Operao da PF no Rio tem como alvo ex-secretrio do prefeito Eduardo Paes

Resultado de imagem para rodrigo bethlem

Bethlem era um dos principais secretrios de Paes

Italo Nogueira
Folha

A Polcia Federal realiza na manh desta tera-feira (15) operao para cumprir mandados de busca e apreenso em endereos ligados ao ex-deputado Rodrigo Bethlem, ex-brao direito do ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (PMDB). A ao um desdobramento das operaes Calicute e Ponto Final. Mensagens de celular e e-mails interceptadas pelo Ministrio Pblico Federal indicam que Bethlem atuaria como um intermedirio dos empresrios de nibus. H indcios de que ele articularia para que um esquema de corrupo instalado na prefeitura fosse continuado na gesto de Marcelo Crivella (PRB).

Bethlem ocupou os cargos de secretrio municipal de Ordem Pblica e Assistncia Social na gesto de Eduardo Paes at 2014. Os dois romperam aps a divulgao de gravaes que indicavam que ele mantinha contas na Sua.

TRANQUILIZANDO – Bethlem enviou mensagem no dia ltimo dia 28 de dezembro a Llis Teixeira, ex-presidente da Fetranspor preso na Operao Ponto Final, dizendo que “tranquilizasse a ‘turma’, pois o esquema seria supostamente mantido, ao que tudo indica, pela atual administrao municipal”.

“Meu amigo garantiu que se o atual fizer ele mantm. Entendeu?”, escreveu Bethlem a Teixeira, pouco depois de pedir um encontro “urgente”.

Uma das suspeitas que a mensagem seja endereada ao empresrio Jacob Barata Filho, tambm preso na Ponto Final. H diversos e-mails que indicam reunies frequentes entre os dois.

APOIO A CRIVELLA – Na campanha do ano passado, Bethlem auxiliou Crivella, de quem se aproximou no ltimo ano. Embora no ocupe cargo pblico, segue influenciando nos bastidores a atual gesto municipal.

Em mensagens trocadas no dia 2 de janeiro, Bethlem afirma a Teixeira que “este vice vai dar muito trabalho”, em referncia ao vice-prefeito Fernando MacDowell.

Engenheiro e ex-funcionrio do metr, MacDowell vetou o reajuste contratual da tarifa este ano. Ele acumulou a Secretaria Municipal de Transporte, onde tem protagonizado embates com as empresas de nibus. “Ele que criou caso. Os dois tinham se acertado”, escreveu Bethlem.

E-MAILS REVELADORES – O Ministrio Pblico Federal interceptou ainda, com autorizao da Justia Federal, e-mails entre Bethlem e os ex-secretrios estaduais Hudson Braga, Wilson Carlos e o ex-governador Srgio Cabral (PMDB) todos presos desde novembro.

Neles, h referncias a possveis ameaas do ex-secretrio de Paes contra os peemedebistas, em razo do bloqueio de seus bens pela Justia estadual.

###
NOTA DA REDAO DO BLOGA fila anda, e se aproxima a vez de Eduardo Paes, que chefiava no Rio a quadrilha dos “legados da Copa e da Olimpada”, digamos assim. (C.N.)

4 thoughts on “Operao da PF no Rio tem como alvo ex-secretrio do prefeito Eduardo Paes

  1. Pois , seu redator, a fila anda mas no nos leva a lugar nenhum. Do que adianta haver a PF, alguns heroicos procuradores, um Moro, um juiz no Rio e outro em Braslia, no enfrentamento da corrupo, quando o STF letrgico dormita em bero esplndido – e muitas vezes particeps criminis em suas decises para acobertar o mando de planto.
    Perdoem a ignorncia deste humilde carpinteiro, mas por onde anda a discusso sobre foro privilegiado que o STF iniciou h alguns meses? Continua na gaveta do juiz novato?

  2. O Rio de Janeiro est uma baguna, como pode, este tal de Rodrigo Bethlem, foi pego em flagrante em telefonema e diz que no falou nada, que porcaria est acontecendo neste pas, se o secretrio de segurana Roberto S, que diante mo parabenizo pela coragem de falar o que sente e conhece o que est acontecendo neste pas, fala para fazer a reforma da segurana, o almofadinha do Rodrigo Maia vem criticar, v para o inferno Rodrigo Maia e leve seus asseclas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.