA DIREITA – Brasil e EUA, que se unem a regimes como o da Hungria e Polônia, tendo como pretexto uma tal de “Aliança pela Liberdade Religiosa”, estão na verdade construindo um eixo internacional ideológico, de direita. E isso serve de liga para uma aproximação bilateral crescente em comércio, investimentos, energia, uso da Base de Alcântara (MA), pesquisa, tecnologia, cooperação em diferentes áreas, inclusive defesa, tão cara a Bolsonaro.

E é precisamente aí, nesse pacote, que o governo americano tem mandado um recado nada sutil para o brasileiro: as negociações e acordos vão de vento em popa, mas uma eventual adesão do Brasil à tecnologia 5G da China terá consequências e poderá prejudicar a aproximação, principalmente na área de defesa.

A OPÇÃO DO BRASIL – As guerras já foram com soldados em terra, passaram a ser por mísseis, resvalaram para uma fase nuclear e agora caminham para ser mais sofisticadas. A nova guerra é digital, pelo controle do mundo via dados.

Não tem jeito: o 5G veio para ficar e, assim como todos os países, o Brasil vai ter que optar pelo modelo que melhor lhe convier, estrategicamente. Mas todo cuidado é pouco na hora de decidir. Se correr, o bicho pega; se ficar, o bicho come.

22 thoughts on “Opção pelo 5G chinês comprometerá negociações na área de defesa, avisa Trump

  1. “Em resumo, há temor de que a China, hoje segunda maior potência, possa usar o 5G para não só coletar, mas manipular dados de defesa, comunicações, energia elétrica, estradas, controle aéreo e florestas. Além de reunir o maior banco de dados de indivíduos do mundo.”
    Alguém duvida? Há temor não são as palavras certas e sim: Há a certeza de que a China, hoje segunda maior potência, vai usar o 5G para não só coletar, mas manipular dados de defesa, comunicações, energia elétrica, estradas, controle aéreo e florestas. Além de reunir o maior banco de dados de indivíduos do mundo.

    • E você acha que os Estados Unidos não vão fazer a mesma coisa? Recentemente se soube que a CIA era a acionista majoritária de uma grande empresa de criptografia, a Crypto AG, suíça, cujas máquinas de encrioptar e decriptar mensagens eram usadas pelos governos e empresas de muitos países do mundo, inclusive o Brasil, que não sabiam que a CIA tinha amplo acesso a todos os seus segredos…

  2. “A Radiação Eletromagnética com a Nova Tecnologia de Telefonia Celular 5G e a Nova Ordem Mundial.”
    “Há muito tempo que se sabe que a radiação eletromagnética tem efeitos biológicos, mesmo em níveis de baixa energia. Os níveis gerados pelos telefones celulares são prejudiciais se a pessoa ficar exposta a eles por um longo período de tempo. A planejada nova geração da tecnologia, que é conhecida como 5G (Quinta Geração), está prevista para ser lançada em 2019 e marcará um acentuado aumento nos níveis de energia e na exposição à radiação eletromagnética à qual todos ficarão expostos (não apenas os usuários). Estudos científicos mostram que 5G causará efeitos prejudiciais à saúde, porém esses estudos estão sendo ignorados pela indústria da telefonia celular e pelos governos, que deveriam cuidar do bem-estar da população. Os Illuminati estão claramente planejando usar 5G para enfraquecer grandemente a sociedade e facilitar a imposição da Nova Ordem Mundial. [114 KB].”

    • Prezado Guilherme,

      “A tecnologia 5G representa perigo?
      Vamos morrer de câncer?”

      Respostas dadas por um professor de física, Douglas Gomes, no vídeo abaixo, e como são transportados os pacotes de energia em tais frequências:

      “Neste vídeo, mostro a natureza do sinal 5g, por meio do estudo das ondas eletromagnéticas. Além disso, por meio da equação de Planck, fazemos uma análise da quantização da energia para entender a poder ionizante e o risco de câncer. Com isso, analisamos os perigos advindos das ondas eletromagnéticas.”

      Portanto, meu caro, veja estas explanações e conclua por si mesmo sobre se as ondas eletromagnéticas nas frequências usadas pelos celulares fazem algum mal à saúde, já que as leis da física não serão alteradas.

      https://www.youtube.com/watch?v=MuKR1htWyFw

      Abraços.

  3. A ilustre jornalista esta perfeita no seu prognostico. E agora, qual o diagnóstico!
    Temos ciência e tecnologia para os desafios de dominação futuros!
    Quais as instituições nativas que dispõem de melhor condições estratégicas capazes de oferecer uma saída interna!
    Ou, mais uma vês nos veremos atrelados aos interesses de outrem.
    O continuaremos sendo um um país rico de recursos naturais e de idiotas pernósticos.

  4. Esses tipos de artigos são melhores elaborados por jornalistas de verdade. Coisa que não se encontra na nossa extrema imprensa.
    É um assunto complexo que exige conhecimento técnico.
    Na nossa mídia, qualquer evento serve apenas de tema , para satisfazer suas taras esquerdistas.
    ( ‘EIXO DA DIREITA – Brasil e EUA, que se unem a regimes como o da Hungria e Polônia, tendo como pretexto uma tal de “Aliança pela Liberdade Religiosa”, estão na verdade construindo um eixo internacional ideológico, de direita.’)

  5. Força de expressão, oras pois: “Deus nos diz que uma cooperação “secreta”(nas sombras) ocorrerá entre as dez nações-chave no fim dos tempos; no plano de reorganização da Nova Ordem Mundial, os EUA são parte do NAFTA, a Nação #1, e a China é a Nação #10. ”
    Preambulo extraido, de “O Incidente com o Avião de Vigilância EP-3E na China — Evento Tem Assinatura Ocultista!”
    “Quando você compreender os fatos a respeito desse avião extremamente sofisticado, perceberá que a tripulação pôde agir da forma como agiu apenas por ordem direta do presidente George W Bush. Se esse incidente foi fabricado para transferir tecnologia à China, o plano dos Illuminati de rearmar a China está em andamento, mesmo com um conservador na presidência. Além disso, por que números ocultistas sagrados permeiam os fatos ligados a esse incidente? Quem estava sinalizando para quem?”
    -“PLANO DA NOVA ORDEM MUNDIAL: “… se todos se revoltarem contra nós, responderemos com os canhões americanos, chineses…” [Protocolos dos Sábios de Sião, Protocolo #7, Parágrafo 6].
    https://www.espada.eti.br/n1501.asp

  6. Não há necessidade de comissão para decidir o que é óbvio: a tecnologia do 5G para o Brasil deve ser americana. Òs Estados Unidos faz parte do nosso continente e da nossa cultura: nossos inesquecíveis ídolos da música são americanos, o cinema que gostamos é americano. A tecnologia que usamos desde o telégrafo sem fio é americana. We are south americans! We are brothers!

  7. Por uma dessas casualidades, pago por 200 mega de velocidade para o computador e TV, de modo que eu assista os aplicativos instalados – Netflix, HBO GO, Locke, Prime Vídeo e Globoplay – sem problemas.

    Acontece que reclamei da fornecedora que a TV só recebia pelo cabo Lan 100 mega, e não os 200, que pago mensalmente.

    Fui atendido prontamente, pois o interior tem essas vantagens de atendimento rápido e em plena terça de carnaval, para ouvir o seguinte:
    A TV tem um limite de entrada em mega pela porta do cabo Lan de 100 mega.
    Caso eu quisesse ter os 200 mega, seria necessário eu usar o wi fi, ou seja, sem fio.

    Perguntei como era possível, e me disseram o seguinte:
    – Vamos usar o 5G. Como ainda é ilimitado, a tua TV terá muito maior velocidade.
    Não deu outra.
    De 95/98 mega com cabo, pulei para 400 mega!!!

    Aonde quero chegar com essa história:
    Imaginem a capacidade de um super computador à base de 5G, a velocidade que poderá ter??!!
    A China vai ver o Trump no banheiro e até tentando fazer sexo com a sua bela mulher!

    O americano não tá nem aí para a segurança do seu país, que poderá fazer o mesmo com os chineses, o problema é o mundo tomar conhecimento que Trump não tem “mega” nenhum, mesmo tendo ao seu lado uma beldade!

    Bom, fiquei satisfeito com os 5G, pois agora pego até briga de vizinhos!

  8. VERDADE, DEUS ESCREVE SEMPRE CERTO, mesmo quando o faz por aparentes linhas tortas. Demo é povo. Cracia é governo. Logo, Democracia é governo do povo. Será que o povo governa alguma coisa neste país ? A meu ver, a coisa está mais para guerra de quadrilhas e quadrilheiros, fantasiados de partidos e políticos, digladiando-se num lixão a céu aberto, do que para Democracia propriamente dita. Democracia, no caso do Brasil, enquanto cópia piorada da matriz, é só fantasia usada para enganar a tola freguesia. Na realidade, como ela é, o que se vê é guerra, guerra tribal, primitiva, permanente e insana, por poder dinheiro, vantagens e privilégios, sem limite$, que caracterizam uma espécie de plutocracia putrefata como jeitão de cleptocracia e ares fétidos de bandidocracia, no Brasil, protagonizada há 130 anos pelo golpismo ditatorial, o partidarismo eleitoral e seus tentáculos, velhaco$, enquanto sócios-proprietários da república 171 dos me$mo$, fantasiados de direita, esquerda e centro, que funciona à moda todos os bônus para ele$ e o resto que se dane com os ônus. Fantasias essas que, passado o carnaval, está mais do que na hora de rasga-las, jogá-las no lixão da história do Brasil, e por no lugar das ditas-cujas a verdade libertadora como ela realmente é, tal seja a Democracia de Verdade, Direta, com Meritocracia, como propõe a RPL-PNBC-DD-ME, a reinvenção do Brasil, o Projeto Novo e Alternativo de Política e de Nação, o novo caminho para o novo Brasil de verdade, porque evoluir é preciso, alicerçado na paz, no amor, no perdão, na conciliação, na união e na mobilização pela mega-solução, como cantado pela Escola de Samba Beija-Flor, na Avenida Sapucaí, nesta madrugada de terça-feira, como consequência evolutiva natural do momento histórico a que chegamos e que pede, desesperadamente, o descortino de novos horizontes, ou Novo Eldorado, pela Terceira Via de Verdade, a execução do milagre da multiplicação dos pães, dos peixes e das oportunidades em todo o território nacional, como tem profetizado há cerca de 30 anos o profeta peregrino, o ex-moleque de pé no chão, em peregrinação pelas ruas do Brasil. http://www.tribunadainternet.com.br/o-que-se-ve-hoje-pelo-mundo-e-que-em-nome-da-lei-tenta-se-matar-a-democracia/?fbclid=IwAR0RReBFetkovUZIdVj0rmpEuh5B6QWFgnT-GFlN0fJwzsb217_iXOovhws

  9. “Já que o presidente Jair Bolsonaro vai aos EUA em março, é bom lembrar que a diplomacia, a economia e a agricultura brasileiras têm recolocado no eixo as relações com a China, que haviam sido ameaçadas pelo presidente, mas a prioridade das prioridades é a parceria com os EUA, ou melhor, com o governo Donald Trump.”
    OPINO:
    Sim, a Inglaterra, França, Alemanha, Itália, Canadá e outros países democráticos negociam com a China, MAS todos estão sob a proteção (não submissos) do Guarda-chuva americano.
    É isso que queremos do governo Bolsonaro, que não se incline para a Esquerda.
    Os socialistas tupiniquins dizem que Bolsonaro é submisso ao Trump, não é.
    Já o Fidel Castro era sim, uma espécie de office-boy da URSS.
    A Coréia do Norte pode até ser aliada da China, mas está sob o jugo da potência socialista.
    Dizem que os EUA não têm amigos, tem interesses. Que continue tendo interesses por nossos produtos, que negocie com o Brasil e compre nossos produtos e pague.

    Os americanos nunca agiram com seus aliados como a URSS e China agem com os seus. E sei um pouco sobre isso aí.
    Apenas um exemplo:
    Em 1968 o Líder da Tchecoslováquia, que era comunista, achou de fazer algumas reformas com o título de “socialismo com uma face humana” onde seu governo ampliava os direitos civis e a liberdade de imprensa, restringia a ação da polícia secreta, começou a limitar o poder dos burocratas, e entre outras medidas.
    Esse período de liberalização foi chamado de Primavera de Praga.
    Pois bem, por querer dar um pouco de Liberdade ao seu povo, foi o bastante para irritar o Líder máximo da Matriz, o senhor Leonid Brejnev. O mesmo mandou seu aparato de guerra (forças do Pacto de Varsóvia) invadir com tanques de guerra a capital Praga.

    Potências ou não, os países comunistas não deixaram bons exemplos para a humanidade.
    Após o término da 2ª Guerra os americanos (com dinheiro) ajudaram a reconstruir a Europa.
    Após os EUA derrotar os japoneses seus soldados deram um tempo por lá. Quando este país pôde andar com suas próprias pernas e ter a capacidade de reconstruir os estragos, os EUA se retiram de lá.
    Hoje o Japão é uma potencia econômica e tecnológica.
    Agora façam uma reflexão com base num acontecimento hipotético: E se no lugar dos EUA estivesse a China de Mao Tsé- Tung?
    Einstein não precisou explicar como seria a 3ª Guerra Mundial, apenas falou sobre a 4ª que seria com paus e pedras.
    Então uso do plágio para dizer: – Se no lugar dos EUA, não sei qual tratamento a China daria ao Japão, mas sei que no Futuro o Japão não seria um país desenvolvido.

    E se, toda a ajuda da Reconstrução da Europa viesse da antiga URSS?
    Dou uma de Einstein e respondo: – Não sei como a URSS conseguiu ajudar a Europa, mas sei que no Futuro a Europa não será mais próspera e Livre.

    Então Bolsonaro, revendo o que a História mostrou até os dias de hoje, avalie bem, para não jogar nosso país no abismo. Anos passados quase o jogaram.

  10. Sem ter certeza alguma, pois não sou historiador e não sei nada de coisa alguma, mas costumo dar meus pitacos.
    Japão, os Tigres asiáticos, Israel e deve ter mais uns 2 ou 3, são países ricos, prósperos, que usufruem de grande capacidade tecnológica e são nações com democracias já praticamente restabelecidas.
    Diria que existem algumas ressalvas sobre Israel e Singapura, mas teria que escrever um pouco mais para explicar através da minha ínfima capacidade intelectual.
    Se for feita uma pesquisa sobre esses países citados acima, acrescentando o Chile, Portugal e Espanha, correndo por fora, para se avaliar de onde mais eles receberam ajuda financeira e tecnológica, creio que foram dos EUA e não da China e nem da URSS.
    Se for avaliar em quais Universidades muitos jovens desses citados países estudaram, tenho certeza de que foram nas Universidades ocidentais (EUA e Europa), principalmente nos EUA e na Inglaterra.
    E tenho certeza que, a maior cooperação e abertura dos seus Mercados (que tinha tudo para oferecer) para esses futuros países prósperos vieram dos EUA.

    Veja o exemplo de Taiwan, hoje um país próspero e industrializado. Faz parte dos Tigres asiáticos. Se tivesse ainda sobre o completo domínio da China não seria o que é.
    Inclusive, a própria China cresceu, teve seus méritos? Sim, MAS bebeu um pouco de todo o conhecimento americano, do conhecimento Ocidental que sempre esteve à dianteira do Oriente.

  11. Recentemente o Estadão de SP publicou que na Guerra das Malvinas, as comunicações argentinas ( feitas com equipamentos comprados dos EUA) eram captadas pela CIA, que as repassava para o seu aliado da OTAN ( Inglaterra).
    Galtiere achou que poderia vencer a OTAN ????

  12. Resumindo: temos que escolher entre a democracia, a liberdade, a verdade, mais emprego, o cristianismo, o direito e a justica, representados pelos EUA, ou pela mentira, ditadura, perseguição, prisão, fuzilamento, Campos de concentracao, destruição da economia, proibição de professarmos nossa fé cristã, comunismo, fome, morte, perda do controle da educação dos nossos filhos e netos, vê-los vítimas da pedofilia, enfim, a visão do inferno, representados pela China. Alguém tem alguma dúvida?

  13. Os EUA não são perfeitos e nem bonzinhos, apenas vive e deixa todos viverem em paz e cada um cuidar de si próprio.
    O problema é que, alguns não têm a mínima disposição e competência de produzir conhecimento e riqueza material, prefere usurpar de quem a produz.
    No EUA ou em qualquer país que pratique o Capitalismo qualquer pessoa através do esforço próprio pode progredir.
    Nos países comunistas e totalitários, NÃO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *